WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Administração’

É urgente aumentar a eficiência do escoamento de cargas pelos portos do Arco Norte

Aumentar a eficiência do transporte de cargas até os portos do Arco Norte e reforçar a competitividade das operações nestes terminais são fatores imprescindíveis para reduzir o custo das exportações brasileiras. O Portogente aborda esta questão há, pelo menos, cinco anos (confira links ao longo deste texto) e reforça a todo o universo portuário-logístico a necessidade de desafogar a movimentação de grãos em portos como Paranaguá (PR), Santos (SP) e Vitória (ES). Afinal, a Associação Nacional de Exportadores de Cereais estima que o produtor brasileiro de soja, por exemplo, gasta com o transporte de sua mercadoria da fazenda ao porto quatro vezes aquilo que despende seu concorrente argentino ou norte-americano. “Isso torna os nossos grãos mais caros na chegada à China, apesar do menor custo de produção, e reflete diretamente em perda de capitalização do agrobusiness nacional”, destacou, em entrevista exclusiva, o advogado e árbitro especializado em transporte marítimo, Larry John Rabb Carvalho.

Arco Norte pavimentação BR 163
Equipes de apoio do Poder Público na BR-163 – Foto: www.br163pa.com

Leia também
Arco Norte aumenta em 82% participação no escoamento da safra agrícola
Governo Bolsonaro rumo ao Arco Norte
Cinco projetos para o Arco Norte no PPI
Arco Norte: uma outra saída do Brasil

No início do mandato de Jair Bolsonaro (PSL), o Ministério da Infraestrutura já anunciou como uma das prioridades da pasta garantir um escoamento mais ágil e seguro das commodities entre a região Centro-Oeste e os portos do Arco Norte pela BR-163. O transporte terrestre por essa rodovia, entretanto, é prejudicado pelos obstáculos proporcionados por mais de 1.200km de trechos com pavimentação precária. A eficiência da logística brasileira tropeça, portanto, em questões primárias para oferecer maior competitividade a quem produz, opera e negocia nossas mercadorias, assim como acarreta em maiores despesas para o consumidor final.

Confira a seguir a entrevista com Larry Carvalho, um dos sócios da Promare, consultoria multidisciplinar sediada no Ceará e que vem realizando investimentos com o objetivo de fomentar a movimentação nos portos do Arco Norte.

Portogente – Quais os principais gargalos logísticos que o Brasil precisa superar para aumentar a produtividade e consolidar seu papel como grande player no cenário internacional? Ultimamente muito tem se falado na necessidade de investimentos entre os locais de produção e os portos do Arco Norte. Que papel os portos localizados nas regiões Norte e Nordeste tem desempenhado?
Larry John Rabb Carvalho – As zonas produtivas das commodities agrícolas brasileiras estão em sua grande parte muitíssimo afastadas dos portos em que ocorrem o escoamento da safra, principalmente a região do Centro-Oeste. Por esse motivo, é preciso realizar viagens extensas e demoradas para que a cadeia se interligue. Além do desafio geográfico, temos também a precariedade da infraestrutura de transportes que hoje está à disposição dos agentes nesse mercado. As zonas produtivas do agronegócio dependem quase que exclusivamente do transporte rodoviário. Modal esse que é conhecido por ser um dos mais poluentes, além de seu alto custo, especialmente após o tabelamento de frete imposto pelo governo brasileiro. O custo que o produtor tem de arcar com a deficiência logística brasileira se reflete diretamente em perda de capitalização.

:: LEIA MAIS »

GESTÃO & NEGÓCIOS!

Necessariamente nessa ordem, dizem os especialistas, economistas e administradores.

Quando a ordem é invertida, os NEGÓCIOS  passam a ter prioridade sobre a GESTÃO, a ADMINISTRAÇÃO afunda, reafirmam os especialistas!

Nessa ordem

Horário de verão termina neste domingo

O horário brasileiro de verão termina à meia noite do próximo domingo (18/2). A população de dez estados e do Distrito Federal (DF) deverá atrasar os relógios em uma hora: Rio Grande do Sul (RS), Santa Catarina (SC), Paraná (PR), São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Minas Gerais (MG), Espírito Santo (ES), Mato Grosso (MT), Mato Grosso do Sul (MS) e Goiás (GO).

Em caso de dúvidas sobre o horário dos voos, a Infraero recomenda aos passageiros e usuários que procurem informações junto às companhias aéreas, balcões de informações nos terminais ou ainda com os empregados da empresa nos terminais vestidos com coletes amarelos “Posso Ajudar?”.

 

Lara Réquia

Imprensa – Infraero

(61) 3312.1735 / 3924 / 2879

É TEMPO DE FANTASMAS!

Como se não bastassem, Prefeito fantasma, Secretários fantasmas, funcionários fantasmas, agora aparece pesquisa fantasma.

Ou estão tirando sarro com a cara da população, ou brincando de esconde esconde na escuridão da cidade?

Hoje (09) ao passar pela Avenida Soares Lopes percebi a escuridão que está no local. Foto colhida no Blog.

A PREFEITURA DE ILHÉUS É UM ELEFANTE BRANCO!

Com uma estrutura paquidérmica, a Prefeitura de Ilhéus transformou-se numa apologia ao nada!

http://www.ilheus.ba.gov.br/organograma 

Elefante branco

Amurc apoia campanha da CNM, de Apoio Financeiro aos Municípios

Quando a realidade contesta a publicidade…

Em apoio a campanha da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), de mobilização dos gestores municipais para a busca de novo Apoio Financeiro dos Municípios (AFM), no valor de R$ 4 bilhões, junto aos seus parlamentares, o presidente da Associação de Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste Baiano –  Amurc, prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio convoca todos os prefeitos da região para estarem juntos na defesa de mais recursos para os municípios, que ainda sofre com a má distribuição dos recursos públicos.

Para as entidades estaduais e regionais municipalistas, a Confederação orienta que acionem os prefeitos de sua localidade, mostrem os números da crise financeira e solicitem atuação no Parlamento para sensibilizar deputados e senadores para a urgência da demanda. Além disso, a Confederação pede que, no contato, seja requerido: data agendada para sessão do Congresso que apreciará o veto do Encontro de Contas; matérias municipalistas pautadas no Plenário da Câmara; e audiência com o presidente da República, Michel Temer.

“Os deputados estão nos ajudando muito”, ressalta o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski. Para ele, o momento é de união. E, apesar de acreditar que a atuação deve abordar a pauta mínima municipalista, o movimento municipalista nacional se manterá unido e buscará o AFM, conforme reivindicação apresentada pelos integrantes do movimento municipalista desejam.

O pedido de liberação de verba extra foi protocolado pela CNM na presidência da República. Por meio de ofício, o movimento municipalista – representado pela entidade – solicitou ao Executivo que o repasse seja por meio do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), nos moldes da medida emergencial feita anteriormente, sem vinculações e sem desconto do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Para o presidente da Amurc, prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, “a luta pela liberação dos R$ 4 bilhões é de todos, gestores e munícipes. A situação dos municípios é grave. A crise econômica e social que ora atravessamos, a face dela mais dura e perversa acontece nos municípios. É aqui que nós gestores somos cobrados. Não podemos continuar de pires na mão, sem a mínima condição de atender ao nosso povo”. 

O PROBLEMA DO AEROPORTO DE ILHÉUS, NÃO É A PISTA DE POUSO E DECOLAGEM!

É a bisonha Estação de Passageiros.

Onde os passageiros, chegando ou partindo, dispõem do mínimo espaço útil com relativo conforto.

Cheia de traquitanas, só faltando uma baiana fritando acarajé, pois até freezer de mariscos têm.

A responsável pela administração é a Infraero, a operação técnica é com a ANAC (clique aqui).

O anúncio de novos voos até poderiam ser comemorados, se não fosse a quantidade de pessoas que irão passar vexames.

É preciso saber em que porta vai bater, para não abrir a porta da jaula do mico.

Imagem colhida no Google.

UMA FOTO, PERGUNTAS E REFLEXÕES!

União das oposições, em sua primeira versão.

De uma forma ou de outra o intento dos fotografados foi conseguido, então pergunto: Tá bom?

Não vejo elogios por parte deles, portanto cabem mais perguntas:

Estão desiludidos ou arrependidos?

Foram trocados por forasteiros? Estão curtindo a raiva caladinhos, esperando que ainda role uma boquinha?

Vocês também são responsáveis pelo que que está acontecendo, e o que vai acontecer com a cidade…

 

anuncie aqui

Carregando...

Tabela do Brasileirão

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia