WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: 8/mar/2018 . 23:39

A MENTIRA TEM PERNAS CURTAS, PREFEITO SEM PRESTÍGIO E ENGANADOR DE TROUXAS!

A nova mina de ouro do dono da Natura: chocolate e café

O empresário Guilherme Leal, sócio-fundador da Natura, vai tentar repetir a fórmula que deu origem a uma das maiores empresas de cosméticos do país. Desta vez, a ideia é inovar no mercado de chocolates e cafés especiais.
A entrada no novo ramo foi em junho de 2017 e agora a nova marca, a Dengo, abriu sua segunda loja no shopping JK Iguatemi, um dos mais nobres em São Paulo. A primeira loja-piloto funciona no Morumbi Shopping, também na capital paulista.
Leal é o investidor do projeto, que tem outros dois sócios, entre eles o idealizador do empreendimento, o engenheiro de produção Estevan Sartoreli, que por 12 anos também trabalhou na Natura.
Seguindo, aparentemente, o mesmo caminho que consolidou a Natura, a Dengo busca aproximar pequenos e médios produtores do consumidor final, gerando impacto social e retorno direto para estes produtores, por meio do compartilhamento de parte dos lucros com eles e suas famílias. “É possível fazer diferente e criar modelos sustentáveis que compartilham valor em sua cadeia”, afirma Sartoreli.

O primeiro passo foi encontrar os produtores das melhores amêndoas de cacau. Foi criado o Centro de Inovação do Cacau na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), entre Ilhéus e Itabuna, na Bahia. Atualmente, a rede integrada já é formada por 120 produtores. Todas as amêndoas são avaliadas neste centro, que chega a rejeitar cerca de 40% da matéria-prima que lá chega. O preço pago pela qualidade superior das amêndoas é significativo. Segundo Sartoreli, a Dengo chega a pagar 70% a mais pelo quilo de cacau.

As receitas foram desenvolvidas pela chocolatière Luciana Lobo, sem adição de essências ou aromas e nenhum tipo de gordura hidrogenada, apenas a manteiga do cacau. O açúcar também vai em quantidades moderadas e, quando necessário, é orgânico. “Mais cacau e menos açúcar é a nossa bandeira”, afirma Lobo.
No portfólio estão as tradicionais barras de chocolate vendidas em seis variações de teor de cacau, de 36% a 75%, além de uma versão sem açúcar. Todas as barras possuem a origem especificada em sua embalagem, com fotos e informações sobre seus produtores. Os bombons são recheados com frutas brasileiras, como cupuaçu, jabuticaba, caju, cajá, e algumas opções sazonais, também cultivadas por estes produtores. Há também as chamadas “quebra-quebras”, grandes placas de chocolate com recheios como banana ou abacaxi com coco, vendidas a granel. Há ainda as pepitas, amêndoas de cacau torradas e drageadas, com coberturas variadas. Os preços dos produtos variam, mas em média o quilo do chocolate sai por R$ 200.
A base das receitas ainda é preparada em Schwyz, cidade suíça onde foram produzidos os primeiros chocolates da marca. O maquinário necessário para que a produção seja feita inteiramente no Brasil, no entanto, já foi comprado.
Além dos chocolates, a Dengo também trabalha com cafés, no mesmo esquema de fortalecimento de produtores locais. Os cafés são produzidos em Minas Gerais e em São Paulo e correspondem, atualmente, a 20% da receita da empresa, cujo valor não é revelado. Os cafés são comercializados em grãos ou moídos, em embalagens de 250g.
O cacau também é utilizado na receita de cervejas, desenvolvida pela Dengo e produzida pela Ashby Cervejaria, em Amparo (SP), e de chás, estes produzidos pela própria empresa com cascas das amêndoas de cacau. Todos os produtos podem ser encontrados no site da loja e é possível, inclusive, escolhê-los de acordo com seus produtores. As entregas são feitas para todo Brasil.

Planos de expansão :: LEIA MAIS »

NEPOTISMO DE LÁ, E O NEPOTISMO DE CÁ!

Em Itabuna o Prefeito Fernando Gomes já demitiu a esposa.

Em Ilhéus o Prefeito Mário Alexandre, não parece disposto a demitir a esposa Soane Galvão, da Secretaria de Desenvolvimento Social.

Será que vai peitar o Ministério Público?

Secretária Soane Galvão e seu esposo, o Prefeito Mário Alexandre.

“Estou à disposição do partido”, diz Cacá Colchões

Na manhã desta quinta-feira, 08, o ex vice-prefeito de Ilhéus, Cacá Colchões, concedeu entrevista ao radialista Tony Martiolli, na Rádio Santa Cruz. Durante sua participação no programa, Cacá esclareceu sua possível candidatura a deputado federal pelo Partido Progressista, analisou algumas prováveis candidaturas e criticou a gestão de Mário Alexandre.

Cacá lembrou a sua candidatura, na eleição passada em que ficou em segundo lugar, com uma boa expressão de votos. Embora dedicado ao lado empresarial, o progressista não descartou a possibilidade de participar do pleito em 2018.   “No ano de 2017 e no início de 2018 eu  precisei  voltar para o lado empresarial, reconquistar novos caminhos, mas, continuei no partido progressista no qual sempre me coloquei a disposição esperando ser convocado”, enfatizou.

Cacá deixou claro que ainda não é pré-candidato a deputado federal, mas não descarta a possibilidade de representar Ilhéus na corrida eleitoral.   A candidatura do ex vice-prefeito depende, agora, da posição do partido e das pesquisas internas no qual já revelou um resultado satisfatório.

Questionado se sua possível candidatura prejudicaria o deputado Bebeto Galvão, o progressista foi enfático “quem vai analisar a candidatura de Bebeto é a população que votou nele. A minha candidatura não atrapalha ninguém. Ela só fortifica a região cacaueira”.

         Já com a deputada estadual, Ângela Souza, o entrevistado questionou seu mandato e convocou a população para fazer uma reflexão. “Ela já está no terceiro mandato. São 12 anos de mandato na cidade de Ilhéus. O que foi que a deputada trouxe para ilhéus que mudasse a vida dos ilheenses de fato? A população tem que refletir e analisar se ela merece continuar”, disse Cacá de forma categórica.

Na ocasião,  o entrevistado não poupou críticas a gestão de Mário Alexandre que não está sabendo atender as necessidades básicas da população.  “Ilhéus estava preparada para um grande salto em 2017, com a organização administrativa realizada por Jabes. Essa é a verdade”.

Em relação ao caos na saúde, Cacá atribui a falta de planejamento da atual gestão no trato com os recursos.  “Está sendo necessário o  Governo do Estado intervir  na saúde básica de Ilhéus”.  Além da área da saúde, Cacá criticou a preservação das estradas distritais, a falta de uso da usina asfáltica e a limpeza urbana.

RETÍFICA MARIOLA – RECUPERA MOTORES ‘BATIDOS’.

Em pleno sucesso a Retífica Mariola.

O que não prestava nos governos anteriores, estavam com o motor ‘batido’.

Mariola deixa novinho, com status de excelência…

Motor ‘batido’…

ESPAÇO DO LEITOR – CONSELHO TUTELAR

Oi gente foi encontrado três crianças aqui no ponto de ônibus da chocolate caseiro sentido a uruçucar sendo visto pela população e chamamos o conselho tutelar. A funcionária veio atende o chamado da população, mais ela ligou pro conselho tutelar, pedindo um carro para levar as crianças de volta para casa dos pais, mais não tinha nem um carro disponível com gasolina. Isso e uma vergonha um órgão que servem a população não tem combustível para rodar que prefeito e esse que vira as costa para população o nome dele e Mario Alexandre. Apelido e Marão.

Olha ai

Mim ajude colocar no blog

Tinha várias pessoas no local até a policia 70

As criança vítima de maltrato pelo pai

Crianças tinha 6,8,9

Obrigado

ESPAÇO-DO-LEITOR

DIÁRIO OFICIAL DO MUNICÍPIO – TODAS AS DATAS.

 Mais informação para o cidadão, clique no link, navegue e pesquise.

http://www.ilheus.ba.gov.br/diario-eletronico 

 



anuncie aqui

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
Carregando...

Brasileirão

março 2018
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia