WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Políticas’

Geddel participa de inaugurações com o prefeito ACM Neto.

O presidente do PMDB da Bahia, Geddel Vieira Lima, esteve hoje (26) com o prefeito ACM Neto na inauguração do Multicentro de Saúde do Vale das Pedrinhas e da Escola Municipal Artur de Sales, no bairro de Santa Cruz. Geddel participou das solenidades acompanhado dos deputados estaduais Pedro Tavares, Leur Lomanto Jr., Luciano Simões e Bruno Reis. 

MONTGEDD

Paulo Azi diz que pesquisa de Wagner é ficção igual a seu governo.

“Essa pesquisa de Wagner é naquele estilo ‘quero morar na propaganda do governo da Bahia'”, ironizou o deputado Paulo Azi, presidente do Democratas, referindo-se as declarações do governador numa entrevista à Rádio Metropole dizendo que o candidato Rui Costa bate a casa dos 20 pontos com o apoio de Dilma, Lula e o próprio Wagner. “Fantasia. A realidade hoje é que Rui não chega aos dois dígitos . Paulo Souto lidera e o eleitorado do PT está com Lídice”. Hoje o grande “apoiador” na Bahia é ACM Neto pelo trabalho que faz em contraponto a um governo do ” faz de conta “. Azi, que é pré-candidato a deputado federal, lembrou que Wagner é passível de punição pela Justiça Eleitoral pois divulgou números de pesquisa não registrada. “Se bem que são fictícios como os números do Topa, das estradas, do Água para Todos. Quero morar na propaganda do governo da Bahia, lá é tudo maravilha diferente do que acontece no meu dia a dia ….” cantarolou, finalizando.

NÃO PODIA SER DIFERENTE, PODIA?

Líder do PT rebate Oposição e defende Petrobras na compra da Refinaria de Pasadena

Isso é uma tentativa de destruição da Petrobras”, declarou o líder do PT na Assembleia Legislativa da Bahia, deputado estadual Rosemberg Pinto, durante discurso na tarde desta segunda-feira, 24, no plenário da Casa. O líder do PT defendeu a Petrobras e criticou falas da Oposição a respeito da compra da Refinaria de Pasadena nos Estados Unidos. “Tudo isso é matéria requentada. O ex-presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, foi ao Senado ano passado explicar aos senadores, em especial aos do PSDB, a compra da refinaria, e 90% dos senadores presentes sequer fizeram perguntas porque desconheciam qualquer tipo de possibilidade de questionamento quanto a negociação”, declarou o líder.

Ao discursar, Rosemberg relembrou ações e tentativas da Oposição para vender a Petrobras nos governos anteriores. “Nós que fomos à rua para defender que esta empresa não fosse vendida. Tentaram mudar o nome da Petrobras para Petrobrax como uma possibilidade de atrair o mercado internacional. Deixaram de investir na companhia e saímos de 50 mil empregados para 22 mil empregados. Perdemos a maioria dos nossos gestores, dos nossos engenheiros. Perdemos um capital intelectual para a iniciativa privada porque tentaram destruir a companhia. Foi a nossa gestão que recuperou a Petrobras”.

Sobre a Refinaria de Pasadena, o líder informou que hoje, a mesma processa 100 mil barris de petróleo, sendo uma boa refinaria. “Eu desafio qualquer parlamentar para um debate de conteúdo sobre este assunto. Não falo de um debate partidário, PT, PMDB, PFL/DEM, mas sim de informações e números”, rebateu.

Rosenberg1

rosenberg2

COMEÇAM AS LAMBANÇAS DA PRÉ-CAMPANHA EM ILHÉUS.

cabeçalho

E para isso, é necessário aparelhar ou reaparelhar determinadas instituições.

Soubemos que a bola da vez é a Direc6.  Apesar  de ter uma diretora honesta e pedagogicamente correta, não serve para o que se propõe o coronezinho Geraldo Simões(PT). 

É preciso substitui-la por alguém de confiança, que possa dinamizar a sua candidatura, e a do sinhozinho Thiago Feitosa (PSL).

O capitão do mato do senhor de engenho, já trata do assunto, com a sutileza de um elefante em loja de louças.

A revolta é grande!

BARBOSA VOLTA A DESCARTAR CANDIDATURA: “BRASIL É O PAÍS DOS CONCHAVOS”.

Fonte: Pedro Ladeira/Folhapress

São Paulo (AE) – O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, voltou a descartar a possibilidade de se candidatar à presidência da República nas eleições de outubro. “Eu disse em uma entrevista recente que não descartava a hipótese de um dia me lançar na vida política. Mas não para essas eleições de 2014?, disse Barbosa em entrevista ao jornalista Roberto D’Avila, exibida pela GloboNews.

