WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Partidos’

Bivar reage a Bolsonaro articulando fusão do PSL com PL do mensaleiro Valdemar ou o DEM

Presidente do PSL e o ‘dono’ do PL discutiram a fusão durante almoço, nesta terça

O deputado Luciano Bivar (PE), presidente nacional do PSL, teve uma longa conversa nesta terça-feira (12) discutindo a possibilidade de fusão com outro empresário do ramo, ex-deputado mensaleiro Valdemar Costa Neto (SP), dono do Partido Liberal (PL).

Eles almoçaram nesta terça no restaurante Norton, em Brasília, a poucos metros das sedes de ambos os partidos. Bivar também tem conversado sobre fusão com o DEM, na busca alianças para reagir à desfiliação do presidente Jair Bolsonaro.

O Fundo Partidário e o Fundo Eleitoral, que vão render R$359 milhões ao PSL em 2020, está na origem da briga de Bolsonaro com o partido.

Têm sido complicadas as negociações de fusão, sobretudo quanto ao rateio dos recursos milionários dos Fundos Partidário e Eleitoral.

O temor de Bivar é que o PSL sofra uma debandada, com a saída do presidente Jair Bolsonaro, e diminua muito de tamanho.

Por enquanto, Bivar e seus interlocutores preferem contar primeiro os deputados que estarão com Jair Bolsonaro na criação do novo partido. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

QUAL SERÁ O DESTINO DOS PARTIDECOS DE ALUGUEL, OS NANICOS.

Curioso em saber o destino do PSL, partido pelo qual muita gente se elegeu, surfando na onda Bolsonaro?!

Igual ao do PRN, onde Collor se elegeu?

Gostaria de saber?

Projeto que altera Fundo Eleitoral é aprovado na Câmara

Matéria segue para sanção presidencial

Publicado em 18/09/2019 – 23:56

Por Da Agência Brasil *  Brasília

O plenário da Câmara votou na noite desta quarta-feira (18) o projeto de lei que altera regras sobre o Fundo Partidário e o fundo eleitoral. O PL havia sido aprovado anteriormente pelos deputados mas sofreu modificações no Senado. Os senadores mantiveram apenas a destinação de recursos ao fundo eleitoral, rejeitando todas as outras alterações feitas pela Câmara. 

O texto aprovado hoje segue agora para a sanção presidencial, com a redação da Câmara dos Deputados, trazendo algumas exclusões propostas pelos senadores.

O relator do texto, deputado Wilson Santiago (PTB-PB),  deu parecer favorável para a exclusão proposta pelos senadores de quatro pontos do PL original. 

Os deputados aprovaram a exclusão dos quatro pontos e mantiveram no projeto a obrigatoriedade de uso do sistema eletrônico do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para a prestação de contas, rejeitaram o trecho que previa a aplicação de multa de 20% sobre montante considerado irregular no julgamento da prestação de contas apenas no caso de dolo, manteve os prazos atuais de prestação de contas por parte dos partidos e excluiu do texto o item que permitia aos partidos corrigirem erros formais e materiais, omissões ou atrasos em sua prestação de contas até o seu julgamento para evitar a rejeição das mesmas.

O projeto aprovado manteve novas situações em que será permitido o uso de recursos do Fundo Partidário. Pelo texto aprovado pelos deputados, o fundo poderá ser usado para serviços de consultoria contábil e advocatícia; pagar juros, multas, débitos eleitorais e demais sanções relacionadas à legislação eleitoral ou partidária; compra ou locação de bens móveis e imóveis, construção de sedes, realização de reformas; e pagamento pelo impulsionamento de conteúdos na internet, incluindo a priorização em resultados de sites de pesquisa.

* Com informações da Agência Câmara

Edição: Fábio Massalli

DÊ SUA OPINIÃO SOBRE A QUALIDADE DO CONTEÚDO QUE VOCÊ ACESSOU.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o “Fale com a Ouvidoria” da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

AUMENTAM AS MOVIMENTAÇÕES POLÍTICAS EM ILHÉUS

Dr. Jorge Viana começa a se movimentar

Na última quarta feira, 04/09/2019, mais um nome de expressão foi filiado ao MDB de Ilhéus : o Sr Eduardo Almeida dos Santos. A cerimônia contou com a presença da diretoria e amigos, representados por Luiz Uaquim e Dr Jorge Viana.
Enfatizando sua vontade de buscar o desenvolvimento sócio econômico de Ilhéus, e confiante nos representantes do partido, o ilustre filiado manifestou sua vontade de contribuir, disponibilizando seu honroso currículo para uma candidatura a vereador do nosso município. A diretoria do MDB sentiu-se honrada com a filiação, certa de que isso engrandece o MDB, e eleva o nível de opções para os eleitores ilheenses.
O presidente Luiz Uaquim deseja aos novos filiados, na pessoa do Sr Eduardo, sucesso em sua nova caminhada política.

NOTA PÚBLICA PARTIDO PROGRESSISTA

NOTA PÚBLICA PARTIDO PROGRESSISTA

Os Progressistas de Ilhéus, liderados pelo ex vice-prefeito  Cacá, permanecem coerentes com a posição política adotada após as eleições municipais em  2016 –  oposição ao atual governo instalado na Prefeitura. E, o faz consciente das suas responsabilidades com  o presente e o futuro dos ilheenses. 

As periferias , morros e distritos estão abandonados. Em que pese a total e bem-vinda ajuda do governador Rui Costa, o atual prefeito não reúne as condições essenciais para alavancar a cidade.   A incompetência, irresponsabilidade e falta de liderança emperram os avanços. As poucas conquistas, a exemplo do Hospital Costa do Cacau, instalação do Assaí, licitação do Hospital materno infantil foram gestadas e/ou iniciadas no governo anterior.

Em poucos meses será entregue a nova Ponte de acesso ao Pontal, resultado do apoio de muitos e principalmente da capacidade de articulação do então prefeito Jabes Ribeiro com os Governadores  Wagner e Rui Costa.  

Os Progressistas lembram grandes realizações que estão registradas na história de Ilhéus: O Teatro  Municipal , Casa Jorge Amado , Bataclan, Biblioteca Pública, Academia de Letras , Centro de Convenções, passarela do São Miguel, dezenas de escolas e equipamentos de saúde , SAC, Mercado de Artesanato , praças esportivas, programas ambientais (Maramata), resgate das festas populares, projeto Viva Morro, programa habitacional (quase 4 mil apartamentos do Minha Casa Minha Vida) e o maior programa de pavimentação e urbanização dos bairros e distritos de Ilhéus.    Em parceria com a iniciativa privada, viabilizamos a implantação dos hipermercados Makro e o Atakadão/Atakarejo.

As pesquisas de opinião (verdadeiras) atestam a enorme rejeição do atual prefeito em todos os segmentos da sociedade. A última grande pesquisa popular aconteceu nas eleições do final do ano passado. Os ilheenses foram às urnas e consagraram Cacá com a maior votação entre todos os candidatos ilheenses a deputado estadual. Ele foi o campeão de votos, impondo uma dura derrota ao prefeito Mário.  A utilização escancarada da Prefeitura em favor da candidatura da mãe do prefeito,  não foi suficiente para barrar a indignação popular.

Cacá continua trabalhando, lidera um grupo que desenvolve um grande programa focado na geração de renda e empregos. Cacá tem história, vida ética, humildade e acredita em uma Ilhéus mais próspera. Como vice-prefeito, provou a sua competência e liderança. Cacá está preparado para os novos desafios.

 Comissão Executiva Municipal – PP

Nota Pública – Partido Progressista

Nota Pública

Ilheenses,

Os últimos acontecimentos , amplamente divulgados pela imprensa, envolvendo vereadores, secretário municipal , servidores e outros, exigem um posicionamento do nosso Partido.

A justiça local atendeu ao pedido do Ministério Público e decidiu pela prisão preventiva de uns e medidas cautelares para outros com o objetivo de apurar os fatos narrados como irregulares, supostamente cometidos pelos envolvidos.

Os Progressistas têm dois dos seus filiados sujeitos a essas medidas.
No Estado Democrático de Direito ninguém é culpado antes de ter a oportunidade de se defender de forma ampla e irrestrita e ter seu julgamento justo transitado em julgado. 

Não há denúncia formada , não há sentença condenatória em nenhuma instância, portanto, não há culpa. O Partido defende uma apuração isenta calcada nos princípios de Justiça.

Aos filiados, vereadores Tarcísio Paixão e Aldemir Almeida, a nossa confiança de que no tempo próprio provarão a sua inocência em relação aos fatos imputados.

O Partido manifesta a sua fé na democracia e na Justiça. Se alguém errou,  que sofra as consequências dos seus atos.

Comissão Executiva Municipal do Partido Progressista

 

O PARTIDO NOVO CONVIDA

Atualização: Nesta quinta-feira, dia 28 de março, ocorrerá a apresentação do Partido NOVO, no auditório do Premier Business Center, a partir das 19:00h, com a presença de Gabriel Venturoli presidente do Diretório Estadual. Estarão presentes também parte dos 70 filiados do NOVO de Ilhéus. A finalidade deste evento em nossa cidade é a de apresentar à sociedade local os princípios liberais do Partido tendo como natural consequência a adesão de concidadãos simpatizantes da nossa causa para possibilitar a criação do Diretório Municipal de Ilhéus.

O PROSCRITO MST USANDO PARTIDECOS INEXPRESSIVOS PARA SUAS MANIFESTAÇÕES TERRORISTAS

“Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, sofre atentado e quase linchamento em Porto Seguro na Bahia”


Nesta quarta feira(27/02) próximo as 12:00 na saída do Ministro Ricardo Salles a uma visita em uma unidade de conservação em Porto Seguro no Estado da Bahia, o Ministro juntamente com mais 3 integrantes do MMA, foram surpreendidos e abordados por vários integrantes do MST e Partido da Causa Operária que iniciaram uma forte ofensiva contra as autoridades que estavam dentro de um veículo oficial federal e quase, por pouco não foram linchados pelos elementos(MST-PCO) armados de foices, facões e porretes e de forma muito agressiva praticamente destruíram a carro oficial;
Felizmente as vítimas entre elas o Ministro só não foram agredidos fisicamente por terem conseguidos evadir do local;
Isso é uma vergonha!!!
Um afronta é um desrespeito contra uma autoridade ministerial do Governo Federal, da Presidência da República!!!
Esses elementos infelizmente ainda são defendidos por certas pessoas e até autoridades que se acham acima da Lei e da visão da população brasileira que nestas eleições mostrou que quer mudanças imediatas!!!
Como cidadãos do bem exigimos justiça da autoridades instituídas e punição a esses bandidos foras da Lei.
*Nabhan Garcia*

 

Carta Aberta dirigida ao Diretório Nacional do MDB

Ilhéus, 23 de fevereiro de 2019

Luiz Henrique Uaquim Presidente do diretório do MDB de Ilhéus

 

 

Ao Ilmo. Sr.

ROMERO JUCÁ (1º VICE-PESIDENTE EM EXERCÍCIO)

Presidente do Diretório Nacional do MDB

diretorionacional@mdb.org.br

Assunto: Carta Aberta dirigida ao Diretório Nacional do MDB

Senhor Presidente,

O Brasil de hoje, exige dos seus representantes políticos, assim como do seu povo, o bom exemplo, seja pela transparência e pela ficha limpa, como pelo voto.

O MDB de Ilhéus, na Bahia, reconhecendo em sua história, as valiosas contribuições de filiados, como Aureliano Viana da Cunha Lima, Ulisses Guimarães, Mário Covas, Tancredo Neves e outros, vem externar a sua posição de repúdio a membros que ainda estão filiados, apesar de denunciados por práticas ilícitas dentro da vida pública.

Assim, solicita do Sr. Presidente do diretório nacional, uma regra geral que implique em desfiliação automática daqueles julgados e condenados. Isso nos colocará em sintonia com as demandas do Brasil de hoje.

Com isso, acreditamos estar contribuindo com a recuperação moral, política, social e econômica do nosso país.

Certo da compreensão de V.Sa., aguarda providências.

Atenciosamente,

Luiz Henrique Uaquim
Presidente do diretório do MDB de Ilhéus

Depois de quebrar o Brasil, o PT quebrou o próprio PT.

“As reservas financeiras mantidas pelo PT esgotaram-se”

Em comunicado assinado por Gleisi Hoffmann, o partido diz:

“As reservas financeiras mantidas pelo PT esgotaram-se”.

Para tentar saldar suas dívidas, o PT suspendeu viagens de funcionários e dirigentes. Além disso, “a folha de pagamento do diretório nacional será revista, assim como aluguéis e contratos com prestadores de serviços”.

O AJUNTÓ DOS PARTIDOS NANICOS.

Estamos vendo os partidos nanicos, se ajuntando para fazer um partido novo, e que possam ultrapassar as clausulas de barreiras, e também terem acesso ao Fundo Partidário.

Sem coligações partidárias,  ficou um pouco mais difícil as mutretas e maracutaias.

Vergonha alheia…

Só chamando Branca de Neve….

Partidos receberão R$ 1,7 bilhão para campanha eleitoral, diz TSE

Publicado em 16/06/2018 às 07h30. Fonte: Bahia.ba

Pelas regras, 98% do montante serão divididos de forma proporcional entre os partidos, levando em conta o número de representantes no Congresso Nacional

Foto: Elza Fiúza Agência Brasil

Pedro Rafael Vilela

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou hoje (15) que o montante total do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC) será de R$ 1,716 bilhão. Criado no ano passado para regulamentar o repasse de recursos públicos entre as legendas, o fundo será repartido entre os diretórios nacionais dos 35 partidos com registro no TSE, em conformidade com as regras de distribuição estabelecidas na Resolução nº 23.568/2018, aprovada pela Corte Eleitoral no fim de maio.

Pelas regras, 98% do montante serão divididos de forma proporcional entre os partidos, levando em conta o número de representantes no Congresso Nacional (Câmara e Senado). Isso significa que as siglas que elegeram o maior número de parlamentares em 2014 e aquelas que seguem mantendo o maior número de cadeiras legislativas receberão mais recursos, com destaque para PMDB, PT e PSDB, que vão contar com cotas de R$ 234,2 milhões, R$ 212,2 milhões e R$ 185,8 milhões, respectivamente. Em seguida, aparecem o PP (R$ 131 milhões) e o PSB (R$ 118 milhões) entre as legendas beneficiadas com as maiores fatias.

Apenas os 2% restantes (R$ 34,2 milhões) serão repartidos igualmente entre os partidos com registro no TSE, independentemente de haver ou não representação no Congresso. Nesse caso, os partidos que não contam com nenhum parlamentar no Legislativo federal receberão a quantia de mínima de R$ 980,6 mil do fundo eleitoral.

Essas serão as primeiras eleições gerais do país na vigência da proibição de doação financeira de empresas a candidatos e partidos políticos, conforme decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), tomada em 2015. Por causa disso, os recursos do Fundo Eleitoral representam a principal fonte de financiamento da campanha.

De acordo como o TSE, os recursos do fundo somente serão disponibilizados às legendas após a definição dos critérios para a sua distribuição interna dentro dos partidos, que devem ser aprovados, em reunião, pela maioria absoluta dos membros dos diretórios nacionais. Tais critérios devem prever a obrigação de aplicação mínima de 30% do total recebido do fundo para o custeio da campanha eleitoral de mulheres candidatas  pelo partido ou coligação.

Os maiores ártidos ainda não definiram de que forma vão dividir os recursos do fundo eleitoral entre os seus candidatos.

Em seguida, os órgãos nacionais das legendas devem encaminhar ofício ao TSE indicando os critérios fixados para a distribuição do fundo. O documento deve estar acompanhado da ata da reunião que definiu os parâmetros, com reconhecimento de firma em cartório, de prova material de ampla divulgação dos critérios de distribuição, e da indicação dos dados bancários da conta corrente aberta exclusivamente para a movimentação dos recursos.

anuncie aqui

Carregando...

Tabela do Brasileirão

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia