WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: 25/dez/2011 . 18:09

ESTERTORES DE UMA MORTE ANUNCIADA.

Eleições de 2012 são última aposta do DEM para recuperar força, diz jornal

Eleições de 2012 são última aposta do DEM para recuperar força, diz jornal

Presidente do DEM espera recuperar força política em 2012
Após perder duas de suas maiores estrelas nos últimos dois anos – José Roberto Arruda, que deixou o governo do Distrito Federal acusado de corrupção, e o prefeito de São Paulo,Gilberto Kassab, que abandonou a sigla para criar o PSD – o DEM aposta nas eleições de 2012 como salvação para recuperar sua força política. Segundo o jornal Folha de São Paulo, a legenda conta com a expressiva fatia de tempo reservado para a propaganda na TV para se recuperar nos dois próximos pleitos. Para 2012, o plano é tentar a vitória em capitais e municípios com mais de 200 mil habitantes e assim remontar a base. Já em 2014, a sigla pretende relançar líderes históricos para a Câmara de Deputados, como o ex-vice-presidente Marco Maciel (PE) e o ex-senador Heráclito Fortes (PI). Com a votação dos dois, o DEM espera ampliar a bancada em Brasília. “Ficaram no DEM os que têm compromisso. E as próximas eleições nos dirão se isso ainda rende votos no Brasil”, provocou o presidente da sigla, senador José Agripino Maia (RN).

A GUERRA SANTA DO JUDICIÁRIO.

por Samuel Celestino

O Judiciário brasileiro, era de se esperar, foi à lona. Já havia sinais de há muito de que alguma coisa de errado acontecia no Poder, nos tribunais superiores e nas Justiças estaduais. Agora, com decisões tomadas às vésperas do recesso, assumidas pelos ministros do Supremo Tribunal Federal, Marco Aurélio e Ricardo Lewandowski que, no mínimo, despertam polêmicas, chega-se à uma óbvia conclusão: os poderes da República, afinal, se encontraram em harmonia, como determina a Constituição. Em independência, nem tanto. O Executivo subjuga os dois outros, Legislativo e Judiciário.

O STF já viveu tempos melhores, de austeridade e demonstrações dignas de uma Corte Suprema. O próprio colegiado, na forma como seus membros são indicados, a infiltração política em algumas das suas decisões, os desentendimentos públicos –alguns grosseiros- entre os seus membros, o puseram a nu diante da opinião pública. A lentidão, de resto marca da Justiça brasileira, as sentenças de magistrados, muitas denotando incompetência jurídica, em especial nos judiciários estaduais. Tudo isso, em conjunto, determinou o que agora se vê: uma presumida falência do poder, tal como acontece no Executivo e no Legislativo, os dois últimos marcados por desvios constantantes de procedimento, enfim, pela corrupção aberta.

No Judiciário surgem casos de vendas de sentença; no Legislativo, a corrupção e o baixo nível permeiam seus colegiados, do Congresso às Assembléias Legislativas estaduais e dessas às Câmaras de Vereadores. No Executivo é o que se vê: a República de coalizão marcada pelos feudos controlados pelos partidos políticos gera escândalos sobre escândalos, e a rapinagem somente este ano determinou a queda de seis ministros de Estado.

:: LEIA MAIS »

UM BELO PRESENTE DE NATAL.

Radar já pode ser instalado sem aviso aos motoristas.

“Pra arrecadar o governo sempre arruma um jeitinho”

Os órgãos de trânsito não são mais obrigados a avisar sobre a existência de radares em vias urbanas e rodovias com fiscalização eletrônica. Uma resolução do Contran (Conselho Nacional de Trânsito) oficializada nessa sexta-feira (23) revogou a exigência – em vigor havia mais de cinco anos – e os radares já podem ser colocados para multar os infratores mesmo onde não houver avisos.Pela nova resolução, apesar de as placas de aviso não serem exigidas, os radares não podem ficar escondidos. Outras mudanças são o fim da exigência de estudo prévio para radares móveis em rodovias e a liberação deles mesmo em trechos de estradas onde não há sinalização da velocidade permitida.
Fonte: Blog Política Cidadania e Dignidade

OPINIÃO DE DOMINGO.

Hoje é Natal.

Não é um dia bom para dar certas opiniões, mas é dia bom para reflexão e avisos.

Quando disse que Valderico ia querer administrar Ilhéus como a garagem de seus ônibus, deu no que deu.

Quando disse que Newton não era do ramo, e que iria ficar refém dos malandros e espertalhões da política ilheense, está dando no que estamos vivendo.

Portanto, o Sarrafo virá com uma linha editorial mais dura, onde as verdades serão colocadas com toda a sua crueza, e as mentiras, embustes e traquinagens serão desmistificadas com a maior clareza possível.

Um Feliz Natal para todos, e um verdadeiro 2012 eleitoral para todos ilheenses.

contador free
nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia

marmita mensal
dezembro 2011
D S T Q Q S S
« nov   jan »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia