O Exército possui dois Batalhões Ferroviários de Engenharia com capacidade de operar no modal ferroviário. O grupo que está participando do estágio é ligado ao Departamento de Engenharia e Construção e ao Sistema de Obras de Cooperação do Exército.Ao longo desta quarta-feira (4) as atividades incluíram a visita a uma fábrica de dormentes, a execução de obra de arte corrente, observação de drenagem de plataforma e assentamento de dormentes com utilização de pórtico rolante sobre trilhos.O estágio tem por objetivo proporcionar uma atualização sobre as novas técnicas e métodos de planejamento e execução de obras ferroviárias, capacitando-os a atuarem como disseminadores do conhecimento entre os batalhões de engenharia, que trabalham na execução direta de obras de infraestrutura, em parcerias com outros órgãos da administração pública.