WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
embasa

:: ‘Política’

FALIDOS E ENDIVIDADOS A FICHA COMEÇA A CAIR.

Os Governadores, que no começo mostravam-se infantis e arrogantes.

Arranjaram um modo charmoso de pedir ajuda.

O tempo é o remédio para todos os males…

Autoridades-na-5ª-Reunião-do-Fórum-de-Governadores-em-Brasília-em-2019-Foto-José-CruzAgência-Brasil-

 

A PROXIMIDADE DA ELEIÇÃO, COMEÇA A FAZER SEUS ESTRAGOS.

Muitos inocentes uteis, começam a ficar de miolo mole.

Alguns nem tanto inocentes assim…

Miolo mole

Braga Netto vai coordenar os ministros, diz Bolsonaro

Presidente comentou reforma ministerial em live no Facebook

Publicado em 13/02/2020 – 20:47 Por Pedro Rafael Vilela – Repórter da Agência Brasil – Brasília

O presidente Jair Bolsonaro elogiou o novo ministro-chefe da Casa Civil, general Walter Souza Braga Netto, ao comentar sobre as trocas em ministérios anunciadas nesta quinta-feira (13). Durante sua live semanal, transmitida no Facebook, Bolsonaro dirigiu-se diretamente ao general para dizer que a principal tarefa dele será a de coordenar a atividade dos demais ministérios.

“O general Braga Netto tornou-se uma pessoa conhecida por ocasião da sua intervenção no Rio de Janeiro, na questão de segurança pública. Foi interventor na segurança pública do Rio de Janeiro, fez um excepcional trabalho, conseguiu recursos para aparelhar as forças de segurança lá no Rio de Janeiro e, de certa forma, baixou a temperatura da criminalidade. (…) Então, bem-vindo Braga Netto, muito obrigado por você ter aceito esse convite. E, para você também, não deixa de ser mais um desafio, você sai da parte bélica e vai para a  burocracia”, disse o presidente. 

Segundo Bolsonaro, a missão mais importante de Braga Netto na Casa Civil é coordenar, conversar com os ministros, buscar soluções. “Eu falo muito em se antecipar a problemas. Em havendo qualquer coisa que possa não dar certo, que pode acontecer, que o ministro, às vezes, tem algum problema, e ele está lá pra ajudar e se antecipar a esses casos que possam não beneficiar a administração”, disse. 

As trocas do comando de ministérios foi confirmada mais cedo por Bolsonaro, em uma postagem no Twitter. Segundo ele, as nomeações serão publicadas na edição desta sexta-feira (14) do Diário Oficial da União. Além de Braga Netto, que assumirá a Casa Civil, o atual ocupante do cargo, Onyx Lorenzoni, será transferido para o Ministério da Cidadania, no lugar de Osmar Terra, que é deputado federal e reassumirá o mandato na Câmara. 

“Nós fizemos uma pequena reforma ministerial, nenhum ministro saindo por qualquer problema”, ressaltou Bolsonaro. O presidente também elogiou o trabalho de Osmar Terra e disse que ele cumprirá “uma missão” no Congresso Nacional, sem dizer qual. A posse de Braga Netto e Onyx Lorenzoni está marcada para terça-feira (18), no Palácio do Planalto, às 15 h. 

live_semanal_13.02
Live de quinta-feira, sobre os fatos da semana, com o Presidente Bolsonaro – Live _Presidente Bolsonaro 13 /02/2020

Agenda 

O presidente Jair Bolsonaro cumpre agenda no Pará, nesta sexta-feira (14), onde vai participar da cerimônia de inauguração da pavimentação de um trecho da BR-163, na altura do quilômetro 163, às margens da rodovia, próximo à hidrelétrica do Rio Curuá. 

A obra foi executada por dois batalhões de engenharia e construção do Exército, que resultou no asfaltamento dos últimos 51 quilômetros da rodovia, que é a principal ligação do Mato Grosso com o porto de Miritituba (PA), importante ponto de escoamento da produção agrícola da região. 

No sábado, o presidente estará no Rio de Janeiro, onde participa da inauguração de outra obra, a alça de ligação da Ponte Rio-Niterói com a Linha Vermelha. Segundo a Ecoponte, concessionária que administra a ponte, o trecho que tem 2,5 quilômetros de extensão e deve beneficiar 15 mil motoristas que circulam diariamente pela região. A partir de agora, os carros não precisam mais acessar a Avenida Brasil para trafegar entre a ponte e a Linha Vermelha. 

Ainda no sábado, Bolsonaro deve participar de um evento evangélico organizado pelo missionário RR Soares, no Aterro do Flamengo, também na capital fluminense. 

Edição: Fábio Massalli

Deputado vira réu por pagar empregada doméstica e sócia com verba da Câmara

João Bacelar Filho lotou em seu gabinete a empregada de sua mãe, e sua sócia, em Salvador (BA)

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, hoje (11), por unanimidade, aceitar denúncia e tornar o deputado federal João Bacelar Filho (PL-BA) réu pelo crime de peculato. O parlamentar é acusado pelo Ministério Público Federal (MPF) de ter lotado funcionárias fantasmas em seu gabinete. Segundo a denúncia, a Câmara dos Deputados pagou salários de assessora parlamentar à empregada doméstica da mãe do deputado, entre os anos de 2007 e 2011. E uma funcionária e sócia de suas empresas também recebeu dinheiro público, lotada no gabinete do parlamentar baiano.

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou que as duas funcionárias fantasmas tinham os salários pagos com recursos públicos, embora prestassem serviços particulares ao deputado, uma delas na casa de sua família em Salvador (BA).

Segundo a denúncia, a empregada doméstica Maria do Carmo disse que trabalhou para o pai do denunciado e, atualmente, presta serviços para a mãe de João Bacelar Filho. Ela também teria dito nunca ter ido à Câmara dos Deputados.

Já Norma Suely Ventura da Silva, apesar de lotada como secretária parlamentar, seria funcionária da empresa Embratec, construtora de Bacelar Filho. Além disso, é sócia do deputado em outras empresas, conforme a denúncia. Ela também se tornou ré por peculato.

Para o relator do caso, ministro Alexandre de Moraes, há dúvida razoável que justifica a abertura de ação penal do deputado, diante dos depoimentos de funcionárias do gabinete dele em Salvador, que disseram não conhecer as assessoras tidas como fantasmas.

Defesa

Durante o julgamento, a defesa de Bacelar Filho alegou que uma das testemunhas ouvidas seria uma irmã com notória inimizade pelo deputado, e que a empregada Maria do Carmo seria pessoa de grande simplicidade, que teria sido enganada com “perguntas capciosas” feitas pelos investigadores.

“O que se pretende aqui com o fornecimento da denúncia é tornar indícios imprestáveis em provas”, disse o advogado Bruno Rodrigues. O defensor Lucas de Castro Rivas, que representa Norma Suely, também alegou inépcia da denúncia, que para ele teria se baseado no depoimento de pessoas que não tinham conhecimento do trabalho externo exercido por ela. (Com informações da Agência Brasil)

Conselho da Amazônia vai unificar ações do governo, diz Mourão

Vice-presidente coordenará atividades do colegiado

© Alan Santos/PR

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou hoje (11) que o principal objetivo do Conselho da Amazônia, reinstalado pelo presidente Jair Bolsonaro, será o de integrar ações federais na região amazônica, incluindo articulação com estados, municípios e sociedade civil. Em cerimônia no Palácio do Planalto, Bolsonaro assinou o decreto que transfere o conselho para a Vice-Presidência da República, sob coordenação de Mourão. 

O colegiado reúne, além da vice-presidência, 14 ministérios: Casa Civil, Justiça e Segurança Pública, Defesa, Relações Exteriores, Economia, Infraestrutura, Agricultura, Minas e Energia, Ciência e Tecnologia, Meio Ambiente, Desenvolvimento Regional, Secretaria-Geral da Presidência, Secretaria de Governo e Gabinete de Segurança Institucional da Presidência. Criado originalmente em 1995, no governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o conselho era subordinado ao Ministério do Meio Ambiente e tinha, entre os seus integrantes, os governadores dos estados da região.

“Foi observado pelo governo que existem várias políticas públicas, nos mais diferentes ministérios, que atuam praticamente independentes, sem haver uma integração das mesmas e, com isso, leva ao desperdício de recursos e à perda de eficácia das ações. Então, a criação do conselho é para que a gente consiga ter um comando, um controle dessas atividades, que haja comunicação entre os diferentes órgãos governamentais, todos falando a mesma linguagem, que tenhamos um inteligência direcionada para o que acontece na região amazônica, para que a gente possa agir a tempo”, disse Mourão, em coletiva de imprensa após a solenidade.

Pelo decreto assinado, que será publicado na edição de amanhã (12) do Diário Oficial da União, o conselho terá poderes para propor e acompanhar políticas públicas regionais e, entre outras atribuições, coordenar ações de prevenção, fiscalização e repressão a ilícitos e o intercâmbio de informações na Amazônia Legal. 

2019-08-22t114757z_618386587_rc14bdbbc9f0_rtrmadp_3_brazil-environment-wildfires
Mourão disse que a ideia é que o conselho se antecipe a eventuais problemas relacionados a queimadas e desmatamento no Amazonas – REUTERS / Ueslei Marcelino

Queimadas e desmatamento

De imediato, informou Mourão, a ideia é que o conselho se antecipe a eventuais problemas relacionados a queimadas e desmatamento na região. No ano passado, de acordo com dados consolidados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), foi registrado um aumento de 30% de queimadas na Amazônia, na comparação com 2018. O vice-presidente não descartou solicitar novamente o apoio das Forças Armadas para coibir ações ilegais na região.

“Nós sabemos onde está o problema. A análise das imagens de satélite, sejam a fornecidas pelo Inpe, seja do trabalho que é feito pelo Centro de Controle do Sistema de Proteção da Amazônia, o Censipam, fornece as áreas onde há problema. Então, vamos nos dedicar, de imediato, nessa questão da preservação, numa primeira medida, buscando nos antecipar ao problema e evitar que ocorram desmatamentos e queimadas além daquilo que está previsto legalmente. (…) Provavelmente, teremos que solicitar apoio das Forças Armadas, de modo que a gente tenha capacidade de gerenciar uma possível crise que possa ocorrer, ainda fruto do que ocorreu no ano passado, a gente sabe que áreas que já foram derrubadas no ano passado podem ser queimadas este ano”, disse.

Mourão garantiu que o conselho ouvirá representantes da sociedade civil, incluindo a academia, para construir políticas públicas que possam, além de garantir a preservação ambiental, oferecer alternativas de desenvolvimento sustentável para a Amazônia, que abriga uma população de 25 milhões de pessoas. 

“O desenvolvimento da Amazônia passa pela bio economia, pelo ordenamento territorial, temos que conversar com as pessoas que estão no terreno e conhecem, de modo que nós tenhamos condições de fazer um alinhamento e estabelecer efetivamente uma política do Estado brasileiro”. 

Matéria alterada às 19h47 para acréscimo de informação

Edição: Fábio Massalli

ENQUANTO SENADOR, WALTER PINHEIRO FOI UM AMIGO DE ILHÉUS.

Ele ficou indignado com o aumento de aluguel, tramado pela Codeba, para o Moinho em Ilhéus.

Walter Pinheiro, enquanto Senador sendo recepcionado no aeroporto de Ilhéus.

Governo prevê investimento de R$30 bi em ferrovias nos próximos 5 anos

Publicado em 06/02/2020 – 22:50

Por Léo Rodrigues – Repórter da Agência Brasil  Rio de Janeiro

O Ministério de Infraestrutura prevê investimentos de R$ 30 bilhões para ampliar a malha ferroviária do país. Os recursos seriam obtidos por meio de concessões. Informações foram detalhadas pelo ministro Tarcísio Gomes de Freitas, que participou hoje do 1º Fórum de Desenvolvimento Sustentável da Costa Verde, realizado na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), na cidade de Seropédica (RJ).“Vamos investir R$ 30 bilhões em ferrovias nos próximos 5 ou 6 anos”, disse. O primeiro contrato de concessão foi assinado no ano passado e envolve a Ferrovia Norte-Sul, no trecho entre Porto Nacional (TO) e Estrela D’Oeste (SP).
Para este ano, são previsas as concessões da Ferrovia de Integração Oeste-Leste, que ligará Ilhéus (BA) a Figueirópolis (TO), e a Ferrogrão, projeto com origem em Cuiabá (MT) e término em Santarém (PA).O governo planeja ainda trabalhar por uma mudança legislativa que permita o regime de autorização. Trata-se de um modelo em que o investidor tem mais liberdade do que no regime de concessão. “Hoje não é possível nós operarmos com autorização nas ferrovias. No setor portuário, nós já fazemos isso. As autorizações abrem uma nova porta. Vale para aquele investidor que quer tomar o risco de engenharia, para que possa empreender e ter a propriedade da ferrovia, ter o benefício da perpetuidade, a liberdade para definir sua tarifa. Isso é importante para quem assume risco de longo prazo e proporciona novos investimentos ferroviários no Brasil”, disse Tarcísio.

Segundo um estudo de 2018 da Fundação Dom Cabral, a malha rodoviária é utilizada para o escoamento de 75% da produção no país. As ferrovias respondem por 5,4%. Os impactos causados pela greve dos caminhoneiros de 2018 expôs a dependência do país do transporte rodoviário e gerou um debate público sobre a necessidade de se ampliar a malha ferroviária .

Tarcísio disse que o Ministério da Infraestrutura tem conversado com todos os setores em busca de melhorias coletivas. No caso dos caminhoneiros, ele destacou ter abarcado algumas demandas nos projetos de concessões de novas rodovias como a Rodovia Presidente Dutra, conhecida popularmente como Via Dutra, que liga o Rio de Janeiro à São Paulo.

“Eu tenho 70 grupos de Whatsapp de caminhoneiros para vocês terem uma ideia. E eu costumo responder todas as questões. Dá um trabalho danado, mas é importante porque isso muda um ponto de vista, às vezes segura uma greve”, disse.

Edição: Fábio Massalli

A REELEIÇÃO VAI SER DIFÍCIL E A FICHA COMEÇA A CAIR

MDB LANÇA DR. JORGE VIANA COMO PRÉ-CANDIDATO A PREFEITO DE ILHÉUS


Progressistas de Ilhéus de cara nova: Cacá Colchões é o novo presidente

Na manhã deste sábado, 01, Cacá Colchões tomou posse como Presidente da Executiva Municipal do Partido Progressista de Ilhéus. O evento foi marcado por grandes emoções e o entusiasmo do público presente.
A cerimônia contou com as presenças do vice-governador da Bahia, João Leão, do deputado federal, Cacá Leão, dos  deputados estaduais , Eduardo Salles e Rosemberg Pinto, dos presidentes dos Partidos Bebeto Galvão (PSB), Ednei Mendonça (PT) , Rodrigo Cardoso (PCDoB) e Paulo Moreira (PL), dos vereadores Tarcísio Paixão (Progressita), Aldemir Almeida (Progressista) e Makrisi (PT), além de lideranças de várias cidades do sul da Bahia.
O deputado estadual, Rosemberg Pinto, acredita que Ilhéus precisa dar oportunidade para Cacá . “Você merece sim, além de ser presidente municipal do Partido, colocar o seu nome à disposição da população de Ilhéus”.
Bebeto Galvão elogiou a conjuntura política dos progressistas e lembrou a Cacá. “ Você chamou para si o desafio de unir os partidos e de construir uma unidade programática suficiente capaz de governar essa cidade”.
O deputado estadual, Eduardo Salles,  rendeu elogios a Cacá. “Ele se preparou, estudou e conhece cada canto dessa cidade. Cacá esperou o momento certo na vida dele. É uma pessoa família, uma pessoa que se identifica com a população mais carente. Cacá não é o candidato da elite, é o candidato do povo”.
Cacá Leão, deputado federal, enfatizou que se os recursos aplicados pelo governo do Estado fossem feito por um governo comprometido, Ilhéus estaria melhor.  Para o deputado, Cacá  Colchões reúne todas as condições para governar a cidade.
O vice-governador, João Leão, foi categórico ao dizer que  “o prefeito de Ilhéus é Rui Costa”. Leão reafirmou o compromisso que ele e os deputados progressistas têm com Ilhéus e enalteceu as características pessoais de Cacá. “ Ele é como um filho para mim. Um homem íntegro, família, trabalhador e que conhece as necessidades da cidade. A presidência  municipal do nosso partido está bem representada”, concluiu o vice-governador.
O Secretário-Geral dos Progressistas, Jabes Ribeiro, enfatizou a experiência política de Cacá adquirida, principalmente, quando foi um vice-prefeito atuante.
Afirmou também não ter dúvidas que o novo presidente municipal irá agregar muito neste novo cargo.
Por indicação do novo presidente, o partido renovou completamente sua comissão executiva, indicando pessoas de confiança para trabalhar ao lado de Cacá.
Em seu discurso, Cacá Colchões destacou a geração de emprego e renda através do incentivo ao turismo, aos microempreendedores e a atração de novos investidores. O novo presidente destacou , também,  que sua posse representa um novo momento político na história dos progressistas em Ilhéus. “Fiz questão de escolher uma equipe jovem, comprometida e acima de tudo determinada,  para que, juntos, possamos lutar por uma Ilhéus melhor”, finalizou o novo empossado.

Bolsonaro vê dificuldades na aprovação de reforma tributária no Brasil

Presidente diz que nenhum ente federativo aceita perder arrecadação

Publicado em 26/01/2020 – 15:52

Por Marcelo Brandão – Repórter da Agência Brasil  Brasília

Marcelo Camargo/Agência Brasil

“Passei 28 anos na Câmara e nunca chegou até o final uma reforma tributária porque não atende estado, município e União. E não atendendo um dos três, e ninguém quer perder nada, acaba todo mundo perdendo muito e o Brasil continua nesse cipoal tributário que dificulta você produzir, empregar.”

Brasileiros deportados 

Questionado se poderia aproveitar a boa relação com Donald Trump para pedir tratamento diferenciado aos brasileiros deportados dos Estados Unidos, Bolsonaro afirmou que não vai interferir nas leis norte-americanas.

Jair M. Bolsonaro

?@jairbolsonaro

– Coletiva de imprensa diretamente da Índia: “Leis americanas/brasileiras” (26/01/2020) https://youtu.be/nQUAW_u1ccE 

2.354 pessoas estão falando sobre isso

“Você acha que eu vou pedir para ele descumprir a lei dele? Tenha santa paciência. A lei americana diz isso. É só você não ir para os Estados Unidos de forma ilegal”. Ontem (25), um avião com 50 brasileiros deportados chegou ao aeroporto de Confins, em Belo Horizonte, vindo do estado americano do Texas.

Edição: Aline Leal

A ACADEMIA FITNESS E O PROCESSO ELEITORAL EM ILHÉUS. ===>>> 27/09/2019

Faltando mais de um ano, vários pre-candidatos começam a se movimentar.

Alguns querendo ganhar folego, outros musculatura.

Outros preferem feijoadas, caldo de mocotó, para acumular gorduras.

Enquanto isso, o rio que passa embaixo da ponte, ainda é um riacho.

Só observando, fica a dica!

Atualização em 16/12/2019:

Tem também os que esperam um ‘suplemento nutricional’, aceitando até ‘bomba’.

 

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
maio 2020
D S T Q Q S S
« abr    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia