WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: jul/2016

O CACAREJO DA ESQUERDA BRASILEIRA….

.. não passa agora, do piado de um pintinho vermelho…piu piu piu!

Piu...piu...piu....!!

Piu…piu…piu….!!

FITOTERÁPICOS NO BRASIL – OS MEDICAMENTOS ESTÃO CAROS!

Mesmo se não vai usar, vale a pena conhecer.

fitoterapico

UMA LEITURA ASSOMBROSA PARA UMA NOITE DE SÁBADO!

REPORTAGEM-BOMBA DE ‘ISTOÉ’ REVELA A ESTRUTURA CRIMINOSA DO GOVERNO DILMA

 dilma-carranca-pb-istoé

Na reta final do processo de impeachment de Dilma Rousseff, surgem novas revelações sobre a diabólica máquina de corrupção e roubalheira em que o Estado brasileiro foi transformado pelos governos do PT. Os fatos esfarelam quaisquer tentativas da ‘ex-presidenta’ escapar das malhas da lei, até mesmo depois de ser afastada definitivamente pelo impeachment, segundo se constata nesta reportagem da revista IstoÉ que chega às bancas neste sábado. 

Transcrevo a parte inicial com link ao final para leitura completa e que inclui também diversos infográficos. Leiam:

Há exatamente um ano, em despacho redigido em um dos processos que tem como réu o ex-ministro José Dirceu, o juiz Sérgio Moro escreveu que o País passou a vivenciar um quadro de corrupção sistêmica sob o comando do PT. Na ocasião, muitos analistas políticos e observadores das entranhas do Judiciário trataram o alerta do magistrado responsável pela Lava Jato como alarmista. Hoje, não há quem discorde de Moro. Depois de dois anos de investigações em diversas operações da Polícia Federal e de mais de 70 delações premiadas, fica evidente que as gestões petistas transformaram o governo federal em uma verdadeira e organizada estrutura de corrupção. Praticamente todos os ministros de Dilma Rousseff estão envolvidos em desvios de dinheiro público. Desde aqueles que ocuparam gabinetes no Palácio do Planalto até os mais distantes. “A corrupção que o PT promoveu foi uma corrupção institucional, não foi dispersa nem com indivíduos participando isoladamente”, afirma o professor Álvaro Guedes, especialista em administração pública da Unesp. “Pessoas foram escolhidas a dedo para estar em posições estratégicas e promover o desvio de dinheiro”, conclui o professor.

 

UM ESTADO DOMINADO

Brasília - DF, 02/12/2015. Palácio do Planalto participa da Campanha Dezembro Vermelho alerta sobre a prevencao da AIDS. Foto: Rafael Carlota/PR

Brasília – DF, 02/12/2015. Palácio do Planalto participa da Campanha Dezembro Vermelho alerta sobre a prevencao da AIDS. Foto: Rafael Carlota/PR

Um dos expoentes desses “escolhidos a dedo” é Paulo Bernardo, ex-ministro das gestões de Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff. Na semana passada, ele foi indiciado pela Polícia Federal na Operação Custo Brasil. A PF diz ter provas suficientes para assegurar que Bernardo, enquanto esteve no governo, participou de organização criminosa e praticou crime de corrupção passiva. No mês passado, ele foi preso após a polícia constatar que havia recebido R$ 7,1 milhões desviados de uma fraude no crédito consignado que cobrava uma taxa superfaturada dos servidores federais que se encontravam endividados. Paulo Bernardo é casado com Gleisi Hoffmann, uma das líderes da tropa de choque de Dilma no Senado, ex-ministra da Casa Civil e também acusada de receber propinas do Petrolão. Gleisi só não foi presa junto com o marido graças ao foro privilegiado. O casal sempre teve livre trânsito no gabinete e na residência oficial da presidente afastada.

No mesmo esquema que lesou milhares de funcionários públicos, está o ex-ministro da Previdência Carlos Gabas, aquele que costumava levar Dilma para passeios de moto aos domingos. Ainda na semana passada, Edinho Silva, outro ex-ministro íntimo da presidente afastada, viu-se diante de novas provas que o envolvem em corrupção e achaque contra empresários que tinham contratos com o governo. Ele, que já era investigado por intermediar, a pedido de Dilma, R$ 12 milhões da Odebrecht para o caixa dois da campanha da petista em 2014, desta vez foi alvejado por investigação promovida pelo TSE. Peritos descobriram que uma empresa pertencente a um ex-assessor de Edinho recebeu R$ 4,8 milhões da campanha de Dilma para serviços que não consegue comprovar (leia reportagem na pág. 38). Em um de seus despachos, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, afirmou que prometer facilidades na liberação de obras às grandes empreiteiras em troca de recursos para o PT era uma medida habitual de Edinho, que antes de ocupar o ministério foi tesoureiro da campanha da reeleição. Clique AQUI para ler a reportagem completa

MEMÓRIAS DA POLÍTICA ITABUNENSE!

Não é segredo pra ninguém que o ex-Prefeito da Itabuna, senhor José Oduque Teixeira, alimentou o sonho de levar Itabuna para perto mar, ou o mar para Itabuna.

Atazanou a vida do ex-ministro das Comunicações, João Paulo dos Reis Veloso à época, para levar para sua cidade a Estação ‘Costeira’ de Rastreamento da Embratel. Alegava ele, que em Itabuna tinha um morro alto, muito bom para instalar a estação.

Não conseguindo, tentou fundar uma extensão da Escola de Aprendiz de Marinheiro, a Marinha não topou, claro.

Pensam que o intrépido alcaide desistiu? Não!

Fundou um Grupamento de Escoteiros do Mar.

Agora o Governador Rui Costa vai realizar parte do sonho ‘Oduquesto’.

Vai colocar água do mar nas torneiras de Itabuna, dessalinizada é claro, e se os ‘ambientalistas de  Ilhéus’ deixarem.

Exemplo de dessalinização em Israel - Foto Google

Exemplo de dessalinização em Israel – Foto Google

MUDANÇA DE LOCAL – CONVENÇÃO DO PMDB DE ITACARÉ.

IMG-20160729-WA0010 (1)

O VENENO DA NOITE!

sonsopsiu

A verticalização total da produção do chocolate de origem, só termina na comercialização.

Ou não?

Ilhéus estimula produção orgânica de amêndoas de cacau

Fotos: Divulgação e Secom

Fotos: Divulgação e Secom

Através de parceria com a Ceplac (Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira), a secretaria municipal de Agricultura e Pesca (Seap) de Ilhéus vai capacitar pequenos produtores do município com o objetivo de estimular ainda mais a produção orgânica de amêndoas de cacau. Ilhéus continua na liderança da produção de cacau na Bahia. Segundo o secretário Sebastião Vivas, a proposta é que, uma vez reciclados por novas tecnologias e conhecimentos técnicos, os cacauicultores possam participar, de forma mais efetiva, de uma nova fatia do mercado: a de amêndoas orgânicas indicadas para a produção do chamado “chocolate de origem.” 

“A partir de agora, nossa proposta é contribuir para que ocorra uma mudança de paradigma na cacauicultura de modo que os produtores passem a adotar um novo ritual no manejo das amêndoas de cacau. Ou seja, um cuidado todo especial para que, no futuro, seja possível dobrar os preços praticados por cada arroba, atualmente na faixa dos 300 reais. Esse novo cenário, com toda certeza, tornará a cultura do cacau altamente compensadora”, acredita Sebastião Vivas.

O secretário de Agricultura ilheense lembra que, no mercado mundial hoje, o cacau orgânico é hegemônico. “Em virtude do cultivo não ser marcado pela utilização de fertilizantes, herbicidas ou pesticidas sintéticos, ele acaba gerando produtos de alta qualidade. Outro diferencial é a utilização de sementes de cacau altamente selecionadas, o que resulta em um processo de fabricação de chocolate orgânico e ligado a uma alimentação mais saudável, realidade que, segundo os estudiosos, melhora o humor e a concentração, além de proteger o coração e neutralizar os radicais livres”, ressalta.  

Região – Depois de implantar no município iniciativas de importantes para a melhoria da qualidade de vida de pequenos produtores, agricultores familiares e pescadores, como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), a Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) e o Cadastro Ambiental Rural (Car), a Secretaria de Agricultura e Pesca se prepara para um novo desafio, :fomentar a produção orgânica na agricultura, especialmente na tradicional cacauicultura, a fim de elevar o patamar dos preços da arroba de cacau”, enfatiza o titular da Seap.

O secretário explica que a ideia é que os agricultores de Ilhéus e da região ingressem em uma nova fase de produção: inicialmente, a de amêndoas (desde que bem capacitados) ou do próprio chocolate. Vivas destaca que já existem várias marcas no mercado, como Sagarana, Mendoá, Itacaré e Amado Cacau. “Não é à toa que, no Festival Internacional do Chocolate e Cacau, o vice-governador João Leão anunciou a implantação da Indústria de Chocolate da Bahia (ICB), numa parceria do governo baiano com os empresários do setor, além de outras trinta pequenas indústrias chocolateiras, realidade que consolidará o município na rota do chocolate fino, com a verticalização da produção, do cacau ao chocolate”, completa.

Secretaria de Comunicação Social – Secom. – Ilhéus, 29.07.16

Ilhéus promove cursos de formação para professores da rede municipal de ensino

 

Fotos: Seduc

Fotos: Seduc

A Secretaria Municipal de Educação de Ilhéus, em parceria com a Secretaria Estadual de Educação e o Ministério da Educação (MEC), realiza continuadamente cursos de formação complementar para os professores da rede pública municipal. Os cursos são oferecidos por meio dos programas Pacto Pela Educação e o Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), que integram o projeto Alfabetização na Idade Certa.

A formação complementar para os professores tem por objetivo garantir a alfabetização das crianças até os oito anos de idade. Segundo Fabiana Bezerra, coordenadora do projeto no município, os cursos tem duração de um ano, e são interdisciplinares. “Em 2016, os professores de todos os anos do ensino fundamental trabalharam disciplinas diversas, a exemplo de língua portuguesa, matemática e ciências da natureza”.

O secretário de Educação de Ilhéus, Paulo Moreira, salienta que, neste mês de julho, foi realizado o Ciclo 2 do curso, que contou com a participação de 220 professores do primeiro ao terceiro ano do ensino fundamental, vindos de unidades escolares da sede e da zona rural. As atividades abordaram o tema “Planejamento para aulas de Ciências da Natureza e rotina pedagógica para estudo”.

Para Moreira, essas formações complementares contribuem para o aperfeiçoamento do profissional docente, “à medida que permite a atualização constante do professor, trabalhando temas importantes, como a didática, melhorias no método de aprendizagem, e questões administrativas, como o gerenciamento de recursos nas escolas”.

Secretaria de Comunicação Social – Secom. – Ilhéus, 29.7.16

Estudantes aprendem sobre preservação ambiental em visita ao Morro de Pernambuco, em Ilhéus

Fotos: Maramata

Fotos: Maramata

A Fundação Livre do Mar e da Mata (Maramata) – órgão vinculado à Prefeitura de Ilhéus e localizado no bairro Nova Brasília, realizou, nesta semana, nova edição do Projeto Morro de Pernambuco, que contou com participação de estudantes do Colégio Estadual Moysés Bohana.  A iniciativa, que foi criada em 2004 pelos professores Edmundo Xavier e Erlon Costa, tem como um de seus objetivos conhecer e valorizar o patrimônio natural da região.

De acordo com o presidente da Maramata, Frederico Andrade, a Fundação, nesta etapa do projeto, atuou na orientação sobre agronomia, plantio de mudas, cuidados com o solo, formação de rochas e erosão. Isso, com o intuito de demonstrar a importância do manejo dos terrenos e da preservação do meio ambiente para uma produção agrícola de qualidade.

Os estudantes realizaram visita guiada ao Morro de Pernambuco, onde puderam observar a situação ambiental do local e plantaram mudas de árvores. O professor Erlon Costa, idealizador do projeto e que acompanhou a turma, salienta que é importante a teoria aliada à prática. Por isso, “o objetivo é mostrar que a gente precisa deixar uma contribuição para o nosso espaço e que isso não se encerra na sala de aula”.

A estudante do Colégio Moisés Bohana, Janiele Araújo, contou que foi “uma experiência nova”, já que permitiu ver na prática aquilo que se estuda em sala de aula. Neste ano, o projeto foi aberto em maio e será retomado em agosto, agregando alunos de colégios públicos e privados do município. Os próximos serão os da Escola Municipal do Pontal, na zona sul. As orientações são dadas também por universitários de cursos como Agronomia e contam com apoio da Secretaria de Educação (Seduc) de Ilhéus.

Secretaria de Comunicação Social – Secom. – Ilhéus, 29.7.16 

NEM DR JEKILL VAI CONSEGUIR ESTA FAÇANHA.

Criar uma chapa para o PT em Ilhéus.

5jh6kj4h_0

Estrela sem rumo...

Estrela sem rumo…

contador free


Webtiva.com // webdesign da Bahia

julho 2016
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia