Prefeito instaura sindicância para apurar denúncia de extorsão

Após receber denúncia sobre suposta tentativa de extorsão praticada por servidores públicos do município, da área de fiscalização, o prefeito de Ilhéus em exercício, Carlos Machado (Cacá), determinou a abertura de sindicância, através da Portaria Nº 510 /2015, para a devida apuração dos fatos.

A comissão de sindicância é composta pelo advogado Marco Aurélio Lelis de Souza, sub Procurador Geral do Município, Nelson Matos Machado, Chefe de Seção do Jornal Oficial, e Ailton Marques Rodrigues, Chefe do Setor de Contratos e Convênios da secretaria de Administração. Conforme a portaria, a comissão terá o prazo de 20 dias para conclusão dos trabalhos.

A comunicação sobre o fato chegou ao conhecimento do prefeito em exercício Carlos Machado na tarde de hoje, 30 de outubro, por volta das 14h20min. Considerando a gravidade dos ilícitos supostamente praticados por servidores públicos da Administração prejudicando terceiros, a sindicância foi imediatamente autorizada aos setores competentes.

Secretaria de Comunicação Social – Secom. – Ilhéus, 30.10.15