VEM AÍ O PINGA FOGO.

DIRETO DA FLORESTA AMAZÔNICA PARA TODO BRASIL. TERÁ AQUI NO NOSSO SARRAFO UMA COLUNA GARANTIDA.

 

O Pinga Fogo, é um ser humano inquieto, originário das queimadas amazônicas que agora aportou na terra dos FOGOS SEM PINGOS, numa manhã ensolarada e recebido no cais do porto, pelas falsas gabrielas e um baticum infernal, e com algumas autoridades presentes, para recebê-lo.

E num destes Transatlânticos que aportam no cais do porto internacional, com o risco de encalhar, aparece de frente e cabeça erguida o tal Pinga Fogo. Mas, mesmo assim o desconhecido desceu garbosamente, vestido num paletó vermelho, que lembra o fogo ardente, uma gravata cor de cinza, calça verde nacional e sapatos de couro Jacaré com penas de Ararinha Azul.

Deu seu recado as autoridades, confirmou o que já se sabia pela imprensa do mundo inteiro, principalmente pela francesa sob a liderança do grande jornalista, Me Pega Me Solta, e os jornalistas fofinhos da Globo, liderado pelo SuperBond, que quando cola, é pior que relê de carro velho.

Com isto explicado, dirigiu-se para uma pousada na zona norte, que um dia será uma zona qualquer, pelo descuidado do guardião das chaves, e os ventos que sopram na sua direção.

Vale dizer que, esta pousada em razão da chegada do Pinga Fogo, já foi rebatizada por ” Maré Alta de Fogo Baixo”.

Então, é só aguardar que a qualquer momento o Pinga Fogo, retornará com novidades deste recanto, que com seu patins elétrico está percorrendo cidade e redondeza.

Abraços foguetórios e incendiários.

O PINGA FOGO.