“Recebo inúmeras manifestações de carinho, pedidos de cidadãos comuns para que me lance nessa briga, mas não me emocionei com a ideia ainda”, reforçou. O presidente do STF disse que pretende permanecer no cargo até novembro, período de seu mandato. Questionado se não adota uma postura muito dura, Barbosa afirmou que é necessário. “O Brasil é o País dos conchavos, do tapinha nas costas, o País onde tudo se resolve na base da amizade, e eu não suporto nada disso. Às vezes eu sou duro para mostrar que isso não faz o menor sentido em uma grande democracia como é a nossa”, disse.

A popularidade de Barbosa cresceu após o julgamento do mensalão, mas, apesar das condenações, o ministro questionou o combate à corrupção apenas por meio da repressão. ”Nós ainda não encontramos a forma correta e eficaz de combater o problema. Talvez estejamos adotando o método errado,” afirmou na entrevista transmitida na madrugada de domingo. “Talvez medidas preventivas drásticas, que doam no bolso, na carreira e no futuro dessas pessoas que praticam a corrupção sejam mais eficazes.”

FALSIDADE MODE ON !

Esta foto é pura falsidade.

Ninguém daí vai regar a plantinha de Rui Costa, os esforços vão ser aparentes.

Aí é cada qual no seu cada qual, regando a plantinha de seu próprio quintal.

Trairagem

Notícia de que FHC seria vice de Aécio causa turbulência no Planalto e leva petistas ao desespero.

Tremendo na base – Diante da magnitude desespero crescente que toma conta do staff de Dilma Rousseff, por causa das seguidas derrotas do governo e da crescente crise que chacoalha o País, a cibernética tropa de choque do PT está sendo cada vez mais requisitada. Nas mensagens que dissemina na rede mundial de computadores, os terroristas de aluguel têm disparado os mais variados impropérios contra os críticos do governo, o que mostra que a situação no Palácio do Planalto não é das melhores.

fhc_14

Com o agravamento da crise institucional e o acirramento dos problemas na economia, os petistas passaram a atirar até mesmo na sombra, não importando os motivos da empreitada. O melhor exemplo desse desespero surgiu a reboque da informação de que Fernando Henrique Cardoso poderia sair como candidato a vice na chapa de Aécio Neves, que em outubro próximo concorrerá pelo PSDB à Presidência da República.

FHC desmentiu de forma cabal a notícia que se espalhou como rastilho de pólvora, mas o estrago que causou nas hostes petistas foi enorme. O que mostra que o PT ainda teme a figura do ex-presidente da República, que se aceitasse o desafio certamente movimentaria o cenário político-eleitoral do País.

Muitas foram as mensagens e e-mails que, com a chancela ideológica do PT, circularam pela rede com severas críticas a FHC, muitas das quais mentirosas e infundadas, mas que encontram explicação no desvario que se instalou nas coxias do Partido dos Trabalhadores.

Esse comportamento intempestivo e que denota desespero é no mínimo inexplicável, pois os petistas, sempre magnânimos e geniais, creditaram a Fernando Henrique Cardoso a culpa pela herança maldita deixada ao lobista Lula. Ora, se FHC foi tão incompetente como presidente da República, não havia razão para o PT acionar de chofre a sua tropa de choque, que passou a criticar o ex-presidente e ofender os que criticam duramente o desgoverno de Dilma Rousseff.

O pavor que embalou a claque petista nas últimas horas mostra que os “companheiros” não acreditam na capacidade de Dilma de chegar intacta até a eleição presidencial. Aliás, o castelo de Dilma vem sendo demolido diariamente, o que faz com que a luz de alerta do Palácio do Planalto permaneça acesa de forma ininterrupta. Até porque, o País de Alice, aquele das maravilhas e que só aparece nas propagandas do governo, está se transformando no escaldante caldeirão de lúcifer.

 

POLÍBIO BRAGA DÁ O RECADO CERTINHO, CERTINHO !

Bebeto segue firme para consolidar apoios em todo o estado.

foto 1 (1)

A rotina do pré candidato a Deputado Federal Bebeto Galvão, tem sido de pé na estrada.

No último fim de semana, Bebeto foi recebido por Luizinho, segundo colocado na disputa para prefeito de Camamu , além de lideranças locais e vereadores de Camamu e Taperoá.

Já na companhia da Senadora Lidice,  pré candidata ao governo baiano e do Secretário Estadual do PSB/Bahia Rodrigo Hitta Bebeto seguiu para Canudos, onde participou de um  Fórum  de Desenvolvimento Sustentável e assegurou o apoio do prefeito de Canudos Gegeu(PSB) , Vereadores e diretório da base de seu partido o PSB, que é presidido por Che do Sertão, além do reitor e professores do campus da UNEB local. 

foto 2 (1)   

PENSEI QUE ERA PARA TRABALHAR?

Martiniano Costa assume chefia de gabinete da Serin e fortalece os movimentos sociais

Nesta segunda-feira (17) a sala de reunião da Secretaria de Relações Institucionais (Serin), no Centro Administrativa da Bahia, em Salvador, recebeu a cúpula petista para empossar o novo chefe de gabinete, o ex-presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Martiniano Costa. Ao lado do secretário Cícero Monteiro, e do presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação, Costa destacou a importância da atuação da pasta na base política do governo e afirmou o compromisso junto aos movimentos sociais para garantir a continuidade das políticas públicas no estado.

“Ser chefe de gabinete da Serin tem uma responsabilidade enorme, ainda mais por ser uma indicação do governador. Foi uma articulação do secretário Cícero, do chefe da Casa Civil, Rui Costa, de um grupo de pessoas que pediram para que eu viesse exercer essa função. Venho para a Serin para cumprir essa determinação do governo e fazer aqui uma gestão republicana, dar continuidade à qualidade do governo nesse tempo que resta da administração de Wagner, porque ele decidiu ficar até o dia 31 de dezembro. Vamos atender a todos, independente da colocação partidária”, afirma Martiniano Costa, que foi presidente da CUT por dois mandatos.

Com a aproximação da eleição, alguns secretários de estado estão deixando a gestão para assumir as pré-candidaturas a cargos eletivos e, por isso, acontece uma recomposição no governo. Para Everaldo Anunciação, a indicação de Martiniano Costa para a chefia de gabinete representa a continuidade dessa gestão. “O governo traz uma pessoa que tem uma história de luta, de articulação política e de capacidade de criar soluções. Essa indicação tem um simbolismo com os movimentos sociais, que é presença forte no governo. No primeiro momento, a função que Martiniano pode desempenhar é aumentar essa cumplicidade entre o governo, os movimentos, sociedade civil organizada e, obviamente, no processo de articulação com os partidos políticos”.

Ascom do deputado Valmir Assunção

Vitor Fernandes (DRT-2430)

www.valmirassuncao.com

71 88789657

Movimentos socias foram representados na posse do novo chefe de gabinete da Serin - FOTO Vitor Fernandes

Movimentos socias foram representados na posse do novo chefe de gabinete da Serin – FOTO Vitor Fernandes

O fator C.


  • Ao tentar demonizar e isolar Eduardo Cunha, Dilma acabou lhe dando mais poder e apoio da bancada

NELSON MOTTA

Publicado:

E se a maioria do PMDB, movida não por ideologia ou algum propósito mais nobre, mas para sobreviver à voracidade predatória do PT e por oportunismo eleitoral, num eventual desgaste nas intenções de voto em Dilma e algum crescimento das candidaturas de oposição, decidir mudar de lado? Afinal, não é a perspectiva de poder que move os políticos?

Quem diria que o polêmico deputado Eduardo Cunha, odiado pelo governo e tantas vezes acusado de patifarias e fisiologismo, seria a esperança da oposição em uma eventual divisão do PMDB que poderia mudar os rumos da eleição e do Brasil? A coisa está tão complicada que já não bastam ministérios para saciar o partido e há uma sensação de que agora seria tarde demais: o projeto petista de uma hegemonia absoluta no Congresso se tornou a maior ameaça à sobrevivência do PMDB. Ao tentar demonizar e isolar Cunha, Dilma acabou lhe dando mais poder e apoio da bancada.

Em um ano de Copa do Mundo, de grandes mobilizações populares e de incertezas na economia nacional e internacional, nunca na história deste país tantas variantes podem interferir no processo eleitoral. Até Eduardo Cunha, o fator C. Além de ser, como o futebol, uma caixinha de surpresas, na política, o vilão de ontem pode ser o herói de hoje, dependendo dos ventos das mudanças. De governista radical, José Sarney passou para a oposição quando a ditadura começou a ruir, e acabou presidente.

O mesmo Sarney, que é atendido por Dilma e Lula em tudo que quer e retribui com a fidelidade do PMDB ao governo, é o símbolo das queixas dos liderados de Cunha, de que alguns caciques do PMDB têm cargos e poder, como Sarney e Renan, mas não o partido, que não participa das decisões de governo, é atropelado pelo PT nos estados e recebe migalhas do poder. Para eles, as eleições são locais, e as ameaças, reais.

Muitos agora estão se perguntando para que servem uma Vice-Presidência da República e meia dúzia de ministérios meio mequetrefes, diante dos 17 do PT e do seu rolo compressor na Esplanada trabalhando para se tornar hegemônico no próximo Congresso? E a campanha nem começou.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/opiniao/o-fator-c-11874232#ixzz2w4hRRIDp

MAIS UM PRÉ-CANDIDATO A DEPUTADO

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
janeiro 2021
D S T Q Q S S
« dez    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia