WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


POPULAÇÃO DESINFORMADA.

É risível esta afirmação.

Acreditar no panfleto mentiroso, acreditar na historinha babaca de Pó de Ferro e empresa do Cazaquistão, e nas outras mentiras plantadas por aí, isso é ser informada.

Esquecer que tipo de empreendimento os bandidos ingleses, procurados pela Interpol, iam implantar no litoral norte de Ilhéus, isto é ser informada.

Mas os bandidos ingleses morreram naquele desastre de avião, até hoje não explicado. Só saberemos que tipo de empreendimento iria ser feito, se alguém abrir a boca e decidir falar.

Mas uma coisa está sendo útil neste momento, jogou a credibilidade do pessoal que é contra o Complexo Intermodal, a rés do chão, credibilidade ‘zero’.

Rede da Preguiça Mentirosa e Inanição Ilhéus.

12 respostas para “POPULAÇÃO DESINFORMADA.”

  • VERDADE says:

    Sr Guy, qual é sua verdade?..é ud empregado directo da Bamin?..porque indirecto com certeza deve ser
    Não entendo sua moléstia..o Porto Sul vai ser…em Ilheus..cerca de sua casa para que toda sua família respire a diário isso que ud defende tanto o Pó de Ferro..porque segundo vc os que dizem que o pó de ferro faz mau são os eco chatos..
    Fique tranquilo…a Bamin vai ficar pertinho de vc…

  • O Sarrafo says:

    No dia que o senhor conseguir coordenar seu raciocínio e escrever coisa com coisa, talvez mereça uma resposta mais condizente. Mas por enquanto suas interrogações não merecem resposta, tá difícil decifrar.

  • VERDADE says:

    Sr Guy..obrigado por sua resposta…delata-o completamente
    Repito-lhe que fique tranquilo o Porto Sul sera seu novo vizinho, para que acorde todos os dias com o cheiro ao Pó de Ferro que o senhor tanto defende e adora..além dos ruídos de sua almejada Ferrovia..que alegria por vc tendra na porta de sua casa todos seus sonhos

  • O Sarrafo says:

    Sempre defendi, desde o começo, o Complexo Intermodal, um Hub Logístico que tirasse essa região do marasmo e debacle econômico em que se encontrava.
    Depois veio a Bamin, como poderia ser até a VALE. Tudo bem, eu quero é o progresso o desenvolvimento. Esta conversa besta de Pó de Ferro, empresa do Cazaquistão, acho uma tremenda babaquice.

  • VERDADE says:

    Sr Guy , só que querer o progresso e o desenvolvimento a qualquer custo , destruindo sem medir as consequências está longe de ser uma conduta inteligente..é pan para hoje..fome para manhã…o fim não justifica os meios….espero que o compreenda e entenda que este povo de gente simples deve ser educado para poder aspirar a um futuro melhior

  • O Sarrafo says:

    Não adianta ficarmos discutindo mais.
    A minha visão é desenvolvimentista, a do senhor é apocalíptica, nunca iremos chegar a um denominador comum.

  • Souza neto says:

    Um “troll”, não percebeu?

  • O Sarrafo says:

    Claro, queria ver até onde ia.

  • progresso says:

    Para Verdade: vc está empregado? garanto que sim…pois é, nós jovens precisamos urgentes desse empreendimento em nossa região, e que venha mais empresas , vcs defende a continuidade do marasmo em Ilhéus. vc não tem vergonha, pois nós jovens q estamos na faculdade, é grande a expectativa desse empreendimento , se nada faz para o bem de Ilhéus, também não atrapalhe. NÃO ADIANTA TODOS NÓS DEFENDEMOS ESSE PROJETO!!!

    pode vir com argumento q quiser , ou melhor pode sair dizendo q todos nós somos desinformados, pode nos substimar.

    galera da faculdade

  • fábio says:

    Pois bem senhores!!!

    muito bonito ver todos preocupados com o desenvolvimento da região, porém a visão de vcs esta muito equivocada sobre desenvolvimento, pois todo os projetos tem que ser analisados de forma que avalie seus impactos em curto e longo prazo. É facil percebermos o seUs beneficios a curto prazo, são os seguintes:
    – geração de trabalhos TEMPORÁRIOS, mão de obra bruta (pedreiros, eletricistas, ajudantes e auxiliares). LEMBRANDO QUE ESSES TRABALHOS DURAM SOMENTE ATÉ A CONSTRUÇÃO DO PORTO.
    – a CONTRATAÇÃO DOS PROFISSIONAIS QUE TRABALHARÁ NO PORTO PROPRIAMENTE DITO, NÃO SERÁ o suficiente como pensamos, além de ser um porto privado que como toda empresa quer reduzir custos de mão de obra, LOGO OS PRIMEIROS TRABALHADORES CONTRATADOS NÃO SERAM APROVEITADO (pedreiros, eletricistas, ajudantes e auxiliares), E TEREMOS MAIS PROFISSIONAIS DESEMPREGADOS.
    – PARA A CONSTRUÇÃO DESSA MAGNETUDE NESSA REGIÃO SERÁ NECESSÁRIO CONSTRUIR UM BAIRRO NAS PROXIMIDADE DAS OBRAS PELO FATO DE VIREM TRABALHADORES DE FORA DO MUNICÍPIO DE ILHÉUS, POIS COM A PROMESSA DE DESENVOLVIMENTO DA REGIÃO PESSOAS TAMBÉM INTERPRETAM QUE SERAM BENEFÍCIDOS, AI TEREMOS OUTRO PROBLEMA QUE É A FAVELIZAÇÃO OU URBANIZAÇÃO NÃO PLANEJADA AI POLUIREMOS DUAS VEZES O LOCAL.

    SERÁ QUE O MUNICÍPIO ESTA PREPARADO PRA INVESTIR EM SEGURANÇA, SAÚDE E EDUCAÇÃO PRA RECEBER ESSE EMPREENDIMENTO?

    OS MALEFÍCIOS NEM CITO, DEIXO ISSO PARA OS AMBIENTALISTAS OU ECO-CHATOS, ISSO EM CURTO PRAZO E A LONGO PRAZO DEIXO PARA A IMAGINAÇÃO DE CADA UM…

  • O Sarrafo says:

    Talvez no dia que compreenderem que um porto, um aeroporto e uma ferrovia, juntos, formam um VETOR DE DESENVOLVIMENTO, e não uma agência de empregos, não tenhamos que ler coisas como essas.

  • Souza neto says:

    Deixei de estranhar o pensamento limitado de muitos de nossa região. De vez em quando, penso que se tivesse permanecido aqui; se não tivesse a oportunidade de deixar a roça de cacau e seguir mundo afora, estaria, aos 60 anos, pensando como muitos deles.

    Uma pena que ainda seja assim! Coloco parte da culpa por tudo isso no grupo político que manteve a Bahia subjugada por cerca de 30 anos.

    São incapazes de perceber que o intermodal é dos vetores do desenvolvimento, a exemplo do gás (que já está aí) e de outros investimentos estruturantes que ainda virão, como a ferrovia e o redimensionamento de nossas artérias rodoviárias mais importantes: ampliação da Ilhéus-Itabuna, conclusão da BA-001 nos trechos entre Canavieiras e Belmonte, Porto Seguro e Prado e Caravelas e Mucuri.

    Não perceberam que as empresas que começaram a se instalar a partir de 2010 na região (Carrefour, Makro e outros) e que a retirada da ZPE da gaveta foram atraídas pelos novos ventos que sopram na região. Que tudo isso representa postos de trabalho e melhoria da qualidade de vida.

    Aos que ainda não retiraram o véu das retinas, sugiro a leitura do livro Ambientalismo – Novo Colonialismo – Editora Capax Dei. Só pode ser adquirido pela Internet.

    Autor: Um idiota teimoso, que um dia, em 69, decidiu sair da roça de cacau da família para se tornar Oficial Superior das Forças Armadas e Professor de Nível Superior. Podem me chamar de “Intelectualóide”. É assim que me sinto aqui, no torrão natal. Continuo teimoso. Hoije, minha teimosia é tentar mudar alguma coisa para melhor aqui.

    SOUZA NETO (www.oarietenanet.blogspot.com)

Deixe seu comentário

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
março 2011
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia