WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Água’

Manutenção na captação de água bruta interromperá abastecimento de água no centro-norte de Ilhéus nesta segunda, 27

A Embasa informa que, em virtude da necessidade de manutenção em equipamentos responsáveis pela captação de água bruta na barragem do Iguape, será necessária a interrupção do fornecimento de água tratada para bairros e localidades da porção centro-norte de Ilhéus (ver lista). O serviço será realizado nesta segunda-feira (27), a partir das 8h. A previsão é de ele seja concluído no fim da tarde do mesmo dia, quando será possível voltar a captar água para tratamento e restabelecer o abastecimento, de forma gradativa, nas 24 horas subsequentes.

Usuários que dispõem de reservatório compatível com as necessidades de consumo do imóvel não sentirão os efeitos da medida preventiva. A recomendação da empresa é que todos utilizem menos água em suas rotinas, até que o abastecimento seja plenamente regularizado.Locais situados em pontos mais distantes da rede distribuidora, como distritos e elevados, levam mais tempo para perceber essa regularização, uma vez que necessitam de maior pressurização na rede distribuidora para que a água volte a cair nos imóveis. Os canais de atendimento da Embasa estarão à disposição para prestar mais informações: telefone 0800 0555 195, aplicativo para smartphone (plataformas Android e IOS) e site www.embasa.ba.gov.br.

Bairros afetados| Alto da Esperança, Alto do Amparo, Alto do Cacau, Alto do Carvalho, Alto do Coqueiro, Alto Legião, Alto Nerival, Alto Soledade, Alto São Francisco, Avenida Itabuna, Banco da Vitória, Basílio, Conquista, Esperança, Frei Vantuy, Iguape, Malhado, Morada do Bosque, Morada do Porto, Pacheco, Princesa Isabel, Salobrinho/UESC, São Domingos,Tapera, Teotônio Vilela,Vila Cachoeira, Vila Nazaré.

Abastecimento de água será suspenso na sexta-feira (03), em bairros de Ilhéus, para serviços de manutenção

A Embasa informa que, para realizar serviços de manutenção, vai interromper temporariamente o abastecimento de água de bairros e localidades de Ilhéus (ver lista) nesta sexta-feira, 03 de maio.

Na zona sul, a Embasa vai realizar manutenção para prevenir danos aos motores responsáveis pela captação de água bruta no Rio do Engenho. Já no Basílio, a empresa vai reparar o conjunto hidráulico na saída de água do reservatório, sendo necessário interromper a distribuição de água tratada.

Não sentirão os efeitos dessa interrupção usuários que dispõem de reservatório compatível com o perfil de consumo do imóvel. Para evitar transtornos, a empresa recomenda medidas de economia no período. A previsão é de que os imóveis sejam gradativamente reabastecidos nas 24 horas seguintes ao final dos trabalhos, a partir da tarde do mesmo dia.

Bairros afetados (zona sul)| BA 415, Barreira , Ceplus, Couto, Cururupe, Hernani Sá,

Ilhéus II, Jardim Atlântico, Loteamento São Caetano, Mar a Vista, Mar de Ilhéus I, Nossa Senhora da Vitória, Nelson Costa, Pérola do Mar, Pontal, Parque Olivença, Praia Dourada, Rodovia Ilhéus-Olivença, Santo Antônio de Pádua, São João, Sapetinga, Sol e Mar I e II.

(centro-oeste)| Avenida Itabuna, Banco da Vitória, Basílio, Frei Vantuy, Hospital Costa do Cacau, Morada do Bosque, Morada do Porto, Parque Universitário, Residencial Rio Cachoeira, Vila Cachoeira, Vila Nazaré, Salobrinho/UESC, Teotônio Vilela. 

Agradecemos a atenção e nos colocamos à disposição para o necessário.

Mariana Vieira

Analista de Comunicação Corporativa – EL Ilhéus

(73) 3234-7273

Técnicos da Embasa trabalham no Alto da Tapera para consertar adutora que rompeu

A Embasa informa que técnicos da empresa já estão desde cedo, no Alto da Tapera, em Ilhéus, fazendo inspeção para manutenção em adutora que apresentou vazamento e rompeu hoje (17) pela manhã.

Representantes da empresa também estão dando todo suporte, junto com a Defesa Civil, aos moradores que tiveram suas casas danificadas pela força da água.

Para o conserto da tubulação, o abastecimento foi  temporariamente interrompido no Basílio, Banco da Vitória, Salobrinho, Moradas do Porto e Vila Cachoeira. A previsão de término e início da retomada gradativa do fornecimento de água, nessas áreas, é de 48 horas.  

Durante esse período, os morros Soledade, Nerival, Amparo, Legião, Vila Queiroz, Alto da esperança e Alto do Coqueiro serão abastecidos em dias alternados.

Qualquer dúvida entrar em contato com escritório local, 0800 0555 195 e aplicativo.

Até a regularização completa do abastecimento, a Embasa recomenda o uso racional da água disponível nos reservatórios domiciliares.

Governo prevê investimentos de R$ 25 bilhões em segurança hídrica

Publicado em 16/01/2019 – 12:00

Por Paula Laboissière – Repórter da Agência Brasil  Brasília

Divulgação/Ministério da Integração Nacional

O Ministério do Desenvolvimento Regional prevê investimentos de R$ 25 bilhões em 114 obras para ampliar o abastecimento de água no país. Do total de projetos, 66 são no Nordeste. As iniciativas fazem parte do Plano Nacional de Segurança Hídrica, em elaboração pela Agência Nacional de Águas (ANA) e que deve ser lançado em abril deste ano.

De acordo com a pasta, o plano vai priorizar intervenções estruturantes e estratégicas, contemplando obras dos estados e da União. Estão sendo mapeadas infraestruturas como barragens, sistemas adutores, canais e eixos de integração, consideradas necessárias à oferta de água para abastecimento humano e o uso em atividades produtivas. O governo vai priorizar a conclusão dos empreendimentos já em andamento.

O ministério uniu os antigos Integração Nacional e das Cidades e passou a agrupar órgãos com atuação no setor hídrico, como a própria ANA e o Conselho Nacional de Recursos Hídricos. Para o ministro Gustavo Canuto, a reestruturação permite centralizar e unificar o gerenciamento numa única instituição, fortalecendo o Sistema Nacional de Gerenciamento dos Recursos Hídricos.

“O principal desafio será encontrar novas alternativas para garantir a segurança hídrica, tanto em quantidade e qualidade de água ofertada”, destacou a pasta, por meio de comunicado.

Rio São Francisco

Outra prioridade, de acordo com o ministério, é o Projeto de Integração do Rio São Francisco. O Eixo Leste foi entregue em março de 2017 e abastece cerca de 1 milhão de habitantes em 35 cidades da Paraíba e de Pernambuco. No Eixo Norte, as estruturas necessárias à passagem da água do Rio São Francisco estão em fase final e devem ser concluídas no primeiro semestre deste ano.

Água marinha

O aproveitamento da água do mar como fonte hídrica, segundo a pasta, também é uma tecnologia em estudo. A proposta é que cidades litorâneas, muitas vezes dependentes de reservatórios de outras localidades dos estados, possam ser abastecidas com água marinha dessalinizada.

Dessa forma, mananciais do interior seriam preservados, permitindo maior capacidade de atendimento às demandas hídricas da população local. No momento, segundo a pasta, uma planta dessalinizadora na região metropolitana de Fortaleza está em processo de implementação.

Comunidades rurais

O ministério informou ainda que pretende revisar iniciativas como a Operação Carro Pipa, o Água para Todos e o Água Doce, que incluem ações de dessalinização de águas subterrâneas para o atendimento de comunidades rurais difusas. Anteriormente, o programa estava sob a gestão do Ministério do Meio Ambiente.

Edição: Fernando Fraga

CONHEÇA O POSSÍVEL PROJETO DE BOLSONARO QUE PODE REVOLUCIONAR O NORDESTE!


Abastecimento de água é temporariamente suspenso em bairros e localidades da zona sul de Ilhéus nesta sexta, 18

 
 

ETA – Pontal

A Embasa informa a suspensão temporária do fornecimento de água dos bairros atendidos pela Estação de Tratamento de Água (ETA) Pontal (ver lista), programada para esta sexta-feira, 18. Com a medida, a empresa finalizará o cronograma de limpeza preventiva dos reservatórios de água tratada que atendem a cidade. Já passaram pelo mesmo procedimento os reservatórios da ETA Distrito e da ETA Centro, respectivamente dias 27 de abril e 11 de maio.

Os trabalhos serão iniciados às 08h, com perspectiva de retomada gradual do abastecimento de água a partir das 21h do mesmo dia. Variações nesse tempo ocorrem por conta da localização dos imóveis e da recuperação das pressões nas redes, o que pode levar até 24 horas em pontos elevados e mais afastados da rede distribuidora.

Consumidores com reservatório compatível com suas necessidades diárias de consumo, atendendo à legislação em vigor, não sentirão os efeitos da interrupção. A Embasa recomenda a adoção de medidas de economia até que o serviço seja plenamente regularizado.

Bairros afetados| BA 415, Barreira, Ceplus, Couto, Cururupe, Hernane Sá I e IIIlhéus II, Jardim Atlântico, Loteamento São Caetano, Mar a Vista, Mar de Ilhéus I, N. S. da Vitória, Nelson Costa, Parte da Avenida Princesa Isabel, Pérola do Mar, Pontal, Parque Olivença, Praia Dourada, Rodovia Ilhéus-Olivença, Santo Antônio de Pádua, São João, Sapetinga, Sol e Mar I e II, Urbis.

Agradecemos a atenção e nos colocamos à disposição para o que se fizer necessário.

Mariana Vieira

Analista de Comunicação Corporativa – EL Ilhéus

(73) 3234-7273

Abastecimento de água dos bairros atendidos pela ETA Centro, Ilhéus, será interrompido sexta-feira (11)

 
 

A Embasa informa que, dando continuidade ao calendário de limpeza preventiva dos seus reservatórios de água tratada, fará a suspensão temporária do abastecimento de água para os bairros de Ilhéus atendidos pela Estação de Tratamento de Água (ETA) Centro (ver lista), nesta sexta-feira (11).

 

Os serviços serão iniciados às 08h e a previsão é de que o abastecimento seja retomado, de forma gradativa, a partir das 21h do mesmo dia. Os imóveis situados em logradouros mais elevados e distantes da rede distribuidora podem levar até 24 horas para ter o abastecimento de água plenamente regularizado.

 

Usuários que dispõem de reservatório compatível com suas necessidades diárias de consumo não sentirão os efeitos da interrupção. A Embasa lembra que o usuário também é responsável pela manutenção da qualidade da água distribuída pela empresa, devendo lavar o reservatório de seu imóvel a cada seis meses.

 

Bairros afetados| Alto Carvalho, Alto da Esperança, Alto do Amparo, Alto do Aureliano, Alto do Cacau, Alto do Coqueiro, Alto Legião, Alto S. Francisco, Av. Itabuna, Banco da Vitória, Basílio, Conquista, Esperança, Frei Vantuy, Malhado, Morada do Bosque, Morada do Porto, Pacheco, Princesa Isabel, Salobrinho/UESC, Tapera, Teotônio Vilela, Teresópolis, Vila Cachoeira, Vila Nazaré.

Agradecemos a atenção e nos colocamos à disposição para o necessário!

Mariana Vieira

Analista de Comunicação Corporativa – EL Ilhéus

(73) 3234-7273

Embasa informa: manutenção preventiva interromperá o abastecimento de água na zona norte de Ilhéus, nesta sexta-feira (27)

A Embasa informa que, para realizar limpeza preventiva no reservatório de água tratada da Estação de Tratamento de Água (ETA) Distrito, os bairros da zona norte de Ilhéus (ver lista) atendidos pelo equipamento terão o fornecimento de água suspenso nesta sexta-feira (27). Após a conclusão do trabalho, programada para as 21h do mesmo dia, o abastecimento será gradativamente regularizado em até 24 horas, especialmente em localidades mais distantes da rede de distribuição.

Usuários que dispõem de reservatório compatível com suas necessidades de consumo, como determina a legislação em vigor, não sentirão os efeitos da parada operacional. A Embasa recomenda a adoção de medidas de economia de água no período.

Bairros afetados| Alto Nerival; Alto Soledade; Aritaguá; Barra/CSU; Centro Industrial, Iguape, Jardim Savóia, Novo Ilhéus, São Domingos, São José, São Miguel, Sambaituba.

Mariana Vieira

Analista de Comunicação Corporativa – EL Ilhéus

(73) 3234-7273

Embasa informa: desabastecimento de energia elétrica interrompe abastecimento de água na zona sul de Ilhéus nesta sexta, 06

A Embasa informa que, por conta do desabastecimento de energia elétrica na captação de água bruta do Rio Santana, desde as primeiras horas da manhã de hoje, o fornecimento de água está interrompido para a zona sul de Ilhéus nesta sexta-feira (06). A previsão inicial de retomada do fornecimento de energia, de acordo com a concessionária, era até as 10h30 de hoje, o que até o momento não aconteceu. Após restabelecimento desse serviço, serão necessárias cerca de 24 horas para que o sistema de abastecimento de água seja plenamente regularizado, especialmente para imóveis situados em pontos mais distantes da rede distribuidora.

Usuários que dispõem de reservatório compatível com suas necessidades de consumo não sentirão os efeitos da interrupção. Ainda assim, a Embasa recomenda a adoção de medidas de economia de água até que o abastecimento seja retomado.

Bairros afetados|  BA 415, Barreira, Ceplus, Couto, Cururupe, Hernane Sá I e II

Ilhéus II, Jardim Atlântico, Loteamento São Caetano, Mar a Vista, Mar de Ilhéus I, N. S. da Vitória, Nelson Costa, Parte da Avenida Princesa Isabel, Pérola do Mar, Pontal, Parque Olivença, Praia Dourada, Rodovia Ilhéus-Olivença, Santo Antônio de Pádua, São João, Sapetinga, Sol e Mar I e II, Urbis.

Agradecemos a atenção!

Mariana Vieira

Analista de Comunicação Corporativa – EL Ilhéus

(73) 3234-7273 

A EMBASA EM HOMENAGEM AS ÁGUAS

Embasa retira fraude em ramal de distribuição de água em Ilhéus

 

 

Novo Couto retirada fraude

Numa operação realizada na última sexta-feira (23 de fevereiro), no povoado Novo Couto, zona rural de Ilhéus, técnicos da Embasa identificaram e retiraram uma fraude num ramal de distribuição de água tratada que abastecia 52 famílias de uma área de invasão. A ação foi acompanhada por uma patrulha da 69ª Companhia Independente da Polícia Militar e faz parte de um planejamento integrado, junto com a Polícia Civil e Departamento de Polícia Técnica, para incrementar os esforços contra o roubo de água em Ilhéus.

A retirada da ligação clandestina, também usada para irrigação, foi coordenada pelo gerente da Unidade Regional da Embasa em Itabuna (USI), Danilo Gomes, acompanhado do gerente comercial Uillas Batista e da assistente social Thaíse Dias, além de técnicos da área operacional. Em conversa com uma das lideranças da comunidade, Lourenço Fernandes da Silva, foi explicado que a Embasa não pode fazer ligações no local por ser uma área privada invadida e que a ocorrência já é do conhecimento da prefeitura de Ilhéus.

A ação da sexta-feira é a primeira após a reunião, ocorrida no dia 15 de fevereiro, entre técnicos da Embasa, o delegado Evy Paternostro, titular da 7ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), e o tenente Erinaldo Dantas, representante da 69ª Companhia Independente da Polícia Militar. No encontro, ficou definido o apoio policial nas operações contra fraudes e roubo de água em Ilhéus, principalmente nos locais considerados inseguros e com alto índice de criminalidade.

Já no início do mês de fevereiro, no dia 9, investigadores da Polícia Civil acompanharam o trabalho dos técnicos da Embasa numa barraca de praia da Zona Sul de Ilhéus, quando ficou constatada a adulteração do hidrômetro. Além do prejuízo financeiro, o gerente da USI, Danilo Gomes, chama a atenção para o desperdício de água quando não há controle do consumo. Ilhéus passou por um racionamento de água em 2016 e o combate às fraudes é uma das medidas para evitar que a adoção do sistema seja necessária outra vez.

O roubo de água é tipificado como crime contra o patrimônio, segundo o artigo 155 do Código Penal. A pena prevista em lei é reclusão de um a quatro anos, além de multa. A Embasa encaminha para a Polícia Civil os casos identificados de fraudes e roubo de água. A população também pode denunciar a existência de fraudes por meio do 0800 05555 195.

—————————————-

Assessoria de Comunicação da Embasa

Unidade Regional de Itabuna (USI)

Telefones 73 3214.4903/4900

Embasa e polícias Civil e Militar empreendem esforços contra fraudes de água em Ilhéus

16/02/2018
 
 
Envidar esforços contra o furto de água em Ilhéus. Este foi o objetivo de uma reunião ocorrida ontem (15), na sede da Embasa no município, que contou com representantes das polícias Civil e Militar. Técnicos da concessionária apresentaram as principais irregularidades cometidas e as dificuldades que as equipes de campo enfrentam no dia a dia: “Há logradouros por onde as equipes não conseguem passar, por conta da criminalidade; além disso, é comum que eles sofram a agressividade de usuários e até sejam vítimas de ameaça. Nesse ambiente de insegurança, fica impossível dar continuidade ao trabalho de identificação e de correção das fraudes”, afirmou Uillas Batista, gerente comercial da Unidade Regional de Itabuna, responsável pela operação da Embasa em Ilhéus e em outros 26 municípios da região.
“Precisamos definir uma agenda que possibilite a presença da polícia nas ações da Embasa respeitando o fluxo de ocorrências que recebem prioridade, como os crimes contra a vida. Lembramos ainda que é fundamental o apoio do Departamento de Polícia Técnica (DPT) para dar validade jurídica às irregularidades encontradas, o que somente é possível por meio de laudo pericial”, explicou o titular da 7ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), delegado Evy Paternostro.
 
Parceria de resultados
 
Antes mesmo da reunião, investigadores da Policia Civil acompanharam o trabalho de campo feito pela Embasa, dia 09 de fevereiro. Em uma barraca de praia da orla sul de Ilhéus, técnicos constataram a adulteração do hidrômetro – o manuseio indevido objetiva diminuir, ou mesmo anular, o consumo de água do imóvel. Com a perícia feita no equipamento, a empresa poderá adotar medidas judiciais e administrativas, como a cobrança de multa estabelecida em R$ 35 mil. “Não é só o prejuízo financeiro que nos preocupa. O passivo ambiental é incalculável, porque quem consome sem compromisso desperdiça muito mais. Ilhéus passou por racionamento em 2016 e não queremos que o furto de água contribua para que a cidade sofra novamente com o problema”, esclareceu Uillas.
“A Embasa pode contar com o apoio da Polícia Militar para garantir a segurança dos seus técnicos. Acreditamos que uma parceria como essa possa intimidar aqueles que fraudam o consumo de água e se acham impunes”, afirmou o tenente Erinaldo Dantas, que representou a 69ª Companhia Independente da Polícia Militar no encontro.

O grupo de trabalho definiu que o acompanhamento da polícia será requisitado inicialmente junto a grandes consumidores e a usuários que são reincidentes na prática do furto de água. “Nosso trabalho continua, e sabemos que seria impossível a polícia nos acompanhar a todo momento. A população também precisa fazer sua parte, procurando a Embasa para regularizar a situação de seu imóvel e denunciando possíveis irregularidades”, salientou Uillas.

Att.,

Mariana Vieira
Analista de Comunicação Corporativa – EL Ilhéus

(73) 3234-7273

anuncie aqui

Carregando...

Tabela do Brasileirão

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
junho 2019
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia