A Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A. é uma empresa pública vinculada ao Ministério da Infraestrutura identificada pela construção de grandes eixos ferroviários, como é o caso da Ferrovia Norte-Sul (FNS), hoje subconcedida à iniciativa privada, e a Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), cuja etapa II está em construção e a etapa I em vias de ir a leilão. 

Para que uma obra pública de grande porte como a ferrovia tenha início, é necessário que várias etapas preliminares sejam cumpridas. Alguns exemplos dessas etapas são: os estudos de viabilidade técnica, econômica e ambiental, os chamados EVTEAs; o projeto básico, a partir do qual tem-se uma ideia mais clara do caminho que a ferrovia irá percorrer e é também a base para obtenção da Licença de Instalação por parte do órgão ambiental. Após essas etapas e a decisão pelo início da obra, parte-se para a elaboração de um projeto executivo e têm início as desapropriações, as demais ações para o Licenciamento Ambiental e a execução da obra em si. Esta precisa ser acompanhada passo a passo do ponto de vista de engenharia, execução dos contratos, orçamento.

A experiência adquirida pela Valec na elaboração de todas as etapas preliminares, bem como na execução das obras, permitiu o desenvolvimento de aplicações tecnológicas eficientes e eficazes voltadas ao monitoramento, controle e prestação de contas de cada fase das obras. Ciente dessa realidade, a atual Diretoria de Engenharia (Diren) da estatal, conduzida por Washington Lüke, em conjunto com a Superintendência de Tecnologia da Informação (Supti), liderada pelo Jorge Lustosa, deu início a um trabalho inovador de integração das tecnologias desenvolvidas internamente pela Valec. Combinando o uso de BIM (Building Information Modeling), GIS (Geographic Information System) e BI (Business Inteligence), as áreas de engenharia e TI da estatal montaram um portfólio de sistemas que, em breve, poderão ser utilizados por outros entes da Administração Pública Federal. De fato, hoje já existe uma aplicação disponível para envio de informações ao Painel de Obras do Ministério da Economia (saiba mais).

“Temos hoje uma engenharia eficiente porque optamos por usar a tecnologia a nosso favor. Fizemos isso dentro de casa, com poucos recursos e em pouco tempo”, afirmou Lüke. Integrante da empresa desde abril deste ano, Lustosa vem concentrando esforços no desenvolvimento de sistemas que agilizem as trocas de informações e confiram maior credibilidade aos dados compartilhados pela Valec. “Nós recebemos uma diretriz clara de gerar eficiência e economia ao mesmo tempo e estamos conseguindo. Juntamente com a Engenharia, pensamos ‘por que não compartilhar?’. Estamos no caminho e, em pouco tempo, ofertaremos aplicação para gestão unificada de obras públicas, com funcionalidades de gestão de ocorrências ambientais, gestão de desapropriações territoriais, gestão de pagamentos de medições e acompanhamento de obras”, concluiu o Supti.

Clique aqui e conheça alguns dos sistemas utilizados pela Valec e que, em breve, estarão disponíveis para outros entes governamentais.


 Assessoria de Comunicação Social
 Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A.
(61) 2029-6030
  ascom@valec.gov.br
 twitter.com/valec_ferrovias
 instagram.com/valec.oficial
 linkedin/valec-ferrovias
 facebook.com/valec.oficial/