Assembleia_Sindilimp_Ilhéus_paralisacao_23_07_15

Assembleia_Sindilimp_Ilhéus_paralisacao_23_07_15

Após assembleia realizada com os trabalhadores na manhã desta quinta-feira(23), em Ilhéus, o Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza da Região Sul e Extremo Sul da Bahia (Sindilimp) decidiu parar todas as atividades nas escolas do Estado  a partir desta sexta-feira(24).

De acordo o Sindilimp o motivo da greve é devido os atrasos de salários, vale transporte e vale alimentação dos trabalhadores na limpeza, portaria e de funções administrativas nas escolas da rede estadual nos Núcleos Regionais da Educação(NRE 05-Itabuna;  NRE 22-Jequié; NRE 07- Teixeira de Feitas; NRE 08-Itapetinga; e NRE 27-Eunápolis).

A empresa AML deve o salário de junho, mais os vales transportes e vale  alimentação dos meses de  junho e julho.  A Basetec deve salário de maio e junho, além dos vales transportes e vale alimentação dos referidos meses, incluindo julho.  Outra  empresa, a  LocServe   está faltando pagar  também os  salários  de maio e junho, os vales  transporte e vale alimentação  dos  meses referidos, e julho. Já a  Sandes deve apenas os vale transporte vale e alimentação de junho e julho. 

O coordenador do Sindilimp  José Carlos Conceição de Jesus,  garante que  o “sindicato só vai negociar com as empresas e o Estado após pagamento dos salários  em atraso”.  Ele acrescenta que “os trabalhadores não aguenta mais essa  falta de respeito com os pais de família assalariados”.