O I Encantar – Encontro de Corais Grapiúnas, que vai levar ao palco sete corais de Ilhéus e Itabuna, no próximo dia 26, às 19h, no Teatro Municipal de Ilhéus, oferece também um workshop gratuito para músicos de Ilhéus e região.

O workshop “Canto Coral e Regência” acontece no dia 26, das 8h às 13h, na Fundação Cultural de Ilhéus, e vai abordar técnicas e exercícios vocais para aprimoramento do canto coral e prática de regência. A ministrante é a conceituada musicista Acenísia de Azevedo, fonoaudióloga, cantora, professora de canto, regente, compositora, arranjadora, preparadora vocal e pesquisadora. 

Para se inscrever, o interessado deve enviar um e-mail paravejoarte@gmail.com, informando nome, telefone, profissão e razão pela qual se interessa em fazer o curso. As vagas são limitadas e abertas aos interessados da área musical. Mais informações, acesse: facebook.com/IEncantarGrapiuna.

 A realização do I Encantar – Encontro de Corais Grapnas é da Vejo Arte Soluções Culturais e da Ativa Ideia Produção Cultural e Comunicação. Este projeto é apoiado através da 2ª Chamada do edital Calendário das Artes 2012, da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), entidade vinculada a Secretaria de Cultura do Estado (SecultBA).

Breve currículo de Acenísia de Azevedo

Formada pela Universidade Federal da Bahia, com Especialização em Voz pela CLINVOZ/RJ. É considerada a primeira Professora de Canto formada em Fonoaudiologia na Bahia e o seu Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação, também considerado pioneiro: “Técnicas Vocais para o Aprimoramento Vocal de Cantores Coralistas” foi selecionado e apresentado no 17º Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia e 1º Congresso Ibero-Americano de Fonoaudiologia.

Elaborou um trabalho para a obtenção de Especialização em Voz na forma de artigo com o seguinte título: “As Contribuições das Técnicas e Exercícios Vocais para o Aprimoramento do Canto Coral”.

Especialista em Educação de Jovens e Adultos (Universidade Federal da Bahia); Pesquisadora na área de Música e Fonoaudiologia; Musicista e Arte-Educadora.

Foi Professora substituta da Escola de Música da Universidade Federal da Bahia das disciplinas: Canto, Técnica Vocal, Fisiologia da Voz e Canto Coral.

É também integrante do Madrigal da UFBA no cargo de Músico/Soprano desde 1998.