raymundo_veloso_eltonbomfim_abr

Estas me foram contadas pelo ex-Deputado Federal Raimundo Veloso, amigo de longas datas, desde os tempos futebolísticos.

Deputado de 1º mandato, de cara é considerado do baixo clero, o pin(broche) é diferenciado, os jornalistas e repórteres que cobrem o Congresso identificam de longe, não dão a minima atenção.

Suas indicações, emendas e projetos, vão dormir nas Comissões, a não ser que arranje um colega graduado para ajudar, dando um empurrãozinho.

Participam de Comissões porque é regimental.

Só discursam na Tribuna em sessão vazia, o discurso vai para os anais da Câmara, o que também é regimental. Daí o parlamentar pode distribuir para as suas bases.

Finalizando, por rodizio entre eles mesmos, um dia vai presidir uma sessão, daquelas que abrem e fecham por falta de quorum, novamente com direito a registro nos anais e fotos para distribuir com os eleitores de sua base.