WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: 13/nov/2020 . 8:41

MARÃO, O MELINDROSO.

Indefeso a qualquer crítica, ele quer responder mesmo sem conteúdo.

É uma brecha para os opositores, menino mimado.

Na foto abaixo, ele propaga que está visitando a obra da Fiol, usando o capacete da Bamin, foto antiga de uma ‘pongada’.

É ou não é um prefeitinho ‘fake news’?

TCU autoriza licitação do trecho I da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol)

Em breve, o trecho de 537 km entre Caetité e Ilhéus/BA será operado por parceiro privado

 

Nessa quarta-feira (11), o Tribunal de Contas da União (TCU) autorizou a publicação de edital para a licitação do trecho I da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), trecho de 537 km construído pela estatal Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A., que liga Caetité a Ilhéus, na Bahia.

O plenário da corte de contas aprovou, por unanimidade, a proposta do relator, ministro Aroldo Cedraz, e estipulou como condição para a realização do certame que o Governo Federal, por meio do Ministério da Infraestrutura, garanta que a concessionária terá meios de implantar infraestrutura portuária independente dos demais terminais do Porto Sul, de Ilhéus. Além disso, a empresa vencedora do certame terá que concluir as obras da estrada de ferro, que será entregue pela Valec com aproximadamente 75% de avanço físico concluído.

De acordo com o planejamento do ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, o edital deve ser publicado ainda este ano e o leilão acontecerá no primeiro trimestre de 2021. Para André Kuhn, diretor-presidente da Valec, a autorização do TCU é uma excelente notícia para o setor. “O Governo Federal nos deu a incumbência de alavancar a infraestrutura ferroviária do Brasil e a subconcessão do trecho II da Fiol vai permitir isso. A Valec está empenhada em avançar nas obras do segundo trecho da ferrovia, que vai de Caetité a Barreiras, para entregarmos a obra com aproximadamente 80% de avanço físico ao final de 2022”, afirmou Kuhn.

 Sobre a Fiol 


Com aproximadamente 1.527 km de extensão, considerando o trecho III, cujos estudos de viabilidade foram realizados pela Valec, a Fiol ligará o futuro porto de Ilhéus a Figueirópolis (em Tocantins), ponto em que se conectará com a Ferrovia Norte-Sul.

Fiol I: O trecho da Fiol entre Ilhéus e Caetité tem 537,2 km de extensão. Agora com a autorização pelo TCU, o planejamento do Ministério da Infraestrutura é de que o trecho seja subconcedido ainda em 2021.

Fiol II: O trecho da Fiol entre Caetité e Barreiras tem 485,4 km de extensão e está sendo construído pela Valec, gerando aproximadamente 1 mil empregos diretos. No último mês de setembro, foi firmada parceria entre a Valec e o Exército para que a corporação atue nas obras de parte do lote 6 da ferrovia (aproximadamente 18 km), trazendo maior celeridade às obras.

Fiol III: Para este trecho, a Valec realizou estudos de viabilidade técnica, econômica e ambiental. Quando construído, ligará Barreiras/BA a Figueirópolis/TO, onde acontecerá a conexão com a FNS.

Assessoria de Comunicação Social
 Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A.
  (61) 2029-6030
  ascom@valec.gov.br
 twitter.com/valec_ferrovias
 instagram.com/valec.oficial
 linkedin/valec-ferrovias
 facebook.com/valec.oficial/

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
novembro 2020
D S T Q Q S S
« out   dez »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia