WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: 18/set/2012 . 23:00

AO LADO DE JABES, JAMIL OCKÉ RECEBE APOIO DA COMUNIDADE DE BÚZIOS

Jamil e Jabes, na comunidade de Búzios.

Jamil Ocké (PP), candidato a vereador e ex-diretor da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) e do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC), participou na manhã do domingo (16) de uma reunião com a comunidade de Búzios, distrito de Ilhéus.

O encontro, a convite do candidato e futuro prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro (PP), se estendeu por toda a manhã, e discutiu os projetos de Jabes e Jamil para os distritos, focando naquela comunidade.

Segundo moradores, entre os principais problemas do distrito estão a falta de posto de saúde que funcione em tempo integral, escola que atenda não só os níveis básicos e também problemas nas estradas que dão acesso ao distrito.

Para Jamil, resolver esses problemas é de suma importância, garantindo a maior gama de serviços públicos eficientes à comunidade.

Sobre a saúde, afirmou que, se eleito, trabalhará na câmara para aprovar a construção de nova unidade de atendimento básico e a realização de concurso público para a área, possibilitando a manutenção de funcionários fixos no posto de saúde.

Na educação, o candidato, que também é professor, disse que é necessário retomar a construção de escolas públicas, evitando que os alunos deixem a comunidade para estudar fora.

No fim do encontro, Jamil afirmou que pretende retornar à comunidade em 2013, dessa vez para levar as obras e medidas que melhorem a vida da população.

NOS PROJETOS DO 13 – EDUCAÇÃO É SÓ PARA PROFESSORA DANÇAR ARROCHA.

Bom dia Senhores da Imprensa, venho até vocês solicitar um apelo, diante da gravidade do assunto, que também começa a ter  tendências desesperadora para aquelas mães e pais de alunos da CRECHE MUNICIPAL DOM EDUARDO NA PROA,.

A mesma há cerca de um mês foi interditada, por correr risco de desabamento do telhado, detectado na ultima chuva, quando despencou um pedaço de madeira (SÊPO) que por pouco não culminou em tragédia, o mesmo caiu numa cadeira das crianças e a partiu ao meio, ao lado 12 crianças brincavam com sua professora, daí foi tomado por decisão da direção suspender as aulas e pedir conserto do telhado, que até hoje não acontecera, e que vem trazendo transtornos não só para as crianças e professores que posteriormente vão ter que repor essas aulas, mais começa ter reflexo irreversível nas famílias, que começam a ver seus empregos serem ameaçados, por não ter com quem deixar os filhos, e quando levam para o emprego seus patrões, começam a reagir já com intimidação, como é o caso desse pedido desesperado de ajuda que essa mãe nos fez ontem na Rua no Nelson Costa, por conhecer nosso empenho e preocupação com a nossa educação, acompanhem as palavras dessa mãe. Peço a atenção de todos para o apelo que uma mãe de aluno da creche municipal dom Eduardo, localizada na Avenida Osmundo Marques na proa, zona sul de ilhéus, “Sr. corsário, por favor ligue para os rádios de ilhéus, para que consertem o telhado da creche logo, minha patroa já disse que eu só posso levar minha filha para o trabalho até sábado, ou arranjo um lugar para deixá-la ou perco meu emprego, seu corsário meu marido tá desempregado e tentando um bico ali, outro aculá, que segura o pão de cada dia lá em casa é esse meu emprego, por favor seu corsário, eu não posso perder esse emprego”. Leram atentamente as palavras dessa mãe de família desesperada, coitada na preocupação da sobrevivência da sua filha e família, nem lembrou que a educação de sua filha também tem importância, o desespero tomou conta da mesma e começou a chorar.

Como podermos sensibilizar o executivo municipal de ilhéus para solucionar o problema da creche dom Eduardo, que é pertinente a secretaria de educação, mais alguns dias poderá ter agraves também de cunho social – econômico para alguns pais e mães que não tem com quem deixar seus filhos como essa mãe, que agora também tem que se preocupar com a perda dos empregos, que ora em Ilhéus estão saindo pela tangente, basta olhar a juventude nas esquinas, todas trabalhando.

Agradeço a atenção de todos
Atenciosamente, 

R.Corsário

O PT ILHEENSE FEZ A MAIOR BURRICE ELEITORAL.

Governador Jaques Wagner

Virou as costas para o Governador Jaques Wagner, por conta de um arroubo juvenil – nem tanto – de uma vereadora sindicalista, e pegou como muletas duas personalidades nacionais.

Ora, partidos da base aliada, mais inteligentes, assim não o fizeram.

Não se abandona um Governador, que ainda tem 2 anos e 3 meses de mandato, e tem a caneta cheia de tinta.

Ilhéus vai precisar muito do Governo do Estado, e muita coisa pode mudar.

Jabes mostra em debate da Diocese que tem mais competência para governar Ilhéus

Adriana, Jabes, Dom Mauro e Cacá.

 Assim como ocorreu na Faculdade de Ilhéus na semana passada, o debate promovido na manhã desta terça-feira, 17, pela Diocese, no salão paroquial da Catedral de São Sebastião, mostrou mais uma vez aos ilheenses a competência administrativa e capacidade política do candidato Jabes Ribeiro (PP) pra governar o município. O bispo Dom Mauro Montagnoli foi o mediador do encontro, que teve o objetivo de debater as propostas políticas para o futuro de Ilhéus, com a participação de padres de diversas paróquias da cidade.

Dono de um legado de realizações nas diversas áreas da administração municipal que o coloca na disputa como candidato preferido da população, Jabes reafirmou o compromisso de continuar a trabalhar principalmente pelos ilheenses mais carentes. Também enfatizou a habilidade de articulação nas esferas estadual e federal para possibilitar a conquista de programas fundamentais à expansão econômica de Ilhéus, como o Complexo Intermodal Porto Sul.

Sobre as estratégias de governo, o candidato do Amor a Ilhéus ressaltou a necessidade de organizar a máquina pública e adequá-la ao orçamento municipal, para que as melhorias dos programas sociais de saúde, segurança, educação, cultura e esporte sejam atingidas em curto prazo.  Jabes ressaltou o compromisso de envolver a prefeitura nas questões referentes à Diocese, atuando como parceira nos programas sociais em creches e com mães carentes.

Também destacou o valor histórico e cultural das igrejas ilheenses, em especial a Catedral, obras arquitetônicas que funcionam como atração turística. “O poder público municipal tem a responsabilidade de auxiliar na preservação e manutenção desse patrimônio histórico de expressão nacional”, enfatiza Jabes.

                O pároco da Igreja de São Sebastião, Pe. Edmilson, questionou os candidatos sobre a corrupção que provoca o descrédito da população com a política em âmbito nacional. Jabes falou que em 35 anos de vida pública nunca foi condenado pela Justiça. “Vivemos em Estado de direito; a acusação por si só não caracteriza a culpabilidade do julgamento. Estou apto a concorrer ao pleito eleitoral, cumpri todos as exigências da legislação”, respondeu, assegurando que instituirá na sua gestão um projeto de transparência municipal, possibilitando a fiscalização e o acompanhamento das contas públicas pela sociedade civil.

                O padre Jarmil, da Igreja São João Batista, afirmou que a vereadora Carmelita representa o governo de Newton Lima, indagando se a candidata não será o continuísmo deste governo que atinge mais de 90% de rejeição. Ela se esquivou, negando aos representantes da Igreja Católica, assim como faz com os todos os ilheenses, o forte e antigo vínculo que mantém com o pior prefeito da história de Ilhéus.

               Jabes destacou que “a capacidade de escamotear a verdade não pode prevalecer na fé”, afirmando que a vereadora Carmelita está ligada a um partido que detém a maioria dos cargos de confiança e secretarias do governo Newton, e como vereadora foi omissa ao aprovar as contas da prefeitura. 

ESPAÇO DO LEITOR – O NÓ ATO HUMANO DELIBERADO.

Caro Guy,

Acabei de ler em seu blog que o documentário sobre a vassoura de bruxa o “NO” está a venda no Sindicato Rural de Ilhéus.  Está no  Sindicato sim,  mas quem está vendendo é a Associação dos Produtores de Cacau – APC,  que funciona  em uma sala cedida pelo Sindicato Rural.

Aos interessados, procurar nossa estagiária Luciana.

Jorge Carilo

Diretor da APC

O NÓ – DOCUMENTÁRIO DE COMO A VASSOURA DE BRUXA ARRASOU A REGIÃO CACAUEIRA.

O DVD já está a venda no Sindicato Rural de Ilhéus, ao preço de 30,00 reais, que é para subsidiar a confecção de novos exemplares.

O NÓ – ATO HUMANO DELIBERADO.

CANDIDATURA DO 13 AINDA APRESENTA PEDIDO DE IMPUGNAÇÃO A SER JULGADO.

ROLANDO NA INTERNET – HUMOR

ESPAÇO DO LEITOR – SERVIDORES DA PREFEITURA DE ILHÉUS ENTRAM NA JUSTIÇA PARA ASSEGURAR RECEBER SALÁRIOS DE AGOSTO ATÉ DEZEMBRO

Sr. Guy Valério, por causa do não recebimento do salário do mês de Agosto que foi pago somente a quem recebe R$ 850,00, fomos orientados por advogados trabalhistas a entrar na Justiça a fim de assegurar o pagamento dos nossos salários dos meses de Setembro, Outubro, Novembro e Dezembro e o 13º Salário.

Olha só, Guy Valério, segundo garantem os nossos colegas do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Ilhéus (SINSEPI) durante reunião ocorrida na semana passada com os Secretários da Fazenda e de Planejamento, o Prefeito Newton Lima estava presente não se mostrou nada sensível aos nossos problemas, principalmente de ordem financeira e sequer demonstrou preocupação com relação ao apelo dos Sindicalistas sobre uma data precisa para pagar o salário, porque já estamos caminhando para terminar o mês de Setembro e já acumulamos em nossas casas as contas de Cartão de Crédito, de Água, de Energia Elétrica, de Botijões de Gás e feira em Supermercados; e o pior, o Cartão Vale Mais foi suspenso e é o único que temos para fazer compras e o Prefeito sabe do desconto feito todo o mês nas nossas folhas de pagamento e não autoriza o repassa a empresa que administra o Cartão Vale Mais; e na hora de fazer as compras passamos por constrangimento nos caixas dos estabelecimentos comerciais.

E o limite que temos na conta corrente que o Banco do Brasil nos ofereceu já está zero e não sabemos a quem apelar; temos que suportar chefes puxa-sacos (que tem Cargos Comissionados) que querem a todo custo até cortar o ponto porque estamos lutando para receber nossos direitos pelos dias trabalhados.

Ô Guy Valério, observe a que ponto, nós servidores públicos municipais chegamos sobre a questão de trabalhar e a cada final de mês não temos salário em nossas contas correntes; tudo isso é culpa dos maus prefeitos que colocamos para nos representar e o exemplo disso é o Prefeito Newton Lima e o seu grupo do PT; por tudo isso obrigado Sr. Bloqueiro pela oportunidade.

UMA PESQUISA ELEITORAL MALDITA !

O senhor Ary Carlos, diretor da empresa SECULUS que fez uma pesquisa e a registrou, a pedido de uma empresa de Petrolina-PE, declarou em outros blogs que iria refazer a pesquisa. Refazer não é o caso, tem que abandonar essa e fazer uma nova.

Qualquer criança sabe, que mesmo em um cálculo de médias escolares, a inserção de um elemento a mais, altera o resultado.

Imaginem numa pesquisa eleitoral, onde é usada largamente a estatística e as probabilidades?

Ainda mais que no período em que foi feita a prospecção dos dados, o número de indecisos  era bastante significativo.

Se for feito um ‘armengue’ na pesquisa que continha 4 candidatos à Prefeitura de Ilhéus, quando na verdade são 3, na minha humilde opinião, vai continuar sendo uma pesquisa ‘mambembe’.

contador free


Webtiva.com // webdesign da Bahia

setembro 2012
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia