Depois da vitória no Senado Federal, onde o Projeto de Lei do Senado (PLS) 448/2011, que determina a distribuição dos royalties do petróleo entre todos os municípios brasileiros, o presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB) e prefeito de Camaçari, Luiz Caetano, retorna à Brasília nesta terça-feira (25) para participar de reuniões com líderes partidários da Câmara Federal, onde há a previsão de votação do projeto entre os dias 08 e 10 de novembro.

 “Por motivo de algumas Medidas Provisórias e do feriado de 02 de novembro o projeto não poderá ser votado antes. Contudo, retorno à Brasília, para junto com outros presidentes de associações municipalistas e da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), conversar com líderes partidários da Câmara, assim como fizemos no Senado, para evitar atrasos na votação e garantir que todos os municípios brasileiros tenham acesso a essa riqueza nacional já nos primeiros meses de 2012”, afirma Luiz Caetano.

A reunião com os líderes partidários, na Câmara Federal, foi marcada pelo presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), para definir a pauta da votação. Na ocasião os presidentes municipalistas negociaram com os líderes sobre as MPs que trancam a pauta e sobre a importância de aprovação do projeto sem modificações.

Caetano ainda destaca que, “este é o momento de nós prefeitos intensificarmos nossas forças junto aos deputados federais e senadores. Agora é a nossa vez de pedir o voto dos deputados federais em prol de um dos maiores projetos municipalistas que eles poderão aprovar este ano”.