Na atualidade as campanhas eleitorais estão se tornando cada dia mais mercadológicas do que ideológicas. Durante três meses cada comitê de campanha funciona como uma empresa, onde há pessoas trabalhando em prol da eleição de um candidato, com gastos de contratação de pessoal, aluguel de carros, estrutura para comícios, aluguel de carros, combustível, alimentação, pagamento de peças publicitárias, etc. Além da preocupação com tantos gastos, os candidatos precisam se preocupar com a maneira como conseguirão recursos para pagar estas e outras despesas, assim como com a prestação de contas da arrecadação e da utilização do arrecadado.

A cada eleição cresce a fiscalização dos órgãos eleitorais sobre a maneira como as campanhas são financiadas e como o dinheiro arrecadado é aplicado, o que tem resultado na cassação de candidaturas por todo o país. Muitos candidatos erram por falta de conhecimento das leis e outros numa infeliz tentativa de burlá-las.

Com o intuito de instruir os candidatos baianos sobre as leis, normas e resoluções que regem a arrecadação, gastos e prestação de contas de campanha, como a abertura de contas de campanha, a arrecadação por meio de cartão de crédito ou realização de eventos e venda de bens, sobras de campanha e exame da prestação de contas, a União dos Municípios da Bahia (UPB), juntamente com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) iniciará no dia 24de janeiro, no Centro de Convenções de Salvador, o Fórum de Debates: “Eleições 2012. Condutas Vedadas e Legislação Eleitoral”. O evento é gratuito e contará com a presença de doutores da lei para debater com todos os presentes as ambiguidades da legislação eleitoral.

“Nosso intuito é abranger todo o estado através de Fóruns nesses municípios estratégicos. Vamos realizar em 2012 uma das eleições mais limpas na história política da Bahia”, afirma o presidente da UPB, o prefeito, Luiz Caetano.

Os temas debatidos durante os fóruns serão: A Lei Ficha Limpa; Registro de Candidatura; Condutas Vedadas; Arrecadação, Gastos e Prestação de Contas de Campanha; e Propaganda Eleitoral. Entre os palestrantes está confirmada a presença do ministro do Supremo Tribunal Eleitoral, Henrique Neves.

Para saber mais sobre as condutas vedadas em campanhas eleitorais os candidatos podem acessar o site do TER (http://www.tre-ba.gov.br/default/eleicoes/2010.jsp) e consultar as resoluções aplicadas nas eleições de 2010.

Inscrições para o fórum no site da UPB: www.upb.org.br