WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Debates’

Cacá Colchões participa de debate na rádio Santa Cruz e destaca propostas

Da esquerda para direita- Luca Lima, radialista Tony, Alemão e Cacá Colchões

Na manhã desta sexta-feira, 14, o candidato a deputado Estadual, Cacá Colchões, participou do debate promovido pela Rádio Santa Cruz, com o radialista Tony Martiolli, onde foram convidados todos os candidatos a deputado estadual que possuem domicílio eleitoral na cidade de Ilhéus.  Durante o debate, Cacá destacou sua trajetória e falou do amor que tem por Ilhéus, além de apresentar propostas para melhorias da região. Também compareceram os candidatos Luca Lima e Alemão.

Na área da Saúde, Cacá Colchões lembrou da luta para trazer o Hospital Regional Costa de Cacau, uma grande conquista para toda a região, no período em que era vice-prefeito de Ilhéus. Porém, lamentou a falta de compromisso e atitude dos atuais gestores municipais, os quais permitiram que o Hospital Regional Luiz Viana Filho fosse fechado. O candidato reafirmou que a luta pela reabertura da Instituição é uma de suas pautas prioritárias, junto ao governador Rui Costa.

O candidato também destacou que uma de suas lutas na Assembleia Legislativa será pela implantação das Cotas Regionais nas Universidades da região. O projeto prevê o bônus de 20% sobre a nota do ENEM, para candidatos que cursaram o ensino médio em escolas com até 150km de distância das Instituições, sendo escola pública ou privada. Além de valorizar o estudante da região, o projeto busca também reduzir o índice de evasão dos cursos, já que a maioria dos estudantes não conseguem se manter em outra cidade devido ao alto custo com habitação, transporte, alimentação e material estudantil.

Ilheense, comerciante e gerador de empregos na cidade de Ilhéus e Itabuna, Cacá Colchões falou do seu comprometimento com essa área. “Uma de minhas lutas será pela instalação de um Call Center em Ilhéus”. Segundo Cacá, a instalação de um Call Center, na antiga Fábrica de Cacau, localizada no Terminal Urbano, gerará cerca de 4.500 empregos diretos e indiretos, o que movimentará a economia do município e beneficiará 4500 famílias.

Cacá lembrou que, enquanto vice-prefeito, realizou o decreto para a desapropriação da Fazenda Primavera, na Ilhéus-Itabuna, para construção de um Parque Industrial Municipal, onde seriam implantadas mais de 300 fábricas em nosso município. Porém, a atual gestão municipal anulou o decreto. “Sei das dificuldades dos municípios baianos e sei que toda família possui um desempregado. Por isso, defendo a geração de emprego para a nossa região”, concluiu.

AMANHÃ TEM DEBATE, JUNTA MÉDICA JÁ DE PLANTÃO!

Ambulância avançada do SAMU, e cardiologista também,....

Ambulância avançada do SAMU, e cardiologista também….

PROGRAMA DE AÉCIO. Com trechos do Debate da BAND.

O DEBATE NA GLOBO, VISTO PELO PELA ÓTICA DO DECÁLOGO DE LENIN.

Alguns candidatos, atuaram e atuam, sob a ótica do Decálogo de Lenin (1913), identifique-os:

decalogo1

NO DEBATE, O DE SEMPRE, MAIS DO MESMO.

debaterecord

Ficou provado para mim, que esse tipo de debate, esse formato, não contribui em nada para algum esclarecimento do eleitor.

Foram apresentadas as mesmas picuinhas, as mesmas discussões sobre o sexo dos anjos, nada que realmente se aproveitasse.

A nota tosca, quase hilária, foi apresentada por ela, Dilma.

Estava ela no debate na condição de ‘candidata’, mas quando o governo era citado, ela pedia direito de resposta como ‘Presidenta’.

No mais, entre mortos e feridos, se salvaram todos….

Em direito de resposta, Paulo Souto ironiza ataques de adversários

26_09_14_Paulo Souto_debate Record_foto Valter Pontes

26_09_14_Paulo Souto_debate Record_foto Valter Pontes

“Estou vendo aqui um autêntico departamento de criação publicitária”, disse o candidato a governador, Paulo Souto, da coligação “Unidos pela Bahia”, em direito de resposta, ironizando as acusações infundadas dos adversários no debate da TV Record, na noite desta sexta-feira (26).

Na ocasião, o democrata esclareceu que não foi o responsável pela privatização da Telebahia e criticou os aumentos acima da inflação praticados pela Embasa nos últimos anos. “Era com isso que vocês deveriam se preocupar”, recomendou.

Sobre as acusações relacionadas ao episódio da Ilha do Urubu, Paulo Souto informou que atitudes semelhantes àquelas do candidato do Psol, Marcos Mendes, já renderam condenação em duas instâncias pelo Tribunal de Justiça. “É assim que um homem sério faz quando recebe uma acusação absolutamente infundada”, assinalou Souto.

DATA: 26/09/2014 – ASCOM: (71) 9994-4411 / 9695-8501/ 9239-1478

COMEÇOU A CENSURA À IMPRENSA, TÃO SONHADA PELO PT.

Debate presidencial tem tumulto e jornalistas agredidos.

20140916debatepresidenciaveiscnbbjanainagarciaterra.

20140916debatepresidenciaveiscnbbjanainagarciaterra.

Seguranças com broches da Presidência da República distribuíram empurrões, chaves de braço e safanões em repórteres que cobriam o evento
Débora MeloJanaina Garcia
Débora Melo e Janaina Garcia
Direto de Aparecida (SP)

Minutos antes da confusão, jornalistas são colocados em cercadinho longe de presidenciáveis que chegavam para o debate
Foto: Janaina Garcia / Terra
Uma confusão generalizada entre seguranças e jornalistas marcou os bastidores do debate entre os candidatos à Presidência da República, na noite desta terça-feira, na cidade de Aparecida, no Vale do Paraíba, em São Paulo. O evento, organizado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), começou às 21h30 em um centro de eventos pertencente ao Santuário Nacional.

As agressões partiram de seguranças identificados com o símbolo da Presidência da República. Ao menos quatro deles, entre os quais uma mulher, tentaram impedir a entrada dos jornalistas, fotógrafos e cinegrafistas mesmo no tempo destinado à captura de imagens dos candidatos posicionados nas bancadas – a dez minutos do início do evento. A alegação para a barreira formada na porta de acesso ao auditório foi a de que os profissionais não possuíam autorização para estar ali (uma pulseira laranja no pulso), ainda que vários deles a portassem.

Na confusão, a repórter Marina Dias, do jornal Folha de S.Paulo, ficou ferida no pulso. Outros repórteres e cinegrafistas foram barrados com empurrões, chaves de braço e safanões. Parte dos jornalistas entrou no auditório, mas foi convidada a se retirar, minutos depois, pelo mediador do debate, o jornalista Rodolpho Gamberini, da Rede Aparecida, e por funcionários da emissora.

SAIBA MAIS
Foto: Ichiro Guerra / Divulgação
Candidatos falarão sobre casamento gay em debate da CNBB
Doze coisas que você não viu no debate dos presidenciáveis
Veja frases dos candidatos à Presidência no 2º debate
Procurada, a assessoria de imprensa da Rede Aparecida informou que os seguranças não pertencem à emissora ou à CNBB, mas que seriam policiais federais. Abordados pela reportagem do Terra, os seguranças se recusaram a informar de onde eram – apesar de portarem os broches da Presidência.

Jornalistas é que causaram confusão, diz Presidência

A assessoria de imprensa da campanha da presidente Dilma Rousseff (PT) informou que a confusão foi causada “por jornalistas não credenciados que tentaram entrar em local para profissionais de imprensa com credencial”. “A segurança presidencial observou as regras (de segurança) estabelecidas pelos organizadores do debate”, finalizou a assessoria.

confusaojornalistasdebatemarcosbezerrafut

confusaojornalistasdebatemarcosbezerrafut

Terra Terra

Paulo Souto propõe ações de prevenção à violência em debate na Ufba

 

17_07_14_Paulo Souto_debate UFBA_foto Valter Pontes_

17_07_14_Paulo Souto_debate UFBA_foto Valter Pontes_

O candidato ao governo, Paulo Souto, da coligação “Unidos pela Bahia”, destacou a necessidade de melhorar a qualidade dos gastos em segurança pública, já que os investimentos anunciados pelo atual governo não resultaram na queda dos índices de violência no estado. “São mais de 36 mil baianos assassinados em sete anos e meio. Uma verdadeira epidemia de violência tomou conta da Bahia. Isso não vem acontecendo em todo o Brasil. Em outros estados houve queda nas taxas de homicídio”, disse o democrata no debate sobre segurança pública, realizado no salão nobre da Reitoria da Ufba, na noite desta quinta-feira (17).

Para Souto, a situação é grave e precisa ser enfrentada. A média anual de assassinatos cresceu 96%, passando de 2,6 mil, até 2006, para 5,1 mil homicídios por ano, na gestão de Jaques Wagner. No debate, o candidato oposicionista defendeu a ampliação do programa de prevenção e contenção da criminalidade, estabelecendo mudanças no atual modelo de segurança pública, e o fortalecimento dos serviços policiais nas delegacias de bairros populosos e nas cidades com mais de 100 mil habitantes.

Paulo Souto destacou ainda a necessidade de manter um diálogo sincero e resgatar a relação de confiança entre o governo e a polícia. “Para prevenir a violência, é preciso também investir em melhorias urbanísticas em territórios com altos índices de criminalidade, ampliar a permanência de estudantes nas escolas e formar uma rede de proteção, envolvendo assistentes sociais, polícias e conselhos tutelares”.

O debate na Reitoria da Ufba foi mediado pelo professor Dr. Júlio Rocha. Participaram do evento os candidatos ao governo Lídice da Mata (PSB), Rogério Da Luz (PRTB), Marcos Mendes (PSOL) e Renata Mallet (PSTU). O postulante petista não compareceu para discutir a segurança pública, grave problema que aflige a Bahia, estado governado pelo seu partido.

DATA: 17/07/2014

ASCOM: (71) 9994-4411 / 9695-8501

VOCÊ É DE DIREITA OU DE ESQUERDA?

OS EVANGÉLICOS SABEM QUE O PT POR IMPOSIÇÃO ESTATUTÁRIA É A FAVOR DO ABORTO?

Jabes confirma presença no debate da Rádio Santa Cruz dia 24

 

Jabes Ribeiro, candidato a prefeito de Ilhéus (PP)

 

                Após liderar com larga vantagem os debates realizados pela Faculdade de Ilhéus e Diocese, o candidato a prefeito da coligação Por Amor a Ilhéus, Jabes Ribeiro (PP) confirmou presença no debate da Rádio Santa Cruz, que será realizado na próxima segunda-feira, 24, das 12h35min às 14h05min, onde apresentará mais uma vez suas propostas para a reconstrução da cidade. Parabenizando a direção da emissora pela iniciativa, ele enfatiza que o debate entre os candidatos no rádio é uma ótima oportunidade para os ilheenses avaliarem o preparo de cada um para governar o município.

              Jabes diz que a transmissão do debate ao vivo poderá ser o ponto alto da campanha na reta final para as eleições de 7 de outubro. “Teremos a chance de falar diretamente com os ilheenses, cada um mostrando os serviços prestados à cidade e os projetos que tem para enfrentar os graves problemas que a população enfrenta na saúde, educação, limpeza pública, geração de emprego e renda, cultura, esporte e demais áreas da administração municipal”, ressalva.

RESPOSTA DE ANTONIO OLÍMPIO A ISAAC ALBAGLI.

RESPOSTA A ISAAC ALBAGLI

Conforme anunciei, ontem, em matéria que deveria sair nos blogs SARRAFO e R2CPRESS, estou respondendo, hoje, ao distinto amigo Isaac, a matéria que publicou em alguns blogs da região, especificamente nos supramencionados. Na resposta cingir-me-ei aos assuntos que me dizem respeito – exclusivamente. Saliento, ainda, não pretendo polemizar com o amigo Isaac sobre qualquer assunto, pois além de ser seu amigo e admirador não o farei alvo de minhas criticas e comentários.  Os assuntos tratados abaixo serão assinalados com as letras ”F” (quando se tratarem de acontecimentos) e “CP” (quando forem comentários pessoais).  Saliento, também, que sou amigo e admirador de Isaac há muito tempo, desde quando fomos sócios no JORNAL DA MANHÃ. Reconheço nele a competência com que se tem havido à frete da BAHIA PESCA e até mesmo como vereador e principal (cabeça pensante) secretário do governo Jabes Ribeiro, de quem tem sido fiel e eficiente escudeiro (não o estou apelidando, pejorativamente, de Sancho Pança, mesmo porque Jabes não é nenhum  Dom Quixote de La Mancha).

“F” – A maioria dos precatórios resultou de reclamações trabalhistas ajuizadas em meu governo, porém, motivadas por atos irregulares praticados na administração JOÃO LYRIO, já bem explicitados na matéria que escrevi anteriormente – Decreto-Lei 180, congelamento de proventos (salários) do prefeito, vice e demais cargos de confiança e concessão de estabilidade financeira a funcionários celetistas, que ocuparam cargos de confiança por cinco anos consecutivos.

“CP” – Sobre este item Isaac diz “que as condenações trabalhistas decorreram de revelias, pois no meu governo ninguém foi destacado para defender o Município e que a culpa não foi dos advogados”. DATA VÊNIA carece de verdade a afirmação. O prefeito não recebe as citações, notificações e intimações de prazos. Quem as recebe e adota as providências cabíveis é o Procurador Municipal que, pessoalmente, ou através dos advogados do quadro realiza as audiências, promove as defesas (contestações e recursos e demais atos judiciais). Apenas quando é requerido o depoimento pessoal é que o prefeito é intimado.  A representação em Juízo é feita por preposto, credenciado pelo procurador. Desse modo se houve algum processo julgado à revelia eu não fui comunicado, pois teria tomado providência no sentido de punir o advogado, o funcionário ou mesmo o próprio procurador desidioso. O          que ocorreu de verdade é que na maioria os processos os advogados municipais (alguns deles) fizeram pior que deixar o processo correr à revelia. Deixaram de contestar coisas importantes, até mesmo, que o “reclamante tinha razão”. Houve caso em que advogado municipal (sindicalizado) serviu de testemunha para reclamantes, contra o município. Havia uma espécie de complô para criar problemas para a minha administração. Ocorre que eu não tive nenhum prejuízo pessoal do ponto de vista financeiro – quem se arrebentou foi o MUNICÍPIO DE ILHÉUS. Espero que o assunto esteja bem esclarecido e que eu não necessite voltar a abordá-lo. Entretanto se houver qualquer dúvida darei tantas quantas forem as explicações necessárias.

:: LEIA MAIS »

anuncie aqui

Carregando...

Tabela do Brasileirão

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia