IMÓVEIS

Descubra como ter a melhor experiência na compra do seu primeiro imóvel

Imagem: Pixabay

 

Comprar uma casa é um enorme compromisso financeiro e pode ser assustador – especialmente se você é um comprador iniciante.Os compradores que desejam adquirir um primeiro imóvel precisam de uma visão geral básica muitas vezes. E isto é especialmente verdade para os compradores iniciantes que não estão familiarizados com o processo de aquisição imobiliária.

Pensando nisso, este post visa dar algumas dicas importantes para quem está procurando o seu primeiro imóvel. Cabe lembrar que algumas das etapas do processo de compra de casa podem variar de estado para estado, dependendo do costume e legislação local.

No entanto, quando você retira toda a parte burocrática – o que pode ou não acontecer com você -, existem apenas cinco etapas básicas para comprar uma casa, de maneira geral. Acompanhe cada uma delas!

  1. Contrate um agente de imóveis para te ajudar

Você não precisa contratar um agente de compras se preferir pesquisar imóveis e procurar on-line uma enorme quantidade de casas disponíveis na internet, mas contratar um agente economizará seu tempo. Aqui está o porquê: um agente imobiliário pode checar anúncios que se ajustem aos seus parâmetros, e você não perderá tempo vendo anúncios curtos e ativos que estão sob contrato de diversos profissionais. Bons agentes mantêm parcerias e acabam tendo condições de ajuda-lo a encontrar a melhor opção para o seu perfil.

  1. Trace o perfil do imóvel desejado e se pode pagar por ele

Como comprador residencial pela primeira vez, o mais importante a ser lembrado é se você pode realmente dar esse passo. É aconselhável montar um orçamento antes de começar a procurar um imóvel.Pense em como vai lidar se sua situação financeira mudar ou as taxas de juros subirem e tome cuidado para não se sobrecarregar. Lembre-se de que suas economias terão que cobrir não apenas o depósito, mas também despesas que já possui e outras como mudança, decoração, mobília, taxas e impostos… Não importa se você está buscando por um apartamento ou por casas à venda em Salvador.Comprar um imóvel pode ser um processo avassalador e emocionalmente desgastante. Encontrar o lar certo nem sempre é uma tarefa fácil. Programe um máximo de duas a quatro casas por vez para visitar, porque mais do que isso fará sua cabeça girar. A maioria dos compradores realiza muitas pesquisas on-line antes mesmo de entrar em um imóvel. Os compradores passam em média de seis a oito semanas tentando descobrir onde querem morar. Depois que o bairro é selecionado, a maioria dos compradores acaba comprando uma casa depois de dois ou três visitas.

  1. Consulte a possibilidade de financiar e obter um empréstimo

Nem sempre é necessário ter um corretor financeiro ou um banco no bolso antes de comprar uma casa, mas é mais inteligente obter a pré-aprovação de um empréstimo com antecedência. Dessa forma, você sabe ao certo o quanto de porcentagem de uma casa você pode arcar, ou a média de valor que seu bolso suportará comprar. Muitos vendedores não analisam uma oferta se não tiverem certeza de que o comprador pode obter um empréstimo ou condições de arcar com a compra do imóvel. Empréstimos populares para compradores iniciantes são empréstimos de risco muitas vezes, especialmente porque o requisito mínimo de entrada é muito menor que um empréstimo convencional. Contudo, é muito possível de ser conquistado se você possui renda estável e bom relacionamento com uma instituição bancária. Para consultar diferentes instituições e verificar diferenças de propostas, você pode solicitar ao seu agente uma indicação de um agende financeiro ou verificar com seu próprio banco/cooperativa de crédito. Compare os tipos de investimento disponíveis para você e analise os dados com calma, mesmo que esteja inicialmente apenas buscando pela compra de um terreno em Salvador para depois construir.

  1. Negocie a oferta com o proprietário: isso é algo primordial

Às vezes, os compradores cometem o erro de comparar o preço de venda de uma casa com outras casas que viram. É um erro comparar preços de venda entre casas à venda. Isso ocorre porque os vendedores podem pedir o preço que quiserem. Isso não significa que a casa será vendida por esse preço. Um agente pode fornecer vendas comparáveis ??e examinar as vendas pendentes, como por exemplo de um apartamento em Salvador. As vendas comparáveis ??são tipos de residências semelhantes nas mesmas condições e locais que foram vendidos nos últimos três meses. As vendas pendentes se tornarão as vendas comparáveis quando a sua casa fechar. Pode ser necessário pagar acima do preço de tabela no mercado de um vendedor, principalmente se muitos compradores disputarem o mesmo estoque. Seu agente pode fornecer uma faixa de preço razoável e ajudar a gerenciar suas expectativas. Um bom agente de compras sabe que sempre há mais em uma oferta do que seu preço, mas o preço é primordial.

  1. Faça a inspeção do imóvel antes de fechar contrato

Vale à pena considerar uma inspeção residencial antes que os compradores façam uma oferta de compra de um imóvel. Em alguns casos uma inspeção residencial é uma contingência contratual. Ou seja, é uma contingência de contrato que significa que o comprador tem o direito a cancelar o contrato. Talvez você não queira comprar uma casa com uma fundação defeituosa, por exemplo.

Geralmente, os vendedores não precisam fazer reparos se forem descobertos problemas durante uma inspeção residencial. No entanto, às vezes, quando um comprador envia uma solicitação de reparo ao vendedor, em vez de fechar o negócio, o vendedor geralmente concorda em reparar a avaria antes de entregar as chaves ao comprador.

Lembre-se sempre que uma boa comunicação é importante quando as coisas dão errado ou há detalhes a serem dirimidos. Quando ocorrem problemas, vale a pena fazer um esforço para manter contato com o vendedor por meio de seu advogado e/ou agente imobiliário. Muitas vezes é possível resgatar a situação mantendo as linhas de comunicação abertas.Se tudo correu conforme o planejado, entre em contato com seu credor ou consultor financeiro para prosseguir com o empréstimo/financiamento bancário.

Gostou destas informações? Aproveite e compartilhe este post em suas redes sociais!