WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: 20/abr/2018 . 19:54

EX-SUPERINTENDENTE DESMENTE NOTA DA SUTRAN

O ex-superintendente da SUTRAN, Paulo Machado, desmentiu de forma categórica nota da Sutran informando que o atual governo teria recuperado 10 motos que se encontravam “sucateadas” pela gestão anterior. Em verdade, segundo Machado, o governo anterior entregou as motos em perfeitas condições, com apenas uma em manutenção. As motos foram adquiridas em dezembro de 2015, e, portanto, tinham apenas um ano de uso. “Chega a ser patética essa informação, já que a própria população é testemunha do que afirmamos, pois viram as motos circulando nas ruas no início do atual governo”- disse o ex-superintendente. 

Ainda de acordo com Machado, as motos pararam no atual governo pois estavam com os pneus carecas pondo em risco a vida dos agentes de trânsito, além de estarem com os documentos atrasados. “Tornou-se prática do atual governo promover ataques à gestão anterior, chegando ao ridículo de fabricar uma notícia que não se sustenta um minuto de pé, pois a própria população testemunhou o contrário” – concluiu Paulo Machado.

 

Sutran recupera 10 motos para ajudar no reforço da fiscalização no trânsito de Ilhéus – Secom

Comentário do blogueiro: Sinceramente, Ilhéus não precisava passar por esse tipo de vexame. Vergonha alheia…

O VENENO DA NOITE!

Um homem de bem, não pode conviver com ladrões.

Isso pode tisnar sua personalidade, com reflexos nos seus descendentes…

VALDERICO REIS EXULTANTE NO TOCANTINS

Dizem que quando recebe notícias de Ilhéus, cai na risada, bate palmas e até sapateia com os pezinhos:

– Não diziam que eu era o pior de Ilhésu?

Abaixo uma foto capturada.

Valderico ‘sem’ jaleco quer voltar…

A CÂMARA DE VEREADORES DE ILHÉUS, DEIXA CAIR A MÁSCARA.

“DENÚNCIA

Câmara de vereadores de Ilhéus aprova na surdina programa de trabalho para 2018 que usa 11% do fundo de cultura da cidade para o desenvolvimento de projetos evangélicos. Além da maioria dos vereadores de Ilhéus serem evangélicos, existe a suspeita que a deputada Angêla Souza também mexeu seus pauzinhos por trás. A deputada é acusada pelo Ministério Público Federal por suposta fraude em processo licitatório com recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) no município de Ibitapitanga, a 340km de Salvador, somando um desvio no valor de R$ 801.788,20.
Desde que a Constituição de 1891 estabeleceu a República no Brasil, por decorrência dela foi estabelecida, sem recuos, a separação entre a Igreja e o Estado, ou seja, o Estado é laico até os dias de hoje, por isso não possui religião oficial.
A aplicação de recursos públicos em eventos religiosos viola a laicidade estatal, e com ela a própria noção de igualdade e republicanismo de nosso regime democrático ficam vulnerabilizadas. Para além disso, as igreja são resguardadas com a isenção de impostos e arrecadam mensalmente um valor substancial, não declarado, com a arrecadação do dizimo dos fiéis.
O Conselho Municipal de Cultura foi sondado e garante que já está a par do ocorrido e que entrará com os recursos legais para resolver a situação, enquanto isso, os artistas locais já começam se organizar para fazer uma frente contra esse ato anticonstitucional.
Abaixo segue a lista dos eventos evangélicos a serem financiados pelo fundo de cultura de Ilhéus:

Dia Municipal dos jovens adventistas (R$ 30.000)
Semana da Bíblia (R$ 10.000)
Cultura Evangélica (R$ 100.000)
Apoio a Marcha para Jesus (R$ 80.000)
Vem louvar verão (R$ 80.000)”
https://www.facebook.com/IlheusDaDepressao/photos/a.376294772474415.1073741832.281372865299940/1346228445481038/?type=3&theater

DESOBEDIÊNCIA COMERCIAL E RELIGIOSA!

O combalido comércio de Ilhéus, não pode se agachar a uma Prefeitura que compra fora da cidade.

Não está vendendo nada, vai vender num dia santificado ao Padroeiro da cidade?

Comerciante tome tento, cuide de sua vida, ninguém vai cuidar dela…!


1º FORRÓ DO BLOCO MALOKEIROS DO MALHA

Depois de 11 anos de sucesso no carnaval de Ilhéus, o bloco lança seu evento junino.

Coordenação e contato com Quinha do Malha.

Malokeiros do Malha, animação e festa

FOTOGRAFIA QUE JAMAIS SERÁ RÉ-CLICADA

Pinheiro, Wagner e Lídice.

Festival de Dança de Una vai mobilizar dançarinos da região sul do estado

Festival de Dança de Una

No mês em que se comemora o Dia Internacional da Dança (29 de abril), o município de Una sediará o II Festival de Dança de Una. O evento, que será realizado neste sábado (21), a partir das 18h, no anfiteatro da Praça Municipal de Una, reunirá mais de 130 dançarinos da região sul do estado da Bahia. O festival é promovido pelo grupo de dança unense King’s Dance, com apoio da Prefeitura de Una, por meio da Secretaria Municipal de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer.

O evento vai mobilizar dançarinos e moradores de nove cidades da região. A programação inclui apresentação de 15 grupos de dança das cidades de Camacan, Canavieiras, Eunápolis, Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Itajuípe, Uruçuca, além do grupo anfitrião, King’s Dance, e outros grupos de Una.

Confira os grupos participantes:

:: LEIA MAIS »

Municípios têm queda de 13% na receita do FPM

Publicado em 19/04/2018 às 11h30. Fonte: Bahia.Ba

Municípios têm queda de 13% na receita do FPM

“Essa queda brusca dificulta qualquer intenção das prefeituras em manter um planejamento ou uma gestão equilibrada”, afirma Eures Ribeiro, presidente da União dos Municípios da Bahia

Redação

Foto: divulgação / União dos Municípios da Bahia

Principal fonte de receita para 80% das cidades baianas, o Fundo de Participação dos Municípios (FPM) registrou queda de 13% no segundo decênio deste mês de abril, comparado com o mesmo período do ano anterior.

De acordo com o presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), Eures Ribeiro (PSD), para ter uma noção, um município com coeficiente 0.6 (com até 10 mil habitantes) recebeu na segunda parcela de repasse, em abril de 2017, a quantia de R$ 78 mil. Neste ano, no mesmo período, estão sendo repassados R$67 mil.

“Essa queda brusca dificulta qualquer intenção das prefeituras em manter um planejamento ou uma gestão equilibrada”, afirma Eures Ribeiro, que é também prefeito de Bom Jesus da Lapa.

O gestor também destaca que a retração econômica afetou em cheio os municípios. “Essa receita é basicamente formada do Imposto de Renda e Imposto Sobre Produto Industrializado (IPI), quando cai o consumo e aumenta o desemprego, são os municípios que pagam a conta. Não dá pra falar em melhora da economia se nossa receita só despenca”.

O presidente da UPB já articula para maio próximo a ida dos prefeitos baianos à capital federal para fazer coro com gestores de todos os estados brasileiros na XXI Marcha à Brasília em Defesa dos Municípios.

O evento que costuma trazer conquistas às prefeituras, esta edição tem na pauta prioritária a atualização dos programas federais pelo índice oficial de inflação; o debate sobre os pisos salariais do magistério e dos agentes comunitários de saúde e combate a endemias; obras paralisadas; e no judiciário a Lei dos Royalties – 12.734/2012, que aguarda decisão do Supremo Tribunal Federal sobre liminar concedida na ADI 4917.

Comentário do blogueiro: Para os que não tem ‘intimidade’ com os números, significa que promessas vão continuar sendo promessas, e ordens de serviço  vão ser apenas propaganda.

anuncie aqui

Carregando...

Tabela do Brasileirão

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
abril 2018
D S T Q Q S S
« mar   maio »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia