WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: jul/2010

DILMA EM CURITIBA.

Vamos vencer mostrando as realizações do governo Lula

31.07.2010

Faltou lugar na Boca Maldita, espaço no centro de Curitiba dedicado às discussões e aos atos políticos, para tantos eleitores e militantes que foram ver o presidente Lula e sua candidata Dilma Rousseff na manhã deste sábado. Na falta de lugar no calçadão, as janelas dos prédios comerciais foram tomadas.

Dilma começou seu discurso com uma lembrança. Foi ali, na Boca Maldita, que os paranaenses ousaram ser livres e corajosos durante a ditadura militar. “Quando a mordaça caiu sobre o Brasil, aqui se ouviram vozes de homens e mulheres lutando pela democracia. Aqui é o espaço em que as pessoas demonstraram que são corajosas quando estão do lado correto”, afirmou Dilma.

A candidata lamentou que os adversários recorram ao medo para compensar a falta de projeto. Segundo Dilma, foi assim em 2002, na primeira eleição do presidente Lula. Em 2010, não está sendo diferente.

“Temos de repudiar aqueles que diante da primeira ameaça, da possibilidade de perderem seus privilégios, ameaçam com o medo. E tentam transformar o medo não apenas numa forma rebaixada e desqualificada de fazer política, mas para substituir a ausência de projeto”, disse a candidata.

Ela acrescentou: “Chegaram a dizer que o Brasil ia parar se o presidente Lula fosse eleito. Naquela época, a esperança venceu o medo. Hoje, nós vamos vencer o medo com as realizações do governo Lula.”

Volta para o Nordeste

Para Dilma, o comício na Boca Maldita foi, na verdade, a celebração da “revolução pacífica” feita pelo governo Lula. Lembrando a ida do presidente ainda criança para São Paulo, deixando a pequena Garanhuns, no interior do Pernambuco, para trás, a candidata disse que o caminho inverso foi construído e já pode ser trilhado.

“O caminho da volta de milhões de nordestinos para o Nordeste pode ser feito, porque lá tem trabalho e oportunidade”, comemorou Dilma.

Este Brasil de oportunidade, segundo Lula, está nas mãos, no caráter e na dignidade de Dilma. O presidente afirmou que seu governo procurou mudar a cultura do preconceito contra as mulheres. O cartão do Bolsa Família é entregue para a mulher, assim como a posse da casa adquirida pelo programa Minha Casa, Minha Vida.

“Obviamente, está cheio de homem bom, mas, no fundo, por melhor que seja o homem, raramente a gente consegue ter o mesmo afeto que uma mãe tem”, explicou.

Para o presidente, Dilma está preparada para a longa caminhada necessária “para consertar o que a elite fez em 500 anos”. “Transformar o Brasil em uma nação justa não é um passe de mágica”, afirmou Lula, emendando um conselho a sua sucessora: “Governar, Dilma, qualquer um faz. Você tem é que cuidar desse povo.”

Assista aqui ao discurso de Dilma em Curitiba.

Acompanhe a entrevista coletiva de Dilma: Parte 1Parte 2.

EMAIL RECEBIDO E CONFIRMADO A FONTE.

Companheiro depois de trabalhar 31-07 de Mt ja na saida min dirigir para falar com as colegas , da recepcão do Hglvf. onde encontrei uma criança e seu acompanhante falando do hospital sao jose …
Onde falei que era bom o hospital como o Sao jose que e Amigo da criança titulu dado pela ONU , onde nasce os ilheenses cuidaci em atender melhor suas crianças ,quaze apanhei a mas o cidadao a do PCDB

JOSIAS E FÁTIMA CONTINUAM O ROTEIRO.

Fátima e Josias chegam ao bairro da Conquista.

A comunidade da Conquista ouve os discursos.

Amanhã postaremos as reuniôes do Bairro Teotônio Vilela, Ponta da Tulha e das cidades de Itacaré e Canavieiras.

JOSIAS GOMES E FÁTIMA NUNES EM ILHÉUS.

Josias e Fátima chegando à comunidade do Bairro da Barra-Ilhéus

Comunidade atenta.

Deputada Fátima Nunes falando com o povo.

Josias Gomes também fala com o povo.

PMDB ESTÁ DESESPERADO, DIZ CAETANO

Bahia Noticias.

Luiz Caetano, coordenador da campanha de Wagner.

Foto: Max Haack/BN

Para o prefeito de Camaçari, Luiz Caetano (PT), coordenador político da campanha de reeleição do governador Jaques Wagner, o PMDB, com pífio desempenho nas pesquisas eleitorais, praticamente “jogou a toalha”, como se diz no boxe, na corrida ao Palácio de Ondina. A maior prova, segundo Caetano, de que os peemedebistas assumiram a derrota antecipadamente, é a ameaça, amplamente divulgada pela imprensa, de recorrer à fidelidade partidária para punir com a expulsão os prefeitos do partido que não estiverem fechados com a candidatura de Geddel Vieira Lima. Conforme o coordenador, muitos prefeitos do PMDB, diante da incapacidade de Geddel, em terceiro lugar nas pesquisas, de reverter a desvantagem, têm procurado o governo para manifestar apoio à reeleição de Wagner. Isso, segundo ele, teria irritado a direção peemedebista no Estado. “Não sei se a ameaça de expulsão dos prefeitos seja o melhor caminho. Acredito que só vai agravar ainda mais a debandada”, avalia Caetano

DEPUTADA FÁTIMA NUNES EM ILHÉUS.

Deputada Fátima Nunes e Gov. Jaques Wagner, amigos para sempre.

Nos próximos dias 31 de julho e 01 de agosto, a deputada Fátima Nunes desembarca no município de Ilhéus, para uma maratona de reuniões e debates políticos.

As atividades iniciam na tarde de sábado (31), com reuniões nos bairros da Barra, Conquista e Teotônio Vilela. Já no domingo, com a presença do candidato a deputado federal, Josias Gomes (1312), Fátima Nunes segue para um café da manhã, quando será discutido o Porto Sul. Logo depois a comitiva segue para Itacaré e Canavieiras.

WAGNER E A INTERNET

PROFISSÃO DE ÍNDIO

Foto: contribuição do Sarrafo

Constantes reportagens, veiculadas em rede Nacional, vêm revelando que o oportunismo desenfreado de muitos, começa a tomar características profissionalizantes no meio conhecido como Movimento Indigenista, em nosso País; invadem órgãos Públicos, depredam, registram presença com seu vandalismo, porém, a intenção maior,  única e implacável: R$ 560.000,00 pela desocupação, fato ocorrido em Brasília; invadem hidrelétrica com 300 elementos fantasiados de índio e exigem mais de R$ 5.000.000,00 pela desocupação. E tantas outras ações parecidas se deflagram e se profissionalizam neste País, sem dono e sem governo. Aqui em nossa região, tudo se repete  dentro da mesma cartilha: extorsão de jazidas de areia, de aposentadorias e de  empréstimos bancários, invasões de fazendas produtivas de cacau, somando mais de 10.000 arrobas, invasão da prefeitura de Buerarema, e tantas outras ações que se resumem no interesse pecuniário.

Tudo isto nos apresenta a  “PROFISSÃO DE ÍNDIO”.

Os “Tupinambás de Olivença”, tribo que nunca existiu, chegaram a registrar, em menos de dois anos, 7.000 pessoas cadastradas como Índio, onde a própria Funasa  nunca viu nem 4.000 desses cadastrados; mais de 400 foram descadastrados, e  imaginem o que sobrou. Decerto, o número tem interesses escusos, e levará, possivelmente, aos Profissionais do ramo,  boas vantagens financeiras.

A Profissão exige curso de teatro, pintura  e  construção de fantasias com penas de galinha, e exige mais ainda, ter coragem; coragem de invadir, de seqüestrar, de atirar e até mesmo de matar,  algo que possa impressionar a mídia internacional e atrair a imprensa desinformada. Abusam da fragilidade da lei e do poder, para demarcação de terras alheias como se fossem indígenas, e o Governo Petista, hoje já abandonado pelos intelectuais e pela Igreja, que fundamentaram sua fundação, não pode contrariar a sua própria política, denominada de Minoria: abraça com panos quentes e empurra as decisões com a barriga.

A sociedade da nossa região precisa se manifestar e apoiar os Pequenos Agricultores de Ilhéus, Una e Buerarema, nesta luta contra esta nova Profissão, pois quem paga a conta somos todos nós, contribuintes.

Estas são as nossas convicções

Luiz Henrique Uaquim da Silva

Presidente da Associação de Pequenos Agricultores de Ilhéus, Una e Buerarema

AGRADECIMENTOS AOS IRMÃOS DA BLOGOSFERA – A BORDUNA.

BLOG DO ANO, DEU SARRAFO NELES!

Premiação da CDL.

Foto: Clodoaldo Ribeiro.

A nona edição do feijão companheiro foi mais um sucesso, além de toda a estrutura e perfeito atendimento dispensado a toda a imprensa e convidados pelo presidente da CDL e sua competente assessora de imprensa Adana Matos, fomos mais uma vez surpreendidos com duas inovações. A primeira a inclusão da categoria blog entre os veículos de comunicação a serem premiados, uma prova inequívoca de que somos e estamos desempenhando a função primeira que é informar, deixada pra tráz por muitos. Alguns dizem que não somos lidos e que se quer temos credibilidade, duas mentiras derrubadas agora em público com a premiação do SARRAFO, depois porque constantemente pautamos a mídia escrita, é só ler os blogues a noite e comprar os jornais escritos pela manhã para ver que estamos na e somos parte da mídia.

A segunda surpresa foi o sorteio de uma moto, e mais surpresa foi a companheira Laudicéia Carvalho ter ganhado, realmente uma benção.

O feijão companheiro se firmou como evento e como marco no reconhecimento da mídia e na solidariedade com aqueles que precisam de ajuda, quando doa alimentos ao mais carentes. Este é um trabalho que deve ser copiado, reescrito, refeito,  por todos nós.

Parabéns ao presidente da CDL, a sua assessora Adana Matos e a toda equipe.

PAULO SOUTO, O ‘ESTREANTE’.

Paulo Souto, e alguns dos seus áulicos *.

É até interessante a estratégia do ex-governador (2 vezes) Paulo Souto, em se mostrar como um estreante na corrida pelo Palácio de Ondina.

Se esquece ele, que a pouco mais de 3 anos, entregava a Bahia a Jaques Wagner, com a saúde sucateada e com um débito de quase 200 milhões, entregava a Bahia com ‘as gavetas vazias’, sem nenhum projeto em andamento ou planejado.

Se esquece ele, quando usa alguns áulicos* na Assembléia, para cobrar pela segurança, que a impunidade gera esta insegurança e a violência, se esquece da sala secreta na Secretaria de Segurança Pública, onde ficavam escondidos os inquéritos contra os ‘amigos do rei’, ou inquéritos que poderiam respingar na turma do Governo.

A Bahia não vai mais se deixar enganar por esses ‘piadistas juramentados’.

A Bahia não é mais uma Sucupira.

*Áulico – Nos tempos do império, designava os cortesãos palacianos, os que defendiam o governante mesmo ele estando errado.


LÍDICE NA TV ARATU.

Lídice na TV Aratu

É preciso acabar com essa história que mulher não sabe governar, diz Lídice.

Entrevistada de hoje (30) do jornal Aratu Notícias 2ª edição, pela jornalista Carla Araújo, a candidata ao Senado pela Coligação “Pra Bahia Seguir em Frente” Lídice da Mata (PSB), disse que é chegada a hora do Brasil quebrar um tabu e “eleger a primeira mulher presidente da República, e a primeira senadora da Bahia e acabar com a história de que mulher não sabe governar”, externou. Lídice fez um balanço da fase inicial da campanha e disse que a candidatura dela e de Walter Pinheiro demonstram uma tendência de ascensão, comprovada nas sondagens do Datafolha e Vox Populi.

A candidata socialista garantiu que no Senado defenderá com urgência a reforma tributária como forma de descentralizar os recursos da União para que sejam repartidos entre os municípios e disse ainda que após a eleição do governador Jaques Wagner a Bahia passou a vivenciar a democratização da estrutura do poder baiano. “Eu fui prefeita e sei as dificuldades que os prefeitos tem para governar. É preciso garantir que o financiamento dos municípios sejam reavaliados com mudanças na legislação”, explica.

Lídice também reafirmou os compromissos com as bandeiras históricas que vem defendendo desde o tempo de vereadora, focada no cuidado das pessoas tendo como principio aliar as políticas econômicas à inclusão social da população mais carente. “Esse é o desafio que Presidente Lula vem colocando em prática e que certamente a presidente Dilma aprofundará e o que o Governador Jaques Wagner está fazendo com muita competência na Bahia, tanto que a pesquisa Datafolha revelou que é o segundo mais bem avaliado no Brasil”, ressalta.

Mostrou-se confiante quanto ao início da propaganda eleitoral e acredita que as mudanças que ocorrerão serão favoráveis à coligação. “O governador Jaques Wagner está consolidado há um ano numa posição de liderança sobre os outros candidatos ,inclusive com folga”, compara. Mas fez questão de ressalvar que essa posição não os coloca numa situação descansada. “Estamos diante de um desafio eleitoral e temos a obrigação de mostrar para a Bahia as transformações realizadas pelo nosso governo”, comenta.

A candidata se comprometeu em defender a proposta de Dilma que cria uma rede de proteção da infância, com a construção de creches para garantir o cuidado das crianças para que as mães possam trabalhar. “Temos que garantir o cuidado dos nossos filhos logo na primeira infância, para que a mulher trabalhadora possa ir para sua labuta  deixando  seu filho bem cuidado com proteção e saúde”.

GEDDEL QUER SEGURAR NA TORA A ‘DEBANDADA’.

Medo de ficar sozinho.

PMDB PROMETE EXPULSAR FILIADOS INFIÉIS


Bahia Notícias.

Cobrança por fidelidade vem através de ameaça a políticos do partido

De acordo com nota publicada na coluna Painel, da Folha de S. Paulo, o PMDB baiano aprovou uma resolução em que cobra fidelidade dos filiados à Geddel Vieira Lima, candidato ao Governo do Estado. De acordo com o texto, “é expressamente vedado o apoio, ainda que indireto” a outros candidatos, que não o ex-ministro. A pena para a infração é a expulsão da legenda. Para “os filiados infiéis eleitos para cargo executivo ou legislativo”, há ainda a ameaça de que eles terão os mandatos “imediatamente reivindicados” na Justiça Eleitoral. Para os legisladores, a medida tem respaldo jurídico, já que o Tribunal Superior Eleitoral compreende que os mandatos dos eleitos pela votação em chapas proporcionais são dos partido. A resolução, entretanto, não mete medo nos prefeitos, que são, juridicamente, os donos de seus mandatos, ainda quando expulsos de seus partidos.

contador free

nao basta

Webtiva.com // webdesign da Bahia
julho 2010
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia