WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Desfaçatez’

AS POPULAÇÕES DO SÃO MIGUEL E SÃO DOMINGOS, EM ALERTA PARA AS MENTIRAS DO PREFEITO DE ILHÉUS – VÍDEO

Cansados de tantas mentiras e enrolação, os moradores estão se defendendo como podem.

Governo vai dar um ‘basta’ em jogar dinheiro fora para bancar estatais deficitárias

Salários acima do teto e da iniciativa privada consomem 88% das receitas de 697 empresas estatais

O governo vai mesmo decretar um “basta!” no vazamento interminável de recursos do Tesouro Nacional para bancar 697 empresas estatais, quase todas imprestáveis. Dados oficiais aos quais teve acesso o líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (PP-PR), mostram que 88% das receitas das estatais são consumidos em salários, vantagens e penduricalhos que beneficiam funcionários e diretores. Do total, “sobram” só 12% para custeio, despesas e investimentos essenciais às empresas. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Espantoso, segundo Ricardo Barros, é também o fato de os salários pagos nas estatais serem bem maiores que os de mercado.

Outra característica que explica a decadência de quase todas as estatais é que nenhuma delas se submete e todas extrapolam o teto do servidor.

Notícias Relacionadas

Interpretação malandra da Lei considera que salários nas estatais são pagos com “receita própria”, por isso não se sujeitam às regras do teto.

A malandragem para driblar o teto consagra uma apropriação indébita: a estatal e suas receitas são dos donos, o povo, e não dos empregados.

NAZAL BOTA O BOCA NO TROMBONE. – ÁUDIO

Nazal, Vice-Prefeito de Ilhéus; alertou a muito tempo; que MARÃO terceirizou o mandado que lhe fora confiado por 36.019 eleitores ilheenses; passando-o para o secretário forasteiro, Bento Lima.

Você quer ver Bento continuar governando Ilhéus, por mais 04 (quatro) anos, sem ter recebido um único voto sequer?!

 

 

A TREITA CONTINUA!

Ilhéus não tem Defesa Civil.

 

Defesa Civil, de leve…

A treita.

DO MENSALÃO AO MENSALINHO – VIVA A CORRUPÇÃO!

Do mensalão, alguns já foram extirpados da vida pública.

Do mensalinho? Operadores, beneficiários e cúmplices, continuam saltitantes e serelepes na ativa!

Mensalinho é uma atividade política?!…

Parlamentares torram R$11 milhões em propaganda própria na pandemia

Despesas se referem apenas aos últimos quatro meses, durante o surto do novo coronavírus no Brasil

O pagador de impostos não teve alívio do setor público na pandemia do coronavírus no Brasil. Nem com propaganda própria. Deputados federais e senadores torraram, nos últimos quatro meses, mais de R$11,3 milhões na “divulgação da atividade parlamentar”, segundo a ONG Operação Política Supervisionada. Essa conta faz parte do cotão parlamentar, que ressarce parlamentares em cerca de R$ 45 mil por mês por qualquer tipo de despesa, de tapiocas a “consultorias”. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Os R$ 45 mil, em média, que cada deputado e senador recebe do cotão se soma ao salário de R$ 33,7 mil que cada um recebe por mês.

A Câmara dos Deputados torrou R$ 10,7 milhões com propaganda para os deputados. No Senado, foram cerca de R$ 500 mil.

Notícias Relacionadas
O maior gastão com propaganda é Wellington Roberto (PL-PB): R$ 147,6 mil desde abril. O Airton Faleiro, do PT, é o segundo:

FANFARRONICE MODE ON!

“SE O PACIENTE TEM TODOS OS SINTOMAS, JÁ TRATAMOS COMO COVID-19”, AFIRMA COORDENADOR DO CENTRO COVID-19 DE ILHÉUS.

“ Não criamos um protocolo. Se o paciente tiver com todos os sintomas já entra na estatística como paciente com Coronavírus”, acrescentou.

Médico André Cezário

https://www.otabuleiro.com.br/blog/se-o-paciente-tem-todos-os-sintomas-ja-tratamos-como-covid-19-afirma-coordenador-do-centro-covid-19-de-ilheus

Ecad terá que explicar à Secretaria de Cultura cobrança oportunista por ‘lives’

Suspeita é que a entidade que arrecada bilhões tenha avançado além de suas competências

A manobra do Ecad para faturar em dobro com o sucesso das “lives” na pandemia chamou atenção da Secretaria de Cultura, que vai notificar a entidade a explicar o embasamento legal utilizado para fazer a cobrança, considerada abusiva, bem como os critérios que definem os percentuais cobrados. Como não há lei que defina a classificação das lives, a suspeita é que a entidade tenha avançado além de suas competências. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O ofício tem origem no Departamento de Registro, Acompanhamento e Fiscalização, criado após a CPI do Ecad para ficar de olho na entidade.

O Ecad já fechou gordos acordos com plataformas populares como YouTube, Facebook, Spotify etc e recebe milhões pelo uso das músicas.

Notícias Relacionadas

A manobra consiste em cobrar, segundo o Ecad, 5% do valor bruto dos patrocínios das lives, como acontece em shows com público pagante.

EM ILHÉUS, MILAGRES ACONTECEM

Aqui, camas de enfermaria viram leitos de UTI.

A POPULAÇÃO ESTÁ ATENTA – E OS MENTECAPTOS ALEGAVAM QUE ERA RESTINGA.

PRECISA MANDAR FAZER MAIS CARIMBOS.

Vem mais uma leva de médicos zumba por aí…

MERENDINHA & MERENDÃO

A merendinha não está saindo nem em prato raso, em compensação o merendão sai farto pela porta dos fundos da cozinha.

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
setembro 2020
D S T Q Q S S
« ago    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia