Nada de pessoal contra Newton Lima.

Mas quando daqui deste blog, na campanha eleitoral, dizia que o candidato Newton Lima era fraco, não era do ramo, e que estava cercado de malandros e espertalhões da política ilheense, sabia exatamente do que estava falando.

Por isso não retiro uma vírgula do que falava.

Agora, alguns setores esboçam uma tímida mea culpa, tentando tergiversar sobre o assunto, em forma de incentivo a uma tomada de posição.

Acho tarde, o Prefeito eleito e empossado, sob o embuste e a empulhação do ‘feijão com arroz’, é refém do status quo.