O serviço de remoção de entulho, lixo e mato é executado com o apoio de duas máquinas pesadas e três caminhões. Desde que foi iniciado, o novo visual da praia tem atraído cada vez mais banhistas e praticantes de atividades físicas

anigif

A operação Ilhéus em Ação na praia da Avenida Soares Lopes, com serviços de limpeza, manutenção da rede de drenagem pluvial, melhorias na iluminação e reordenamento de trânsito e de espaços, tem por finalidade revitalizar o principal cartão postal da cidade. Localizada na zona histórica de Ilhéus, durante muitos anos, a praia da Avenida foi a mais freqüentada pela população e visitantes, mas com o recuo do mar e o surgimento de vegetação, o acesso ao local tornou-se um obstáculo aos banhistas e uma questão de segurança.

A limpeza da Praia da Avenida consiste na retirada de lixo e vegetação exótica da área. Até o momento, o trabalho já atinge uma área de cerca de 60 mil metros quadrados, coordenado pela Secretaria de Serviços Urbanos (Secsurb), sob a supervisão técnica da Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo (Sema).

De acordo com o Secretário de Meio Ambiente e Urbanismo, Antonio Vieira, o trabalho significa a devolução da praia aos ilheenses e turistas, sem que represente risco à natureza. Ele explica que a grama que havia na areia surgiu a partir da década de 1980, após a construção do Porto do Malhado em mar aberto. “A construção do terminal portuário fez com que a água, que antes chegava próximo a Catedral de São Sebastião e em frente ao Edifício Santa Clara, recuasse até ao ponto em que está hoje”, acrescenta.

O recuo do mar fez surgir uma faixa de areia de aproximadamente 300 metros a partir da Avenida Soares Lopes, gerando uma área nobre no centro da cidade. “Mas também possibilitou o nascimento de vegetação, como as gramíneas que, por anos, tomaram a praia”, acrescenta o secretário. Com isso, Vieira explica que essa espécie jamais poderia ser nativa, já que, naquela região, antes existia somente água, o que inviabilizaria a presença de mata de restinga no local.

 

Estudo – O secretário relata que um estudo elaborado pelo extinto Departamento de Estradas da Bahia (Derba), a pedido da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, durante a fase de estudos para o projeto da nova ponte ligando o centro da cidade à zona sul, apontou também que a vegetação existente na praia da Avenida Soares Lopes não é restinga – vegetação originária que reveste areias litorâneas.

O serviço de remoção de entulho, lixo e mato é executado com o apoio de duas máquinas pesadas e três caminhões. O trabalho é dividido em duas frentes: a retirada do material pesado pelos tratores e a coleta de lixo de menor tamanho, feita de forma manual.

O titular da Sema assegura que essas iniciativas estão de acordo com o Projeto Orla e aliadas a outras ações, como a implantação de novos quiosques e banheiros públicos,  a fim de proporcionar boa experiência àqueles que optam por ir a praia da Avenida Soares Lopes.

Projeto – O trabalho do Ilhéus em Ação na Avenida Soares Lopes tem despertado o interesse dos moradores da região e de outros pontos da cidade. Com a aproximação do verão, a Avenida começa a ficar mais movimentada. O secretário de Turismo e Esportes do Município, Josenaldo Cerqueira, diz que “a intenção é estimular a presença de ilheenses e turistas naquela região e a limpeza da praia é muito importante para isso”, avalia.  

Segundo Cerqueira, desde que a limpeza e remoção da grama foram iniciadas, a presença de banhistas e pessoas que fazem exercícios ali aumentou. Para a alta estação, está sendo preparada uma programação especial, incluindo a instalação de equipamentos de malhação, demarcação de quadras para esportes de areia, aulas de ginástica a céu aberto e montagem de um complexo de lazer inflável, em parceria com empresas. Outra providência será a iluminação de parte da areia, permitindo o uso da praia durante a noite.

Cidadania – A revitalização da Avenida Soares Lopes aguçou o sentimento de cidadania dos ilheenses. No último dia 19 de setembro, cerca de 300 pessoas participaram de uma ação, em comemoração ao Dia Mundial de Limpeza das Praias, promovida pela Associação Ilheense de Bodyboarding. A praia escolhida foi justamente a da Avenida, numa área onde ainda não houve remoção do lixo e da vegetação.

Com apoio da Prefeitura, no âmbito da Operação Ilhéus em Ação, a população recolheu em torno de 600 sacos de lixo da faixa de areia. Por outro lado, o trabalho de limpeza da Praia da Avenida foi o tema mais curtido e comentado na página oficial do município do facebook, durante o último mês de setembro.

Secretaria de Comunicação Social – Secom. – Ilhéus, 06.10.15