Obtive informações de um engenheiro entendido no assunto que essa pedreira quando funcionou, só extraia pedra bruta, levando para triturar em outro local.
Agora não, a pedra será extraída e triturada no mesmo local. Daí, devida a proximidade com a represa das aguas ilheenses, que fica a 200 metros do local e a poeira da pedra vai a distancia de 2 quilômetros,  temos pela frente um desastre ambiental anunciado.
Com a palavra e a ação, os ambientalistas.