WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Mineração’

O CONTRABANDO DO NIÓBIO, É MAIOR QUE O MENSALÃO E O PETROLÃO. Não custa lembrar ===>>06-10-2014

Não é ouro, não é petróleo… Nosso país é queridinho pela Tirania globalista por causa de um metal raríssimo: O NIÓBIO.


Ele é ESSENCIAL na fabricação de TURBINAS DE AVIÃO, FOGUETES, MÍSSEIS, AERONAVES E ESPAÇONAVES, CONDUTORES DE PETRÓLEO, JÓIAS, SUPERCONDUTORES, etc.
98% das jazidas de nióbio se encontram NO BRASIL!!!

Enquanto nos distraímos com a “crise” americana e com os coitados (no sentido literal da palavra) do movimento “heterofóbico”, riquezas de bilhões e mais bilhões de reais escoam pelas mãos furadas e de dedos faltantes de nossos governantes. A matéria não é nova, e por isso mesmo deve ser posta em pauta: CADÊ O NOSSO NIÓBIO???

COLOQUE ESTE TERMO (NIÓBIO) EM EVIDÊNCIA. Vamos resgatar o que é nosso antes que seja tarde demais.

Nióbio, palavra proibida aos brasileiros

Esses sabem tudo sobre quem diz não saber de nada! Na CPI dos Correios, o sr. Marcos Valério deixou escapar que “levou o pessoal do BMG ao José Dirceu para negociar nióbio” e “o grosso do dinheiro vem do contrabando do nióbio.”

Ninguém teve coragem de investigar…

O nióbio é um metal sem o qual não se faz foguetes, mísseis, turbinas, armas, aços especiais e instrumentos cirúrgicos. Pois saibam que 100% do nióbio comercializado no mundo é brasileiro. Mas oficialmente exportamos só 40% do produzido. CADÊ A DIFERENÇA? SUMIU?

RESULTADO: subfaturamento e prejuízo certo de bilhões de dólares.

Não é de se estranhar que a maior reserva de nióbio em extração está na cidade de Araxá (MG). O prefeito atual foi eleito pela interessante e inusitada coligação de 14 partidos: PT/PDT/PL/PMDB/PSDB/PSC/PP/PPS/PFL/PSDC/PSB/PV/PSL/PC do B.

:: LEIA MAIS »

O NOVO PRESIDENTE DA BAHIA MINERAÇÃO

Lançada a pedra fundamental da mineradora de vanádio.

A mina de vanádio, em Maracás, fará da Bahia o maior fornecedor de ferro-vanádio do Brasil.taniaewagner

O governador Jaques Wagner e a direção do grupo canadense Largo Mineração lançaram, nesta quinta-feira (21), na cidade de Maracás, a pedra fundamental da primeira mineradora de vanádio das Américas. Um investimento de aproximadamente R$ 500 milhões, que vai gerar 1.200 empregos durante a implantação e outros 400 quando estiver em operação.

A mineradora é uma mostra de parceria entre público e privado. A Companhia Baiana de Pesquisa Mineral – CBPM – convocou por edital as empresas privadas para que esse projeto pudesse ser viabilizado. “São ações como essa, de atração de investimentos, que possibilitaram em seis anos a geração de mais de 200 mil postos de trabalho com carteira assinada, e o
mais importante é que 62% desses postos foram no interior, nas áreas de agronegócio, apoio a pequenas indústrias, serviços, mineração, entre outros”, disse o governador.

A prefeita de Jequié, Tânia Britto, participou do evento realizado na Fazenda Patrício, povoado de Porto Alegre, fortalecendo assim as relações do Município de Jequié com o Governo Estadual e destacou a importância do empreendimento para o desenvolvimento de toda a  região.

Diretoria de Comunicação
Secretaria de Governo
Prefeitura Municipal de Jequié

Nióbio contrabando de minerais – segunda parte – os preços.

segunda parte da matéria sobre o NIÓBIO – valores e sonegações. Por:

Gustavo Godoy

O Brasil como único exportador mundial do minério não dá o preço no mercado externo, o preço do metal quase 100% refinado é cotado a 90 dólares o quilograma na Bolsa de Metais de Londres, enquanto que totalmente bruto, no garimpo o quilograma é de 400 reais. Na cotação do dólar de hoje (R$ 1,75), R$ 400,00 = $ 228,57. Portanto, $ 228,57 – $ 90,00 = $ 138,57. A conclusão, para o sucesso do governo atual nas exportações é “sucesso de enganação”. O brasileiro é totalmente ludibriado com propagandas falsas de progressos nas exportações, mas, em relação aos negócios internacionais, de verdadeiro é a concretização de maus negócios.

Nas jazidas de Catalão e Araxá o nióbio bruto, extraído da mina, custa 228,57 dólares e é vendido no exterior, refinado, por 90 dólares. Como é que pode ocorrer tal tipo de transação comercial com total prejuízo paraa população do país, é muito descaso com as questões do país e o desinteresse com o bem-estar do povo brasileiro. Como os EUA, a Europa e o Japão são totalmente dependentes do nióbio e o Brasil é o único fornecedor mundial, era para todos os problemas econômicos, a liquidação total da dívida externa e de subdesenvolvimento serem totalmente resolvidos.Deve ser frisada a grande importância do nióbio e a questão do desmembramento de gigantescas fatias de territórios da Amazônia (a REBIO Morro dos Seis Lagos), ricas deste metal (2.897.000.000 t) e de outras jazidas minerais (ferro, manganês) já divulgadas.
As pressões externas são demasiadas e visam à desmoralização das instituições brasileiras das mais diversas formas, conforme pode ser comprovado nas políticas educacionais e nos critérios de admissão de candidatos às universidades. Métodos que corrompem autoridades destituídas de valores morais são procedimentos que contribuem para a desmontagem do país. Uma gama extensa de processos que permitam os traidores obterem vantagens faz parte para ampliar a divulgação da descrença, anestesiando o povo, dando a certeza de que o Brasil não tem mais jeito. :: LEIA MAIS »

ILHÉUS: AUDIÊNCIA AVALIA PROJETO DE MINERODUTO DA SAM METAIS.

A Sul Americana de Metais (SAM Metais) promoverá audiência pública em Ilhéus, dia 24, para discutir o mineroduto que vai escoar a produção de ferro concentrado pelo Porto Sul. A audiência será realizada no Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães, às 19h. O mineroduto vai interligar os municípios de Grão Mogol e Pedro Carvalho, ambos em Minas Gerais, ao terminal portuário em Ilhéus.
Além da audiência no sul da Bahia, outras duas serão realizadas no mesmo horário em Grão Mogol, dia 22, e Cândido Sales (BA), dia 23. O mineroduto integra o Projeto Vale do Rio Pardo. Terá extensão de 482 quilômetros e vai escoar a produção de concentrado de ferro das minas localizadas em Grão Mogol e Pedro Carvalho.
O duto passará por 21 municípios localizados em Minas e na Bahia. O projeto, de acordo com a gerente de Relacionamento da SAM Metais, Gizelle Andrade, terá investimento de US$ 3 bilhões. A produção de minério será escoada pelo terminal portuário ilheense (Porto Sul).
A fase de implantação do mineroduto da SAM Metais pode gerar cerca de 9 mil empregos diretos. Quando estiver operando, serão 2 mil empregos diretos e 9 mil indiretos, conforme estimativa da mineradora. 

Além do Grupo Votorantim, o Projeto Vale do Rio Pardo tem a participação da chinesa Honbridge Holdings Ltda.

TEM ONGS ESTRANGEIRAS, TAMBÉM METIDAS NESSA SUJEIRA.

NIÓBIO – SAI QUASE DE GRAÇA OU NO CONTRABANDO.

Nióbio

Nióbio, o metal que só o Brasil fornece ao mundo. Uma riqueza que o povo brasileiro desconhece, e tudo fazem para que isso continue assim. 

Como é possível o fato do Brasil ser o único fornecedor mundial de nióbio (98% das jazidas desse metal estão aqui), sem o qual não se fabricam turbinas, naves espaciais, aviões, mísseis, centrais elétricas e super aços; e seu preço para a venda, além de muito  baixo, seja fixado pela Inglaterra, que não tem nióbio algum?

EUA, Europa e Japão são 100% dependentes do nióbio brasileiro. Como é possível em não havendo outro fornecedor, que nos sejam atribuídos apenas 55% dessa produção, e os 45% restantes saindo extra-oficialmente, não sendo assim computados.

Estamos perdendo cerca de14 bilhões de dólares anuais, e vendendo o nosso nióbio na mesma proporção como se a Opep vendesse a 1 dólar o barril de petróleo. Mas petróleo existe em outras fontes, e o nióbio só no Brasil; podendo ser uma outra moeda nossa. Não é uma descalabro alarmante?

O publicitário Marcos Valério, na CPI dos Correios, revelou na TV para todo o Brasil, dizendo: “O dinheiro do mensalão não é nada, o grosso do dinheiro vem do contrabando do nióbio”. E ainda: “O ministro José Dirceu estava negociando com bancos, uma mina de nióbio na Amazônia”.

Leiam o depoimento do MARCOS VALÉRIO e KATIA ABREU NA CPI DO MENSALÃO.

Curiosidade: O nióbio congelado é utilizado para levitar uma pequena locomotiva, por exemplo.

Ouça: http://www.youtube.com/watch?v=W64tlxtGOno

Video explicativo http://www.youtube.com/watch?v=1YrEAME7HPM

NIÓBIO – REPORTAGEM SOBRE A EXTRAÇÃO EM CATALÃO-GOIÁS http://www.youtube.com/watch?v=tV_tt-Y6-oo

NIÓBIO – ENÉAS FALOU SOBRE NIÓBIO, ONGS E RESERVAS INDÍGENAS EM 2006http://www.youtube.com/watch?v=1L9G4WHHW4k

NIÓBIO – FRAUDES NA EXPORTAÇÃOhttp://www.youtube.com/watch?v=s-qD7p8FIHM

Em 1998, Enéas já nos avisava sobre os “Senhores do Mundo”, não o deram crédito!http://www.youtube.com/watch?v=v_EmEUTevKs

Cadê a OAB, o MPF, o Congresso Nacional ???
URGENTE!

Muitos que lerem isso simplesmente dirão: “O que eu tenho a ver com Nióbio?” e esquecem de ver o LADO PODRE desta questão: gente do Governo envolvida com desvios desse mineral e “comendo por fora”.

Gente graúda, lá da “cabeceira” do Governo federal e órgãos como a FUNAI.

ACORDA BRASIL!!!

PS.: Pediram fontes, muitos já sabem que nós mesmos somos as fontes… mas mesmo assim indicamos esse site http://niobiomineriobrasileiro.blogspot.com.br/ já que precisam de um site.

via Uata, perfil…. https://www.facebook.com/imoveisdegoiania

O TRABALHO VAI TRIPLICAR, OU MAIS !!!

Soldadinhos Verdes

Os soldadinhos verdes, que compõem o gueto do atraso, vão ter que lutar em várias frentes.

Antes o ataque era dirigido quase que somente a um mantra:

Bamin….Bamin….Bamin….Bamin.

Agora vão ter que se esforçar para combater em varias frentes.

Devido ao interesse e necessidade do mundo por minério de ferro, e com o advento de uma siderúrgica para o Brasil exportar com valor agregado, vamos ter mineradoras de várias partes do mundo e do Brasil, interessadas nos nossos minérios.

Assim, assim pelo alto podemos anunciar, Bamin, Votorantim, Vale, Rio Tinto, chineses e koreanos.

Haja munição, vão precisar de uma Biblioteca cheiinha de Eia/Rima. A Biblioteca Municipal de Ilhéus não serve.

TRABALHO E DESENVOLVIMENTO – ESTE É O FUTURO DA BAHIA.

Sindicato das Indústrias de Mineração da Bahia elege nova diretoria executiva

Sindimiba busca desenvolver ações que fortaleçam imagem positiva do setor e contribuam para o desenvolvimento industrial do estado

O Sindimiba – Sindicato das Indústrias Extrativas de Minerais Metálicos, Metais Nobres e Preciosos e Magnesita no Estado da Bahia – elegeu sua nova diretoria para o quadriênio 2012-2016, nesta sexta-feira (3), em Salvador. A entidade é o sindicato patronal que representa algumas das principais indústrias de mineração do Estado.

Mauro Barbosa, diretor de Recursos Humanos da Bahia Mineração (Bamin), foi eleito o novo diretor-presidente da entidade. A nova diretoria executiva é formada também pelo vice-presidente Nilson Guilherme (Mineração Caraíba), pelo diretor administrativo José Ronaldo Sobrinho (Ferbasa) e pela diretora financeira Maria Dulcinea Oliveira (Vanádio de Maracás).

Além da diretoria executiva, também integram o Sindimiba representantes das empresas Galvani, Jacobina Mineração, Magnesita Refratários, Mineração Fazenda Brasileira, Mirabela Mineração e Yamana Gold.

Desenvolvimento da Bahia – Para o novo diretor presidente, o Sindimiba é um espaço para que as grandes mineradoras desenvolvam ações conjuntas que contribuam para o crescimento do estado da Bahia, visando também fortalecer uma imagem positiva da mineração para a sociedade.

“Manteremos um diálogo permanente com os órgãos governamentais, ONGs, outros sindicatos e associações, representando assim os interesses de nossas empresas associadas”, afirma Barbosa.

Nova diretoria do Sindimiba 2012-2016

DESENVOLVIMENTO E PROGRESSO, É O QUE ILHÉUS NECESSITA.

Sulamericana de Metais (VOTORANTIN)

 

CAVALO DE BATALHA OU ESPECULAÇÕES DO FIM DO MUNDO?

É no que estão querendo transformar a ida de Clóvis Torres, ex-Bamin, para seu antigo emprego na Vale do Rio Doce.

Não existem amores no mundo dos negócios, existem salários.

Quando a VALE foi doada a iniciativa privada por FHC, (um negócio até hoje não bem explicado)  foi com essa estratégia, criar o MONOPÓLIO das ferrovias e mineração no Brasil, e isto estava acontecendo sob a penugem dos tucanos.

Com o Governo LULA isto começou a mudar, devagar, mas começou.

A vinda da Bamin, o fortalecimento da Votorantim, a criação da Fiol, foi justamente para quebrar este pretenso monopólio.

No Governo Dilma, as coisas tendem a acelerar. Ela já conseguiu trocar o Presidente da VALE. Clique aqui.

Não tomem como surpresa a VALE voltar a ser uma estatal.

A ROTATIVIDADE DOS ALTOS EXECUTIVOS.

Clóvis Torres volta à Vale depois de quatro anos na Bahia Mineração

Executivo liderou o desenvolvimento do Projeto Pedra de Ferro que colocará a Bahia em posição de destaque no setor de mineração

 

Depois de quatro anos na Bahia Mineração (Bamin), empresa do grupo Eurasian Natural Resources Corporation (ENRC), o executivo Clovis Torres está de mudança para a Vale. Na Bamin, Torres comandou o Projeto Pedra de Ferro, cujas operações terão início em 2014, com produção prevista de 19,5 milhões de toneladas de minério de ferro por ano.

“Trabalhamos com afinco no projeto, que neste momento está maduro e em vias de ser operacionalizado. É um projeto do qual tenho orgulho de ter participado”, avalia Torres. “Agora volto à Vale, grupo em que já atuei anteriormente, com desafios maiores”, explica o executivo.  Na Vale, o executivo terá como missão apoiar e dar segurança aos negócios da segunda maior mineradora do mundo em valor de mercado.

Ao aceitar a proposta da Vale, Torres avaliou que sua saída da Bahia Mineração neste momento é tranquila, uma vez que todo o projeto está em estágio avançado de desenvolvimento. “A mudança é um processo natural do mercado. Além disto, depois de quatro anos de trabalho, o projeto está todo encaminhado, inclusive o do porto”, finaliza Torres.

A sucessão de Clovis Torres está sendo tratada pelo novo presidente da ENRC no Brasil, José Francisco Viveiros. O perfil do novo vice-presidente deve reunir aspectos como a experiência na gestão de negócios no setor de mineração e o compromisso com ações voltadas à sustentabilidade nas áreas de influência do projeto.

anuncie aqui

Carregando...

Tabela do Brasileirão

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia