Na aritmética não podemos calcular ou comparar quantidades heterogêneas, assim como 16 anos com 8 meses.

Lapso na Psicologia

Na psicologia, o termo é utilizado como lapso freudiano, ou conhecido por ato falho. É um erro verbal levado por falhas na memória, geralmente associadas ao subconsciente. Um ato falho comum é confundir o nome do cônjuge atual pelo anterior, em que a memória antiga torna-se mais relevante em momentos de fraqueza, desatenção, e principalmente em que o subconsciente está voltado àquelas lembranças passadas, seja por qualquer razão. É o que acredita a psicanálise, conforme definido por Sigmund Freud.