WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: 24/mar/2022 . 15:13

Caixa reduz taxa de juros para financiamento imobiliário

Nova taxa é válida para modalidade poupança

Publicado em 24/03/2022 – 12:27 Por Luciano Nascimento – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Foto: José Cruz/Agência Brasil

A Caixa Econômica Federal anunciou hoje (24) que vai reduzir em 0,15 ponto percentual a taxa de juros do crédito imobiliário na modalidade poupança. Com a redução, as novas taxas partem da Taxa Referencial (TR) + 2,80% ao ano, somadas à remuneração da poupança. Segundo o banco, as contratações com as taxas reduzidas começarão a ser feitas partir do dia 28 de março.

Linha de crédito para PcD

O banco informou ainda que lançou linha de crédito para reforma e adaptação de imóveis próprios destinados a Pessoas com Deficiência (PcD), no âmbito do programa Casa Verde e Amarela. A nova linha também começará a ser operada a partir do dia 28 de março e vai oferecer o crédito com recursos do Fundo e Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

O crédito será disponibilizado para quem tem renda bruta mensal de até R$ 3 mil e o limite de crédito será de até R$ 50 mil, limitado a 80% do orçamento da obra apresentado. O prazo para o pagamento do financiamento será de 240 meses.

Novas condições

O banco também informou que, a partir de 12 de abril, passarão a valer as novas condições para financiamento às famílias com renda entre R$ 2.000,01 e R$ 2.400,00 do Programa Casa Verde Amarela, entre elas estão: a redução da taxa de juros de 0,5 ponto percentual no financiamento habitacional; e o aumento dos subsídios para aquisição e construção de moradias, o que amplia o poder de compra das famílias.

Edição: Lílian Beraldo

GOVERNO MALÃO VAI SALVAR O CACAU!

Começando pelo lixo da PRAÇA DO CACAU!

Fotos enviadas via WhatsApp por um leitor.

Governo entrega sistemas de abastecimento de água no Ceará

FORÇA-TAREFA DAS ÁGUAS

Foram 74 sistemas de abastecimento para atender 15 municípios e há ainda cerca de mil poços artesianos, que devem beneficiar 58 mil pessoas

A cerimônia faz parte das comemorações do Dia Mundial da Água, celebrado nesta terça-feira (22)

O presidente Jair Bolsonaro e uma comitiva de ministros participaram de solenidade em Quixadá (CE), na tarde desta quarta-feira (23), para o lançamento da Força-Tarefa das Águas, que prevê a execução de obras de abastecimento de água no semiárido nordestino. A cidade fica no sertão central do Ceará, a cerca de 160 quilômetros de Fortaleza.

Foram entregues, oficialmente, 74 sistemas simplificados de abastecimento, que vão atender 15 municípios, 90 comunidades e mais de 23 mil habitantes. Na região, também estão foram inaugurados cerca de mil poços artesianos, que devem beneficiar 58 mil pessoas.

A cerimônia faz parte das comemorações do Dia Mundial da Água, celebrado nesta terça-feira (22).

A Força-Tarefa das Águas envolve diferentes instituições federais, como a Fundação Nacional de Saúde (FNS), a Companhia de Desenvolvimento do Vale do Rio São Francisco (Codevasf), o Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs), além dos ministérios da Cidadania, Desenvolvimento Regional, Saúde e Defesa. A meta do governo é atender 1,5 milhão de pessoas com perfuração de poços, implantação de cisternas e de sistemas simplificados de abastecimento de água.

Mais cedo, em outra agenda oficial, desta vez em Paudalho (PE), o presidente Jair Bolsonaro participou do lançamento da pedra fundamental da Escola de Formação e Graduação de Sargentos do Exército. A nova escola militar das Forças Armadas dará mais de 2,4 mil oportunidades para jovens que desejam seguir a carreira militar. O investimento é de mais de R$ 1,5 bilhão.

CGU encontra indício de irregularidades cometidas por terceiros no MEC

Autos serão encaminhados à Polícia Federal

Publicado em 23/03/2022 – 22:40 Por Agência Brasil – Brasília

Foto: Iano Andrade/Portal Brasil

A Controladoria-Geral da União divulgou uma nota na noite desta quarta-feira (23) em que informa que constitui uma comissão para apurar duas denúncias de irregularidades no Ministério da Educação (MEC). 

“Ao final dos trabalhos, a comissão não constatou irregularidades cometidas por agentes públicos, mas sim possíveis irregularidades cometidas por terceiros, e sugeriu o encaminhamento dos autos à Polícia Federal (PF) e ao Ministério Público Federal (MPF), ante a possibilidade de ocorrência de crime por ocasião da oferta de vantagem indevida”, diz a nota.

As denúncias foram recebidas pela CGU no dia 27 de agosto de 2021 e tratam de possíveis irregularidades que estariam ocorrendo em eventos realizados pelo MEC e sobre o oferecimento de vantagem indevida, por parte de terceiros, para a liberação de verbas do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). A apuração da comissão ocorreu entre os dias 29 de setembro de 2021 e 3 de março de 2022.

Segundo a nota, em função de novos fatos que foram divulgados pela imprensa em relação às denúncias investigas pela comissão, a CGU decidiu abrir um novo procedimento. Desta vez, foi aberto uma “Investigação Preliminar Sumária (IPS), para investigar os novos fatos, em especial, o pedido de vantagem por terceiros.”

Nesta semana, matérias foram publicadas na imprensa sobre um suposto favorecimento do ministro da Educação, Milton Ribeiro, na liberação de recursos do FNDE para prefeituras de municípios por meio da intermediação de dois pastores.

Em nota divulgada à imprensa, Milton Ribeiro disse não haver nenhum tipo de favorecimento na distribuição de verbas da pasta. Segundo o ministro, a alocação de recursos federais segue a legislação orçamentária.

“Não há nenhuma possibilidade de o ministro determinar alocação de recursos para favorecer ou desfavorecer qualquer município ou estado”, disse o ministro na nota.

Edição: Fábio Massalli

contador free


Webtiva.com // webdesign da Bahia

março 2022
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia