WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: 13/jul/2020 . 16:10

NOTA OFICIAL DO MINISTÉRIO DA DEFESA.

E O ESTÁDIO MÁRIO PESSOA HEIN? TÁ NO BAGAÇO!

Obra de revitalização do estádio de Candeias entra em fase final 

Com execução física acima dos 96%, a obra do estádio municipal David Caldeira, conhecido com Caldeirão, no município de Candeias, entra em sua fase final. O andamento e detalhes para conclusão dos serviços necessários que irão permitir a inauguração do equipamento foram tema de reunião realizada na manhã desta quarta-feira, 8, entre o diretor da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), Vicente Neto, e o prefeito de Candeias, Pitágoras Ibiapina.

Autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, a Sudesb é o órgão estadual responsável pela obra de requalificação do Caldeirão, cujo investimento do Governo da Bahia é de R$2,5 milhões. O diretor Vicente Neto, que na reunião esteve acompanhado do engenheiro da autarquia, Leonardo Guimarães, informou que na oportunidade discutiu-se a execução da obra de drenagem pluvial externa ao estádio, a qual deverá coletar as águas conduzidas pela rede de drenagem interna do equipamento.

Também foi solicitado à Prefeitura o encaminhamento, à Coelba, dos projetos elétricos do estádio, para garantir a iluminação de todo o equipamento, assim como a finalização dos serviços que irão levar água para a irrigação do gramado, cuja implantação está em fase final.

A reforma no Caldeirão contemplam ainda serviços de obras civis, elétricas e hidrossanitárias, conserto do muro do entorno e recuperação do sistema de drenagem.

“Estamos todos, Governo e Prefeitura de Candeias, muito empenhados em entregar o equipamento esportivo para a população do município e região. Nesta primeira semana de julho, o governador Rui Costa entregou as obras de requalificação do entorno do estádio executadas pela Conder, num investimento de R$1,1 milhão, abrangendo uma área de 4,7 mil metros quadrados. Com isso, além do estádio totalmente reformado, a população irá contar com uma área de lazer e de encontro também toda revitalizada e iluminada”, comemorou o diretor Vicente Neto. 

Dentre os itens já instalados no entorno do Caldeirão, constam bancos de concreto com encosto, mesas e cadeiras também de concreto, estacionamento de bicicletas, quiosque, parquinho, bem como uma praça com equipamentos de ginástica.  

A intervenção já inaugurada também envolveu a criação de 104 vagas de estacionamento para veículos de pequeno porte, quatro para veículos de grande porte e 30 para motocicletas. Para reforçar a iluminação, 20 postes foram instalados.

Hilda Fausto DRT 17484

08.07.20  – Ascom Sudesb


Tel. (71) 3103-0915  

Receita Federal irrita auditores ao promover curso sobre sexualidade

“Pelo jeito, as prioridades são outras”, disse uma servidora, em mensagem enviada à coluna Cláudio Humberto

Com o País quebrado, em dificuldades, a Receita Federal do Brasil achou relevante convidar seus funcionários, dias atrás, a participar de um seminário online sobre o tema “Sexualidade em tempos de pandemia”. Marcado para dia 23, às 10h, o evento provocou imediata reação. “Pelo jeito, as prioridades são outras”, disse uma servidora, em mensagem à coluna. A Receita explica que a “live” é ação da área de “Qualidade de Vida no Trabalho”, no programa sobre saúde e bem-estar de servidores. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

“As ‘lives’ têm sido realizadas sem custo para administração pública, resultantes de ações voluntárias dos palestrantes”, explica a Receita.

O convite despertou indignação por parte dos auditores-federais, relatou uma funcionária. O evento será realizado em horário comercial.

Notícias Relacionadas

A Receita explica que as “lives” tratam saúde mental, ansiedade, inteligência emocional, exercícios físicos na quarentena.

Destruição florestal na Europa disparou 69% sem críticas de ambientalistas

Revista científica Nature denunciou desmatamento ligado ao “mercado da madeira” sem qualquer repercussão

Receptiva a críticas ao Brasil na área ambiental, sobretudo oriundos da Europa, a mídia brasileira ignorou levantamento da revista científica Nature, divulgado há dez dias, indicando que o desmatamento cresceu 69% em 2018, na União Europeia.

Enquanto o Brasil preserva 70% das florestas, na Europa mal chega aos 30%, se incluir áreas reflorestadas. Para a Nature, a devastação na Europa está ligada à “recente expansão dos mercados da madeira”, que aliás é rival da madeira da Amazônia. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O estudo foi coordenado pelo cientista Guido Ceccherini, do Centro Comum de Investigação, da Comissão Europeia, em Ispra (Itália).

Notícias Relacionadas

Bombeiros tentam conter incêndios florestais na Espanha.

Imagens de satélite revelam que a área devastada na Europa deve afetar a biodiversidade, provocar erosão e ameaçar mananciais (fontes d’água).

Suécia, Finlândia, Espanha, França e Alemanha têm mais florestas na Europa. Mas só na França de Macron, o desmatamento cresceu 30%.

Em Portugal, cuja imprensa reproduz como papagaio ataques e mentiras contra o Brasil, a “deflorestação” cresceu 56%.

Imagens dos bombeiros exibidas na Euronews e ignoradas no Brasil: queimadas devastam o que resta de florestas na França.

contador free
nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia

julho 2020
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia