Depois de ter o teto destruído pela chuva, a unidade passará por uma completa reforma

A reforma da Sala Almiro Vinhais, em Aritaguá, vai passar por reforma. Reprodução Tv Santa Cruz

A reforma da Sala Almiro Vinhais, em Aritaguá, vai passar por reforma. Reprodução Tv Santa Cruz

A Prefeitura de Ilhéus, através da Secretaria de Infraestrutura, Transporte e Trânsito (Seintra), iniciou processo de licitação para reforma da sala isolada da Escola Nucleada de Aritaguá, na Ponta do Ramo, zona norte do município. O espaço teve o teto e outras partes danificadas em julho, depois que uma forte chuva atingiu a região.

De acordo com o superintendente de Obras da Seintra, Derneval Furtunato, o serviço, orçado em 102 mil reais, vai abranger a troca completa do telhado, do forro, das instalações elétrica e hidráulica, colocação de novas portas, janelas e banheiros. Nesse mesmo pacote, está prevista a ampliação do número de salas de aulas, o que permitirá que mais estudantes possam se matricular na unidade.

Transferência – A secretária de Educação de Ilhéus, Marlúcia Rocha, explica que, em julho passado, quando uma forte chuva danificou a unidade escolar, o Município disponibilizou espaço adequado para realização das aulas, no povoado de Ponta da Tulha, inclusive com oferta de transporte. No entanto, os pais dos alunos foram contrários à medida.

Diante disso, os próprios pais decidiram que as aulas seriam dadas num local improvisado, enquanto os problemas com a escola estavam sendo sanados. Já na última semana, os alunos precisaram deixar esse imóvel e, novamente, a Secretaria de Educação disponibilizou um imóvel adequado em Ponta da Tulha, tendo, mais uma vez, ouvido a recusa dos pais.

Diante do impasse, a secretária Marlúcia Rocha argumenta que o Município tem feito todo o esforço possível para resolver o problema, mas, “enquanto os pais se negarem a deixar que seus filhos assistam aulas no povoado vizinho e as obras da unidade escolar não ficarem prontas, os estudantes terão de ficar em casa e, assim que a reforma for concluída, as aulas serão repostas para garantir o ano letivo”.

Secretaria de Comunicação Social – Secom. Ilhéus, 14.10.15