WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Alerta’

GRANADAS DE ESTILHAÇOS QUANDO DETONADAS PROVOCAM ESTRAGOS EM TODAS AS DIREÇÕES.

A primeira foi detonada na Câmara de Vereadores de Ilhéus.

Granadas de estilhaços…

VAI SER ‘DIFICULTOSO’ PONGAR EM OBRA ALHEIA.

Informações chegadas ao blog, dão conta que as obras do Governo Federal e PPI, serão administradas pelo próprio Governo Federal.

Sendo assim, fica quase impossível a ‘ponga’ dos oportunistas.

Bonde de estribo onde os ‘pongas’ deitavam e rolavam…

E QUANDO A ‘MERENDINHA’ ACABAR?

Vai ser uma dureza…

É PRECÁRIA A SITUAÇÃO DE ILHÉUS, EM RELAÇÃO AO AEDES AEGYPTI

Quase mil cidades podem ter surto de dengue, zika e chikungunya – Ilhéus classificada em risco alto.

É o que revela levantamento do Ministério da Saúde

Publicado em 30/04/2019 – 13:44

Por Paula Laboissière – Repórter da Agência Brasil  Brasília

Brasília – Agentes de combate distribuem panfletos e conscientizam moradores de Brasilândia no Dia de Mobilização Nacional contra o Mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e do vírus Zika (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Novecentos e noventa e quatro municípios brasileiros apresentam alto índice de infestação pelo mosquito Aedes aegypti e podem registrar surtos de dengue, zika e chikungunya.

O número, de acordo com informações do Ministério da Saúde, representa 20% das 5.214 cidades que realizaram algum tipo de estudo que classifica o risco do aumento de doenças causadas pelo vetor.

O primeiro Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa) de 2019 revela que a incidência de casos de dengue no país entre janeiro e março subiu 339,9% em relação ao mesmo período de 2018.

Além da situação de risco, o estudo identificou 2.160 municípios em situação de alerta e 1.804 com índices considerados satisfatórios.

O ministério alertou hoje (30), em Brasília, para a necessidade de fortalecer ações de combate ao mosquito, mas avaliou que, mesmo com o aumento de casos de dengue, a taxa de incidência está dentro do esperado para o período e o país não está em situação de epidemia. O Ministério  da Saúde admite, entretanto, que podem haver epidemias localizadas de dengue em alguns municípios.

Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa)
Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa) – EBC

Capitais

Cinco capitais estão com índice de infestação considerado satisfatório: Boa Vista, João Pessoa, São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

Cuiabá está classificada como em risco e outras 16 capitais estão em alerta. São elas: Fortaleza, Porto Velho, Palmas, Salvador, Teresina, Recife, Belo Horizonte, Campo Grande, Vitória, São Luís, Belém, Macapá, Manaus, Maceió, Aracaju e Goiânia.

Natal, Porto Alegre e Curitiba realizaram levantamento por meio de metodologia diferente (armadilha), enquanto Florianópolis e Rio Branco não enviaram informações ao ministério sobre o índice de infestação ao governo federal.

Criadouros

O armazenamento de água no nível do solo (armazenamento doméstico), como em toneis e barris, foi o principal tipo de criadouro identificado no país, seguido por depósitos móveis, caracterizados por vasos e frascos com água, pratos e garrafas retornáveis. Por último, estão os depósitos encontrados em lixo, como recipientes plásticos, garrafas PET, latas, sucatas e entulhos de construção.

Dengue

Até 13 de abril de 2019, foram registrados 451.685 casos prováveis de dengue no Brasil contra 102.681 casos no ano passado. A incidência, que considera a proporção de casos em relação ao número de habitantes, tem taxa de 216,6 casos para cada 100 mil habitantes. O número de óbitos pela doença também teve aumento, de 186,3%, passando de 66 para 123 mortes.

Zika

Foram registrados ainda 3.085 casos de zika, com incidência de 1,5 caso para cada 100 mil habitantes. Em 2018, no mesmo período, foram identificados 3.001 casos prováveis da doença. Não há óbitos por zika contabilizados em 2019.

Chikungunya

Também houve 24.120 casos de chikungunya, com uma incidência de 11,6 casos para cada 100 mil habitantes. Em 2018, foram 37.874 casos – uma redução de 36,3%. Em 2019, não foram confirmados óbitos por Chikungunya no país.
O levantamento

O LIRAa é classificado pelo Ministério da Saúde como um instrumento fundamental para o controle do vetor e de doenças transmitidas por ele. Com base nas informações coletadas, o gestor pode identificar os bairros onde estão concentrados os focos de reprodução do mosquito, bem como o tipo de criadouro predominante.

O objetivo do levantamento é permitir que os municípios tenham melhores condições de fazer o planejamento das ações de combate e controle do mosquito. A lista completa de cidades que participaram do estudo pode ser acessada aqui.

Edição: Kleber Sampaio

Abastecimento de água será suspenso na sexta-feira (03), em bairros de Ilhéus, para serviços de manutenção

A Embasa informa que, para realizar serviços de manutenção, vai interromper temporariamente o abastecimento de água de bairros e localidades de Ilhéus (ver lista) nesta sexta-feira, 03 de maio.

Na zona sul, a Embasa vai realizar manutenção para prevenir danos aos motores responsáveis pela captação de água bruta no Rio do Engenho. Já no Basílio, a empresa vai reparar o conjunto hidráulico na saída de água do reservatório, sendo necessário interromper a distribuição de água tratada.

Não sentirão os efeitos dessa interrupção usuários que dispõem de reservatório compatível com o perfil de consumo do imóvel. Para evitar transtornos, a empresa recomenda medidas de economia no período. A previsão é de que os imóveis sejam gradativamente reabastecidos nas 24 horas seguintes ao final dos trabalhos, a partir da tarde do mesmo dia.

Bairros afetados (zona sul)| BA 415, Barreira , Ceplus, Couto, Cururupe, Hernani Sá,

Ilhéus II, Jardim Atlântico, Loteamento São Caetano, Mar a Vista, Mar de Ilhéus I, Nossa Senhora da Vitória, Nelson Costa, Pérola do Mar, Pontal, Parque Olivença, Praia Dourada, Rodovia Ilhéus-Olivença, Santo Antônio de Pádua, São João, Sapetinga, Sol e Mar I e II.

(centro-oeste)| Avenida Itabuna, Banco da Vitória, Basílio, Frei Vantuy, Hospital Costa do Cacau, Morada do Bosque, Morada do Porto, Parque Universitário, Residencial Rio Cachoeira, Vila Cachoeira, Vila Nazaré, Salobrinho/UESC, Teotônio Vilela. 

Agradecemos a atenção e nos colocamos à disposição para o necessário.

Mariana Vieira

Analista de Comunicação Corporativa – EL Ilhéus

(73) 3234-7273

RESPEITE A FAIXA DE PEDESTRES -Vídeo

O QUE FALTA ACONTECER EM ILHÉUS.

A administração da cidade caminha a passos largos para um ‘nó cego’!

Quem vai desatar esse nó cego???

E QUANDO CHEGAR A HORA DA ONÇA BEBER ÁGUA?

Vão ser eletrizantes as eleições municipais de 2020.

Sem as coligações partidárias nas eleições de vereadores, vão acabar com as ‘mulinhas’ de 30 ou 40 votos, de partidecos inexpressivos, que completam os votos de vereador de 600 votos.

Assim o voto camarão sem cabeça vai chegar com toda força.

‘Vote em mim, e para Prefeito vote em quem quiser’.

Apostem agora, pois a banca já vai fechar…

QUANDO AS ONGs DÃO CHILIQUE, É BOM PARA O BRASIL!


A DESASTROSA GESTÃO DA SAÚDE EM ILHÉUS, SUCATEIA O SAMU! ===>>>02-10-2017

Falta de recursos já sabemos que não é, gestão desastrosa e caótica sim. A culpa toda é da Secretaria Municipal de Saúde.

E a Secretária quer ser a Diretora do Novo Hospital Costa do Cacau. Imaginem só?

Gambiarras na rede hidráulica, samuzeiros (assim eles gostam de ser chamados), comendo ovo frito no fogo de chão improvisado, a cozinha é só um detalhe.

Cadê as quentinhas de quase 17 reais? (Diário Oficial)?

Mais grave ainda, ambulâncias com pneus carecas na dianteira, suporte de macas quebrados, não encaixam.

Com as portas amaradas de ataduras, corre-se o risco da maca com paciente e atendentes serem jogados no meio da rua. Num caso típico de pior a emenda do que o soneto.

Não só o Ministério Público deve ser acionado, a Câmara de Vereadores através de sua Comissão de Saúde, se é que tem? O Conselho Municipal de Saúde, e a tão falada Sociedade Civil Organizada.

Chega de descaso com a população…

 

UM NOVO PROBLEMA DE SAÚDE PARA ATORMENTAR A POPULAÇÃO?

anuncie aqui

Carregando...

Tabela do Brasileirão

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
maio 2019
D S T Q Q S S
« abr    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia